quinta-feira, 15 de maio de 2014

Ambiente conturbado


















Sem papas na língua (e eu gosto disso!), o Emerson soltou algumas indiretas após a derrota para o Goiás na noite de ontem:

"- Nós que estamos no dia-a-dia sabemos das dificuldades que temos. Muitas coisas refletem dentro do campo, no rendimento. Não é justificando, porque não tem muito o que justificar. Cada atleta tem que colocar a cabecinha no lugar, independente de qualquer coisa que esteja acontecendo, e saber que certos tipos de comportamento não podem acontecer. Em todos os clubes em que eu passei eu respeitei, não individualizando, isso serve para todo mundo. Tem que saber que não é o melhor time do mundo e que se todo mundo não correr com igualdade, saber que é um time que não está tão acima, mas que assim pode se tornar um time competitivo. Para isso cada um tem que mentalizar, ser inteligente para algumas coisas, se não fica difícil. Isso serve para todo mundo. Tem uma semana inteira para pôr a cabeça no lugar e pensar sobre isso tudo".

Para mim ficou bastante claro: Existe um grupo atuando com má vontade. E ao que tudo indica, por conta dos salários atrasados.

É bom que o Sheik jogue essa "merda no ventilador" mesmo, pois alguém precisa tirar o Botafogo dessa inércia. E como não espero nada do presidente, tomara que o atacante (Emerson) consiga criar um ambiente de cobranças internas (entre os atletas) e de respeito ao torcedor.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

36 comentários:

Anônimo disse...


agora dá pra entender melhor a emoção do Renato naquela carta de despedida. Como ele devia se sentir mal na reserva desses caras sem empenho...

Unknown disse...

Ontem ficou muito claro o que o Emerson disse, sobretudo em nossa defesa. Não é possível tomar aqueles gols se não for por falta de vontade de alguns.

Rodrigo Federman disse...

Anônimo, mas ele não estava justificando nada para ser titular.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

O Racing Santander (Espanha) já deu um exemplo ao se recusarem a jogar.
O problema é que por aqui parecem não ter a coragem de proceder da mesma forma, preferindo o "corpo mole".
Entretanto, se antes foi o Seedorf e hoje é o Sheik, apenas comprova que quem deveria se pronunciar não está fazendo.
Com o conhecido melindre, a situação tende a piorar, caso não tenha alguém capaz de sanar os problemas gerais no tocante ao futebol.
Não foi o Seedorf e tão pouco será o Sheik os responsáveis por isso.
Está faltando aparecer quem tem a obrigação.
SA.

jeremias disse...

Claro qe exeste rodrigo mais o problema e esse eterno salarios atrasados como a diretoria vai cobrar se nao tem direito e nem respeito frente os atletas o do emerson da dias e nao ira atrasar ai fica facil nao qe ele testeja errado ele ta certo so qe se chamarem ele pra cobrar a diretoria ele vai tirar o corpo fora entao ele joga a bola dele pq comigo ele sempre tera creditos

Rodrigo Federman disse...

Ronau, também acho. O Bolívar principalmente.

Marcio, não vai demorar e aposto que sobrará um boicote ao Sheik. Logo aparecem aqueles "líderes do comodismo".

Jeremias, mas entraram em campo? Joguem sério.

Abs e SA!!!

Gil disse...

Fala Rodrigão,

Nossa meta é os 46 pontos que possivelmente livra um clube do rebaixamento.
Não li comentários do post anterior e talvez seja repetitivo e não quero muito menos criticar ninguém, mas o maior culpado de tudo isso é o incompetente, omisso, submisso, presidente Mauricio Assumpção.

Espero que essa declaração do Emerson não divida ainda mais o grupo, principalmente com ele que tem a garantia dos salários em dia.

Me coloco no lugar de um profissional que não receba salário em dia! Por muito menos tomei atitude contra empresa que trabalho.

Pobre do atual Botafogo!
Pobre de nós, Torcedores!

Abs e Sds, Botafoguenses!!!

Anônimo disse...

Rodrigo, achei mais que o time foi dominado no segundo tempo, do que corpo mole. Não tinha entendido o desabado do Emerson por causa do seu cançaso, mas se tiver acontecendo o que ele falou, seria ou é um absurdo. Faz a gente até desistir de torcer, um mancha a história gloriosa do Botafogo.

Marcelo Lopes

Anônimo disse...

Emerson cobrou da mesma forma que o Seedorf cobrava. Empenho empenho empenho e comprometimento.
jacob

Marcio disse...

Desunidos que são, me pergunto algumas coisas:
Será que os jogadores de futebol desejam mesmo colocar fim a essa estória de salários atrasados?
E o Bom Senso?
E o Sindicato dos Atletas?
Aceitariam serem punidos por receberem cartões esdrúxulos?
Deixariam de dizer que preferem disputar essa ou aquela competição?
Essa situação é ruim para quem?
Essa situação é igual a dos técnicos. Reclamam da forma que são demitidos mas não pensam duas vezes em assumir o cargo do demitido sob as mesmas circunstâncias reclamadas.
SA.

Rodrigo Federman disse...

Gil, concordo plenamente com todo o seu comentário. É exatamente o que penso também.

Marcelo, fomos amplamente dominados, sim. Mas está visível que alguns jogadores não estão disputando as partidas com o máximo de atenção ou vontade.

Pai, e se bobear, logo será boicotado pelos mesmos que boicotaram o Seedorf.

Disse tudo, Marcio.

Abs e SA!!!

Sergio Di Sabbato disse...

O Seedorf se mandou exatamente por isso e o Emerson não vai aguentar muito tempo. Só uma limpeza total salva o Botafogo, mas com esses senhores feudais FDP que não largam o clube, só sugam, impossível. Abs e SB!

alex disse...

Com a palavra o jeferson e o bolivar...respondem o emerson agora ...

RENUNCIA OMISSÃO FDP....

Rodrigo Federman disse...

Sergio, também acho isso.

Alex, são os principais "líderes do conformismo".

Abs e SA!!!

VinnyMarques disse...

Aquela panelinha dos acomodados vai fritar o Emerson, assim como fritou o Seedorf.
Não temos presidente, não temos gerente nem direção de futebol.
O Botafogo é uma nau à deriva. E a corrente sempre leva a um desfiladeiro.

Rodrigo Federman disse...

Vinny, a minha impressão é de que tudo é questão de tempo mesmo.
Abs e SA!!!

Celso Ricardo disse...

Bom dia Rodrigo e demais botafoguenses.
Creio que Emerson Sheik não ficará até o fim do Brasileiro.Sairá antes do barco afundar...

Unknown disse...

Rodrigo, sabe o que infelizmente vai acabar acontecendo? O Emerson perder a vontade de ser uma liderança nesse elenco, assim como aconteceu com o Seedorf ano passado, o que ele queria era vencer, mas a falta de profissionalismo desses jogadores, que não gostavam de ser instruídos pelo holandês, tanto que até houve uma conversa com o jogador em que eles disseram que não aguentariam mais aquilo, até que quando os atletas viram que a coisa estava ficando feia, e quando eles pediram que o Seedorf voltasse a ser o mesmo líder, isso não aconteceu. Temo que isso aconteça com o Emerson. Enquanto o Nininho tiver aqui, conviveremos com essa falta de cobrança por títulos, e até mesmo profissionalismo.

Rodrigo Federman disse...

Celso, se continuar assim, é provável mesmo.

Gabriel, até porque, os "eternos líderes" não aceitam quem se indispõe contra o amadorismo e conformismo.

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Não há mais colocações a serem feitas sob risco de ficarmos repetitivos.
Essa gestão é péssima, fracassou como várias outras.
Nos meus quase 45 anos, um monte acompanhando o BOTAFOGO, nunca ví uma que prestasse.
Apenas faço uma ressalva:
Emil Pinheiro em 1989, um contraventor, que alguns insistem em dizer que manchou a história do CLUBE. Porém, de verdade mesmo, nos deu dois campeonatos e não merecia sair como saiu após aquela derrota no brasileiro de 92.
Fico imaginando sem a quebra do jejum o que seria de nós hoje em dia.
Manchas na nossa HISTÓRIA tem acontecido não raramente. Todos somos capazes de enumerar pelo menos uma seis.
E antes que digam que apoio atividades ilícitas, afirmo que NÃO; entretanto ele só esteve lá porque assim permitiram e muitos do que hoje estão no CLUBE já estavam à época e nada fizeram ou fazem.
Mesmo que tarde eu digo:
Obrigado Emil, pois me permitiu ver um título ainda aos 20 anos, acabou com o pesadelo do "parabéns pra você" a cada clássico, a cada derrota e a cada eliminação.
Tem um depoimento do Espinoza, sobre 89, no youtube que mostra a situação da época, faltava tudo.
Hoje estamos "melhores" em estrutura, não há como negar.
Então por que cargas d'água insistem em andar prá trás?
O que sei e vejo é que somente a torcida esquenta a cabeça e sem aquela estória de ser mais BOTAFOGUENSE por isso ou aquilo.
Dá no saco só discutirmos crise!
SA.

Rodrigo Federman disse...

Marcio, mas infelizmente é o tema que a atual gestão mais nos "brinda" , né?
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Nahabeta, pontos fora da curva foram Zico, Junior e Cia., responsáveis pelo maior jejum da história do futebol brasileiro.

Por falar nisso, alguém aí viu o Adilio no Tour da Taça? O Andrade? O Jayme de Almeida? O Manguito? O Rondinelli?

Mata-me de rir !

Abs
Pablo

Rodrigo Federman disse...

Pablo, não entendi nada...
Abs e SA!!!

jeremias disse...

Rodrigo e do sindicato funcionario faca greve mais falta o servico...O maio culpado se chama MAURICIO BUNDAO SONEGACAO ARREGAO CAGAO FROUXAO assumpcao DEVOLVE MEU FOGAO

Anônimo disse...

- Ele é um maluco igual a mim. O Botafogo precisa mais dele do que ele precisa do Botafogo. Aliás, o Durcésio não precisa do Botafogo para nada. Estou fazendo o possível para que ele não aceite, pois é um abacaxi. Nunca foi de conselho ou de fofoca, é torcedor de arquibancada. Estamos conversando com diversas pessoas do clube para apresentá-lo. O Durcésio não é de oposição ou de situação. É meu candidato. Se houver uma opção melhor, apoiaremos imediatamente. O Botafogo não precisa de vaidade, precisa de trabalho – disse Montenegro

Rodrigo Federman disse...

Valeu, Jeremias.

Anônimo, pelas palavras do CAM, tem gente que precisa do Botafogo... está explicado.

Abs e SA!!!

Levi disse...

Meu maior pesadelo durante o arremedo de gestão do MA (o levantador de tacinhas de turno de estadualzinho) sempre foi o de ver o Botafogo rebaixado.
Rezemos até dezembro para que pelo menos isso não aconteça.

Nílton disse...

rodrigo, boa tarde!
que dureza brother, ver o fogão nessa mesmice, e ter que aturar o fru, ser protagonista de mais um brasileirão.
fora, assumpção!
sa

Rodrigo Federman disse...

Levi, faltam 44 pontos.

Nilton, eu sinceramente cago e ando pro inexpressivo Unimed FC. A preocupação é mesmo com o Botafogo.

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Montenegro aconselhando o Durcésio a não aceitar, pois segundo o próprio, é um abacaxi.
Pois bem, se é tão ruim o que ele e tantos outros fazem lá?
São masoquistas?
Na boa, pintam o pior quadro possível para se passarem por salvadores da pátria, como se fizessem um grande favor.
E é disso que o BOTAFOGO não precisa
Totalmente desnecessário esse tipo de comentário, pois se candidata quem quer e pode e com isso o ônus e o bônus vem a reboque.
Não conheço esse Sr Durcésio para opinar e no momento eu e tantos outros queremos saber é de projeto.
No BOTAFOGO tem é muito cacique e pouco índio.
SA.

Rodrigo Federman disse...

É exatamente isso que acontece, Márcio. Pintam o pior dos mundos, mas são loucos para entrar. E quem entra não quer sair.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Me da pena ver jogadores como Seedorf , sheik , Jéfferson no meio das jararacas de G S.... Renan sp

Eduardo Samico disse...

Márcio, esse sr. Durcesio me parece uma versão 2014 do presidentista, que deu no que está dando -além do que já tinha dado: desde aquele "almoço" com os coirmãos do lixo antes da decisão da Taça Rio em 2009, incontáveis vexamens nacionais e internacionais (ah, e até locais, como no último Estadual) e por aí vai.

Sobre o jogo, concordo com o você, Gil, JAcob, Celso, Sergio... Vou além. Imaginem a boa vontade que deve estar o Bolívar para com o Botafogo de Futebol e Regatas depois de ter sido "despedido" com posterior "reintegração" ao grupo,a pedidos.

Não é à toa que anda em campo.

O bando que vemos em campo, pois aquilo não é um time, é apenas o reflexo da (des)administração dessa corja que se apoderou do clube.

Abs.

Rodrigo Federman disse...

Renan, o Jefferson é um monstro como goleiro, mas como líder, já tenho minhas dúvidas. Não custa lembrar de que ele foi um dos que liderava uma certa rejeição ao que o Seedorf tentava impor (mais profissionalismo, cobranças, metas, treinos...).

Eduardo, a minha primeira impressão é bem parecida. A diferença é que esse candidato já é um empresário bem sucedido e rico...já o Nininho, dizem, ficou após eleito presidente do Botafogo.

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Pelo q vi ontem, fomos dominados no segundo tempo, presas faceis para defesa goiana. O Botafogo nao se encontrava em campo, parecia perdido diante da defesa bem postada. Esbarramos nas proprias limitacoes tecnicas do time. E nada mais que isso. Nao acredito em corpo mole dos que estavam em campo. A defesa Botafoguense foi supreendida pelos seus proprios erros. Acredito, sim, que ontem nao era um dia bom, assim como foi no dia da partida contra o criciuma. Aquilo foi um sinal q demonstrou ate onde podemos chegar caso esse time passe e entrosar melhor e ter um objetivo maior de brigar pelas pontas. Caso contrario, creio q nao veremos mais um jogo do Botafogo como aquele.
O q o Emerson disse serviu para a torcida deixar de olhar diretamente para os fatos apresentados em campo, e passasse a buscar o problema em outros lugares.

O time precisa ter urgente variacoes taticas definidas para serem trabalhadas nos treinos. Precisa com urgencia dos armadores, um bom zagueiro, e um atacante de area, para entao poder brigar na parte intermediaria da tabela. Ontem era o dia pro Ferreyra incomodar, pena nao ter podido.

Daniel Victor

Rodrigo Federman disse...

Daniel, fomos amplamente dominados. Em relação ao corpo mole, sei lá, tenho sérias desconfianças sim.
Abs e SA!!!