domingo, 31 de agosto de 2014

Buscar a segunda vitória seguida


















Depois da Copa do Brasil no meio da semana, voltamos as atenções para o Brasileirão.

O Botafogo recebe o Santos hoje a tarde.

Jogo importante para continuarmos tentando nos afastar da zona de degola.

Do outro lado, um time sempre perigoso.

Mas já passou da hora do Botafogo vencer duas vezes seguidas na maior competição nacional, né?

No final de semana foi o suado 1 a 0 sobre a Chapecoense. Logo mais, o Santos.

Pra cima deles, Fogão!


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

13 comentários:

Anônimo disse...

Rodrigo, o que eu espero do time, além da vitória, uma evolução tática e correção dos erros bobos que vem acontecendo a cada jogo. Já passou da hora de Mancini por esse time pra jogar! Chega desse futebol burocrático e preguiçoso! Pra cima deles Fogão!!!

Marcelo Lopes

Rodrigo Federman disse...

Marcelo, eu já nem espero mais isso. Só quero uma vitória, seja como for!
Abs e SA!!!

Marcio disse...

É jogo para sufoco, de poucos gols.
Creio que só contra palmeiras, Criciúma e os três cores, marcamos mais de um gol.
Só a vitória interessa; vamos que vamos.
SA!

Rodrigo Federman disse...

Márcio, 1 a 0 será goleada!
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

http://m.oglobo.globo.com/esportes/carlos-augusto-montenegro-botafogo-vive-um-caos-13785153

Rodrigo Federman disse...

Valeu, Anônimo.
Abs e SA!!!

jeremias disse...

Pelo amor de. Deus dória no lugar do velho e perneta bolívar ele sempre chega atrasado e sem contar qe fica mais assustado do que o doria

Rodrigo Federman disse...

Jeremias, o Dória está de saída.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Um banco com Wallyson, Mamute e Rogério.
Quando saiu o Bruno, que mal chegou e é titular, o Mancini coloca o Rogério. Os critérios do Mancini não são iguais para os jogadores.
Não sei o motivo da ausência do Ferreyra, mas ele não é pior do que esse Rogério.
SA!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, o Ferreyra levou o 3 amarelo na rodada passada.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Quanto a entrevista do Montenegro, não dá para ser levada a sério, dizer que preferia que o Seedorf não viesse se soubesse que o Clube iria passar o que está passando, é um despropósito.
O que arrebentou o Clube são os salários pagos as nulidade, que não trazem retorno algum.
Ele diz que o modelo está ultrapassado e é verdade. Entretanto, ele foi presidente, é "influente" lá dentro e nunca se movimentou para que as mudanças que ele diz serem necessárias fossem implantadas.
Vir agora dar entrevista como se nada soubesse, como se tudo fosse novidade para ele, não cola.
Ele também tem sua parcela de culpa.
SA!

Anônimo disse...

Ufa.. agora faltam 25.

Rodrigo Federman disse...

Marcio, muita parcela de culpa!

Ufa, Anônimo!

Abs e SA!!!