quarta-feira, 29 de novembro de 2017

Heróis incompreendidos




Depois de mais uma partida ridícula contra o Palmeiras - e sem marcar gols desde as oitavas de finais da Libertadores -, o Rodrigo Pimpão se mostrou visivelmente chateado com as críticas ao seu desempenho nos últimos (muitos) jogos:

"- Todos nós fomos cobrados. Torcida invadiu treino, esteve no aeroporto, sabendo que estávamos na sexta colocação… É difícil ser cobrado num momento assim, onde a equipe do Botafogo está acima do esperado por todos. Mas a gente vem lutando, batalhando".

"- O torcedor, em vez de apoiar, vem criticar. E a gente não sabe como reagir. Fui muito criticado depois do que fiz na Libertadores e no Brasileiro. Mas como profissional temos que saber seguir. Falta muito pouco para conseguirmos uma classificação e sermos aquele time que ninguém esperava que conquistaria uma vaga na libertadores mas conseguiu".

Nem dá para ficar com raiva dessa declaração patética, né? Ele não falou nada diferente de todo o discurso que foi criado e avalizado pela diretoria e aprimorado pelo técnico Jair Ventura. O discurso de "pobre coitado" ou do "novo" América, Bragantino, Luverdense, etc.

No caso específico do Pimpão, serve para mostrar o quão capachos e sem personalidade são os jogadores e o mal que esses novos "professores" têm feito para o futebol. O Pimpão de 2017 nunca foi atacante. De extremo ofensivo, passou a ser um segundo lateral esquerdo, com função principal de marcar adversários, aí, se sobrar tempo - e fôlego - ele pode correr para frente e arriscar um ou outro chute a gol. Para agravar, esses atletas sabem que estão sendo "prejudicados" e nada falam. Ou seja, todos ali se merecem.

O problema é que, quem paga o pato é o Botafogo.

Principalmente na mentalidade e discursos que imperam lá dentro.

* Curta e compartilhe nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/cantinhobotafoguense


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

42 comentários:

PAULO FERNANDO DE MELLO TAVARES disse...

Estranha muito essa declaração vindo do jogador mais prejudicado pelo esquema tático montado pelo Jair. Você tem razão quando diz que ele é mais um lateral esquerdo avançado do que um atacante. Eu sou d'aqueles que gostam do Pimpão, mas não desse. Gosto do que jogava adiantado, perigoso, que fazia gols, que tentava (e nem sempre conseguia) jogadas de efeito, gols de bicicleta, chutes aos 45' que viravam gols. esse Pimpão morreu nesse esquema covarde do Jair. E a desculpa da falta de qualidade técnica do plantel nesse caso não vale, não porque ele seja esse primor técnico, mas porque nesse esquema ele piorou a técnica do jogador.

Rodrigo Federman disse...

Paulo, uma pena que hoje em dia não existam mais jogadores que se posicionem também. No caso do Pimpão, se esse tivesse personalidade, vendo que está sendo visivelmente prejudicado pelo esquema e funções pedida pelo treinador, já teria argumentado.
Abs e SA!!!

Mauro Tavares disse...

Ninguém é Pimpão. Jogador voluntarioso, mas limitado tecnicamente. Jogar uma Libertadores fo algo inimaginável para ele. Ele já atingiu seu ápice profissional. Só que para o Botafogp, e sua torcida, as estrelas são o l8mite. Se é incapaz de entender isso, pede para sair!! Abraços a todos.

Frankstein Silva disse...

Não esperavam ganhar o brasileiro...
Não esperavam ganhar a copa do brasil...
Não esperavam ganhar a libertadores...
Esperavam escapar do rebaixamento... realmente bem acima do esperado.
Tá f0d@!!

Celso Ricardo disse...

Muralha é atacado,ridicularizado, xingado e experimenta falar mal da torcida pra ver o que acontece. No Botafogo, esses filhos da puta podem tudo, até falar mal da torcida,esnobar ,afrontar,debochar. CEP FROUXO...

Ivo Santos da Costa disse...

Ele falou alguma mentira, tudo que ele falou foi verdade, a torcida deveria dar apoio, não criticar, não ficar invadindo campo véspera de jogo, claro que a torcida deve protestar, mas não invadindo campo, é sim fazendo isso de forma inteligente, essa classificação depende de nós também, e se o time está nessa situação, nós também somos responsáveis, não todos, mas uma grande maioria, principalmente uns que só sabem vomitar, em blogs.

Rodrigo Federman disse...

Mauro, essa de ficar "sentido" com críticas e cobranças foi foda mesmo.

Frankstein, são heróis.hehehe

Pois é, Celso. Mimados.

Ivo, seu remédio deve estar vencido...

Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Dando descarga no comentário inútil do Rodrigo Federman 🚽

Marcio disse...

Não me surpreendeu tal declaração.
Mais um jogador mediano que só tem tamanho espaço no BOTAFOGO da cultura derrotista enraizada.
Vejam que ele diz que é difícil ser cobrado e o Clube ocupando o sexto lugar, acima do esperado por todos.
O esperado por eles é ficar na zona intermediária, um pouco afastado da zona da degola e sem ambição de classificação à Libertadores e, principalmente, título; isso, mesmo que o destino insista em mostrar uma possibilidade diferente; assim, eles podem dar continuidade a única coisa que sabem fazer, manter os pagamentos em dia, uma obrigação.
A declaração complementa uma dita anteriormente:

"- Tem partida que me esforço taticamente e acabo chegando pouco. Eu busco sempre ajudar. Se o gol vier, melhor".

Sem gols não se conquista vitórias, sem vitórias não se conquista títulos.

Quem será o próximo jogador a da voz ao pensamento reinante?

SA!!!

Yasser Carmo disse...

Esse mesmo Pimpão, que foi pros Emirados por 500 mil, e encontrou as portas abertas no Glorioso, fica nessa conversinha, não recebe mais propostas de ninguém e deve estar esquecendo que os únicos responsáveis pela existência do clube são a torcida e jogadores do passado, esses que não se vendiam fácil, nem ganhavam fortuna por um futebol horroroso. O que representa o futebol pra gente? Porquê um bando de malucos se preocupam tanto com essa paixão doida que é ver mercenários se desfazendo que quem paga parte de seus salários? Queremos mais respeito, precisamos de mais valor e alegria. Não dá pra ficar perdendo tempo com essa coisa a que transformaram o futebol. Acreditem caros amigos, escolhi continuar torcendo pelo BRF, e isso não vai acabar, mas sinceramente, não está acrescentando nada em minha rotina, a muito tempo, alegria por esse timeco, não tenho tido e só me aborreço...
SA!!!

Fatos disse...

Gatito
Arnaldo
Carli
Rabelo
Victor Luiz

Matheus Fernandes
Lindoso
Luis Ricardo
Valencia

Ezequiel
Brenner

Entraria com esse time domingo. Nada de Dudu Cearense, Marcos Vinicius, Fernandes,etc

Cloud908 Jj disse...

Caramba Ivo, não sei o que houve com você nobre amigo, mas suas antigas indagações eram plausíveis as atuais são de uma infantilidade absurda, ante-posto cada um protesta contra aquilo que lhe convêm, porem usar um canal para atacar o próprio canal é incoerente, mas enfim, não tenho nada haver com isso rsrs. Sobre o tópico, se alguém tinha dúvidas se o pensamento ridículo da diretoria poderia influenciar negativamente ao platel, ai está a resposta, esse Pimpão de 2017 acha que esta proporcionando, não so ao Botafogo, mas a sua torcida, aquilo que ela jamais imaginou sonhar e que estamos em um verdadeiro ano de mais puro deleite rsrs, e que coitados Rodrigo, estão ficando chateados com a invasão de 20 trocedores, por apenas 15 minutos, no campo ou por ouvir vaias da torcida nesses últimos jogos, rapaz sem ir muito longe e buscar referências em outros clubs, o Lucio Flavio em 2010 jogou todos, TODOS os jogos sendo vaiado e nunca, jamais apareceu em uma entrevista para criticar a torcida, foi embora no ano seguinte sem quaisquer repercussão negativa ao Botafogo. O problema e a diretoria incrivelmente amadora, mas fazer o que ? eles se orgulham disso ne.
SAN

Anônimo disse...

Nunca vi discursos tão contraditórios em uma só temporada no Botafogo. Vivem afirmando que o ano foi cansativo, que o Botafogo começou antes dos demais. E vendo os jogos percebi que poucos jogadores da base foram relacionados durante os jogos. Titulares praticamente os mesmos o ano todo. Reservas que entram idem. Quando perdemos em casa era tendência, quando perdemos fora era pq é difícil jogar em tal estádio. Esse mimimi dos jogadores é patético. Santos estava em segundo e torcida foi protestar. Corinthians em primeiro perdeu três partidas e foram protestar. E não vi um único jogador reclamando disso. A impressão que tenho é que no Botafogo se pode tudo. Um bom começo do ano, um razoável meio do ano não podem esconder um lamentável e ridículo segundo semestre. Os jogadores são pagos pra mostrar trabalho o ano todo e não somente meio. Pobre Botafogo. Adquiriu internamente o papel de coitadinho que a imprensa e clubes não param de colocar. Renato

Eziel Junior disse...

Como a torcida pode ser culpada pelo que esta acontecendo dentro de campo?
Cara a torcida esse fez muito mais do que tem feito nos últimos 3 ou 4 anos. Todos os jogos em casa na libertadores lotamos, o sócio torcedor cresceu mais do esperado e gente não fez a nossa parte??
Na boa Ivo tenho que discordar de vc... Acredito que o problema esteja no planejamento que essa diretoria fez ano. Na verdade a diretoria neste mês só se preocupou com a reeleição, ou seja, se preocuparam em ganhar as eleições e futebol ficou de lado.
Presidente colocando panos quentes em declarações polêmicas de jogadores mercenários isso também deve ser culpa da gente torcedor...

Na boa enquanto tivermos uma diretoria omissa e sem ambição infelizmente só iremos conta com a sorte e nada mais, porque se for pela competências estamos ferrados.

Rodrigo Federman disse...

Que demais,Ivo. Que demais!

Marcio, cada vez mais o gol se torna um mero detalhe.

Yasser, e se não está preparado para cobrança de clube grande, pede para voltar do clube onde estava quase desconhecido, né?

Fatos, do jeito que o JV do troca seis por meia dúzia, não creio que vá com LR no meio. Mas gosto da ideia.

Cloud, ainda acho que o remédio está vencido. Hahaha. Sobre o Pimpão, infelizmente eles recebem carta branca para reclamar quando não são mimados.

Renato, contradição é a marca registrada deles na temporada.

Eziel, sempre sobra para a torcida. Nem esquento mais quando alguns falam isso. Rs

Abs e SA!!!

Marcio disse...

A Chapa vencedora nas eleições, Mufarrej/CEP, divulgou uma carta falando sobre as dificuldades a serem enfrentadas em 2018, agradecendo aos sócios-proprietários pelos votos e pedindo apoio e união ao Quadro Social.
Até aí a Carta é compreensível.
No entanto, poderiam também ter direcionado o comunicado aos Torcedores Comuns, aqueles que mesmo distante da Sede, dentro de suas possibilidades, vivem o BOTAFOGO; aqueles que esperam uma oportunidade de um jogo próximo as suas residências para matarem a saudade do Clube.
Não Murrfarrej/CEP, o BOTAFOGO não pertence ao universo de 1.100 Torcedores aptos a votar e muito menos aos 816 que depositaram mais uma vez a confiança no trabalho que vocês deverão desenvolver. Todos somos BOTAFOGO, nem mais e nem menos.
O pronunciamento de um Presidente deve ser feito para todos os Torcedores e não somente para uma pequena parcela; e é por causa desses muitos que o BOTAFOGO existe, apesar de ter sido colocado no buraco por uma minoria.
SA!!!

https://globoesporte.globo.com/futebol/times/botafogo/noticia/diretoria-agradece-eleitorado-e-fala-em-2018-extremamente-dificil-para-o-bota.ghtml
SA!!!

Sergio Di Sabbato disse...

Esse esquema do JV ao invés de tentar ser esquematizado a partir das características do jogador, foi feito exatamente o contrário, o jogador ter características modificadas em função do esquema. E isso não é novidade. O Canhota por exemplo quando ainda nos mulambos o Flávio Costa o queria como ponta esquerda, e pior, o designou para marcar o Garrincha!!!! É claro que o Gérson junto com o Jordan tomaram um baile e o grande Canhota se rebelou recusando-se a jogar numa posição que não era a sua. Sorte nossa que foi para o Botafogo. Nossos treineiros tem essa péssima mania de querer um esquema seu fugindo das características dos seus atletas. E dizer que o Garrincha quase não foi a copa em 58 porque não ajudava na marcação e era muito individualista!!!!
Outro dia li uma entrevista do técnico do sub 20 e achei interessante quando ele diz que procura montar o esquema de acordo com as características dos atletas que tem. Quem sabe se esse cara não seria uma boa, a exemplo do que foi o Zagallo técnico em 67.
Eu fico imaginando um técnico da Argentina pedindo ao Maradona ou na seleção atual ao Messi para ajudar na marcação, deveria usar aquele chapéu de burro. Os adversários é que tem se preocupar com quem está na frente, e isso o Botafogo atual não tem, só se preocupa em defender, e o pior, perdeu toda a força de sair ao ataque. Abs e SB!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, esse lance de ST e SP está minando quem não é um ou outro.

Pois é, Sérgio. Mas o JV não tem essa capacidade de leitura e pensamento.

Abs e SA!!!

Eduardo Samico disse...

Falta comando no futebol supostamente profissional do Botafogo. Também falta vergonha na cara desses jogadores xexelentos e de quem deveria comandar esses energúmenos.
Ainda bem que o "grupo" não dará entrevistas até o dia do jogo. Seremos poupados desse nhem nhem nhem.
Abs.

José Pinto disse...

Eu não culpo o JV pelos insucessos. Quando ele ainda tinha Sassá, Camilo Airton, Roger e o ES, o time era cotado a ficar entre os quatro primeiros. Depois de perder esses jogadores, e com o desgaste e má fase de outros que compõem o elenco, os resultados negativos começaram a rondar o alvinegro do Rio. JV em determinados jogos teve que lançar mão de atletas que ainda não estavam prontos nem física, nem tecnicamente. Deu no que deu, por falta de plantel. JV não faz milagres. Por outro lado, a política de contratação do clube é amadora. Se não mudar com a nova diretoria, será mais três anos de "seca", com ou sem Jair. Boa noite.

Marcio disse...

Pois é, Rodrigo, minando quem não é.

Sobre o que escreveu o Sérgio Di Sabbato, questiono o que esperar de um técnico que diz o seguinte ao dar uma declaração sobre tática:

"...O gostoso do futebol é jogar bola, jogador não gostava de pensar em tática. Mas os tempos mudaram bastante, aqueles jogadores habilidosos e técnicos se não tiverem uma concepção tática hoje não consegue jogar. Você vê o Cristiano Ronaldo voltando para marcar, o Neymar, o Messi recompondo... '

https://globoesporte.globo.com/futebol/times/botafogo/noticia/libertadores-jair-ja-mira-a-proxima-apos-g-6-objetivo-e-buscar-essa-classificacao.ghtml

E o Gérson não era tático? Carlos Alberto Torres não era tático? Paulo Roberto Falcão não era tático?
Além disso, tem a oportunidade de assistir dois dos maiores de todos os tempos jogar futebol e vem falar de recomposição, marcação... Só pode ser brincadeira.
Por isso que o De Rossi chutou o balde quando o chamaram para entrar em campo no segundo jogo da repescagem frente à Suécia. O Time precisando ganhar e o técnico pensando em jogador de mais marcação.

SA!!!

jorgeFS disse...

Essa camisa merece melhores usuários! E também melhores torcedores, que como eu se contentam com o quase nada que 2017 nos presenteou O ano para o Glorioso acabou no último jogo contra o Grêmio em porto alegre, ali acabou todo e qualquer compromisso, transformou-se num amontoado, cada um fazendo o que queria.
Guilherme chiando quando substituído,Pimpão forçando cartões e Bruno Silva fazendo gesto pra torcida, de já fui, e JV fazendo careta pois era só o que lhe restava fazer, pois não tinha autoridade para tirar os pseudos medalhões, Vou continuar assistido tudo do Glorioso, porque do Botafogo até jogo de botão eu para pra assistir, deve ser doença.

Anônimo disse...

Ricardo
Podemos achar que pelo que ganham, sem um mínimo de futebol, eles arriscariam não renovar por mais dois anos e sem cobrança, como acontece no Botafogo ?
Olhemos a folha de pagamento do Botafogo comparado com a da Chape,que tbom tem chance de pré libertadores.E isso depois da tragédia.
Espero uma revolução no Botafogo no próximo ano.
Sds

Rodrigo Federman disse...

Disse tudo, Eduardo.

José, eu respeito, mas penso diferente. O JV não pode ter apenas responsabilidade quando algo dava certo. Ele é o treinador em todos os momentos.

Exatamente, Marcio.

Penso igual a você, Jorge.

Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Ricardo, esses mimados não resistem seis meses em um clube com pressão de verdade.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

E mais uma vez vou lembrar: O que fazem Cacá e Lopes no BOTAFOGO?
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, essa é a pergunta que não se cala. Rs
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Palavras do Roger, técnico do Palmeiras:

"Pressão
– É inerente pelo tamanho do clube e da torcida. Vocês são pressionados, centroavante que perde gol, goleiro que toma frango. Meu torcedor é pressionado pelas outras torcidas também quando não conquista. Gradativamente, você vai se tornando um pouco mais cascudo com relação a isso. Não tenho dúvida de que é desafio enorme, mas estou plenamente preparado".

https://globoesporte.globo.com/futebol/times/palmeiras/noticia/em-apresentacao-roger-machado-avisa-o-palmeiras-sempre-vai-brigar-por-titulos.ghtml

De A a Z, todos dizem ser normal ser cobrado, por mais que por dentro possa pensar diferente; o único lugar que não se admite cobrança e ainda externam tal pensamento é no BOTAFOGO.

SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, inclusive vindo da própria diretoria.
Abs e SA!!!

LEVI PEREIRA disse...

O Márcio trouxe à tona algo que eu já havia notado, não faz pouco tempo, e que respeita às prioridades do Botafogo nas últimas décadas. Os grandes clubes brasileiros iniciam,sempre, qualquer competição, incluindo os estaduaizinhos, com um discurso de que "vamos lutar pelo título". No Botafogo, o discurso, entra ano e sai ano, vai na linha do "não temos obrigação..." Dizer o quê, mais? No próximo ano, tenho tudo para tirar o meu período sabático. A par dessa verborréia cansativa dos que falam em nome do Botafogo, será ano da tal copa do mundo. Se gosto de futebol, rectius, do Botafogo, tenho absoluto desprezo pela referida copa. Meu interesse pela indigitada remanesce apenas e tão somente se o Uruguai ou a Itália estão na disputa. Como a Azzurra está fora da corrida, resta-me torcer pela Celeste. Vale dizer, metade do meu interesse já foi pra vala comum. Tendo em conta que não tenho mais paciência para ouvir que a nossa meta será a de alcançar os 47 pontos, e o que vier será lucro,2018 será o ano das minhas férias.
Quando me lembro dos jogos contra Avaí, Vitória, São Paulo, um tal de Atlético, um outro tal de Vitória...

Silas Simas disse...

Rsrsrsrsrsrsrs, Rodrigo, essa foi ótima: "Ivo, seu remédio deve estar vencido..." Rsrsrsrsrsrsrs. Com todo o respeito ao Ivo, e espero que o mesmo não fique chateado comigo, é impressionante como aparentemente só ele pensa assim aqui no "Cantinho Botafoguense" (não sei se outros aqui compartilham do mesmo pensamento dele). Mas o pior, Rodrigo, é que em outros sites, eu vejo torcedor com o mesmo pensamento do Ivo. Eu poderia expor minha visão acerca desses torcedores. E digo que esses sim, têm suas parcelas de culpa em relação ao que está acontecendo ao Botafogo. Mas vou poupar-me de mais comentários e encerrar por aqui.

Rodrigo Federman disse...

Levi, é o eterno papel de coadjuvante. Infelizmente não somos mais protagonistas. E isso, porque não queremos.

Silas, a questão vai além: Se ele se posicionasse com respeito e sem agredir ninguém, não teria problema. Rs

Abs e SA!!!

Marcio disse...

E não duvido que dentro do BOTAFOGO haja quem ressalte ainda mais as chamadas "boas campanhas", argumentando que na Libertadores, por exemplo, foram eliminados por aquele que seria o campeão.
SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Se você tivesse coerência quem sabe, postei um comentário justamente falando sobre o que o Silas postou a meu respeito, esclarecendo meu posicionamento aqui no blog, fui o mais educado possível com todos e fui bloqueado, meu comentário foi enviado as 14:00 de ontem, e não foi a primeira que isso aconteceu o engraçado é que o blogueiro vem falar em respeito e sem agredir ninguém, mas todas as vezes que fiz o que o blogueiro pede pra não fazer, não fui bloqueado, já quando me dirige com respeito e educação a vocês fui bloqueado, como ontem, parece que o blogueiro gosta, também fui atacado aqui, pelo senhor Levi ofensivamente, e o blogueiro não disse nada a respeito, parece que quem puxa o saco dele pode tudo, enfim ele não tem a mínima coerência.

Anônimo disse...

Rodrigo e turma.
Quando ouço falar no tipo de reforcos pra temporada....Bergson...Rafael Moura...Gilbeeerto!!!!!
O primeiro jogou aqui em POA. No Grêmio. Oitavo reserva de centroavante. Nem vou comentar. Rafael Moura. 400 mil no Inter. A torcida mandou rezar uma missa campal quando ele se foi. Até hoje a sua saida é comemorada. E o Gilberto. O que dizer?Um cara que só deu certo no Santa e na Lusa anos atrás.Corrido do Inter também..Por que não tentar novidades, jogadores mais novos, alçar um junior do que pagar 200 ou 300 por perebas já reconhecidas?
Paulo de Poa.

Celso Ricardo disse...

Ivo, VOCÊ É MUITO CHATO!

Rodrigo Federman disse...

Tenho certeza disso, Marcio.

Ivo, deve estar enganado. Só bloqueio comentários anônimos e ofensivos. Não acuse sem certeza.

Paulo, a preocupação só aumenta. Rd

Celso, cara, bota muito nisso. Rs

Abs e SA!!!

PAULO FERNANDO DE MELLO TAVARES disse...

Ivo, você critica o blog, se ofende com tudo e enche o saco de todos. Faço então uma pergunta bem simples, fácil e que até crianças de 5 anos sabem responder: o que fazes por aqui? Procura outro caminho cara! Cansei de discordar do Rodrigo, ou da opinião de muitos outros aqui e jamais enchi o saco de ninguém. Mudo de opinião (já que não sou o dono da verdade), às vezes não mudo quando não me convenço, mas mesmo assim respeito todo mundo por aqui.
Tem outra coisa, tenho lá meus 55 anos e filhos/netos, mas sei muito bem o que é hierarquia e educação. Se estou na casa de alguém, respeito bem o local e o dono da casa, por maior que seja a liberdade que ele me dá. É o caso desse blog, o Rodrigo ainda tem o caráter de deixar você postar essas acusações ou críticas ao blog. Se liga cara!!! desculpem...gastei muitas linhas com isso e vamos ao que interessa mesmo: BOTAFOGO.

Eu acho que não nos resta mais nada no ano além de apoiar o time (ou o que resta dele) no Domingo. Esquece o time guerreiro da Libertadores, esse já era! Mas tal qual um familiar que amamos, na rua agente apoia sempre e em casa o coro come. Então vamos encher o Niltão e apoiar, nada de vaias. No final do jogo, diante do resultado final, decidimos de vaiamos ou aplaudimos.

PAULO FERNANDO DE MELLO TAVARES disse...

Tem um moleque centro avante que jogou na base do São Paulo e fazia golaços por lá e foi contratado pelo galo. Deu azar de ir no mesmo ano que o Fred, Rafael Moura e Robinho, não tendo oportunidades: João Vitor - centro avante de 22 anos. Se gastar R$ 20 mil/mês é muito e isso sim é aposta...

Rodrigo Federman disse...

Hahaha. Paulo, eu questiono a mesma coisa. Deve ser algo patológico dele. Rs
Não conheço esse atacante. É bom de bola?
Abs e SA!!!

PAULO FERNANDO DE MELLO TAVARES disse...

Muito Rodrigo. Na época no CB sub 20 tinham gols dele no sportv, mas não achei mais...
Teve um que ele fez de calcanhar que foi uma pintura. Me pareceu um Luiz Henrique melhorado.
Mas foi o que eu disse, aposta por aposta faz em um moleque da nossa base ou de outra. Quantos caras de 20 anos despontam como craques e vingam. Porque a nossa base é sempre inexperiente e a base dos outros é a boa. Por que o Guilherme era pronto e os nosso nunca, vide Renan Gorne.

Rodrigo Federman disse...

Paulo, nisso eu concordo. Apostar em jovens inexperientes dos outros, por que não os que temos em casa antes?
Abs e SA!!!