quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Titular, não!




Ontem, em entrevista coletiva, o "polivalente" (para o técnico JV) Gilson falou sobre o seu futuro:

"- Já houve contato, meu representante está resolvendo. Ele sabe da minha vontade, que é permanecer. Meu representante é um cara que confio muito. Não chegou nenhuma proposta para mim. Tenho contrato até o fim do ano. Geralmente as propostas surgem no fim do ano. Mas espero que tudo corra bem e eu possa permanecer no ano que vem".

"- Na teoria, eu permanecendo, possa ser que eu inicie como titular. Mas isso é tudo teoria. No futebol as coisas mudam muito rapidamente. Estou muito tranquilo. Quando fui titular correspondi e fui bem, como lateral e às vezes como ponta. Acabei cumprindo o que o Jair sempre pede. Sobre o ano que vem, se ficar, vou buscar meu espaço para ser titular. Respeitando os companheiros".

Com todo respeito ao Gilson (que até considero um jogador voluntarioso e tal), mas não me surpreende em nada saber que até então, não recebeu qualquer proposta de outros clubes. E com mais respeito ainda, acho que isso só dá mais argumentos para que não precisemos ver o rapaz iniciar  2018 como titular absoluto do Botafogo, né?

Se o Victor Luís realmente voltar para o Palmeiras, o Gilson até poderia continuar em General Severiano, mas, no máximo (e com muito boa vontade) cumprindo o papel que teve em quase todo ano de 2017: Composição de elenco. E mesmo assim, sem essa de atuar como meia. Reserva na lateral esquerda...e só!


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

27 comentários:

Unknown disse...

Acho que o Gilson poderia ser nosso titular sim, toda vez que ele entrou como lateral esquerdo, jogou muito bem, mas como meia concordo, ele manda muito mal. Poderia colocar ele de titular e subir o Lindemberg.

Rodrigo Federman disse...

Ivo, eu não vi partidas muito boas dele. No máximo, duas ou três....em trinta, sei lá. Em minha opinião, aceitar Gilson de titular em 2018 é já começar a temporada deixando claro que estaremos satisfeitos e comemorando eliminações em fases vira-lata igual nesse ano.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Provavelmente será o titular da posição em 2018, até porque, com os resultados obtidos, o elenco deve estar no mais alto patamar com a diretoria de futebol; me preocupa como estão avaliando o elenco e a montagem para a próxima temporada.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, pela simples avaliação de que Gilson pode ser titular na próxima temporada, já me preocupo antecipadamente.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Rodrigo, e ainda tem os que terão contratos renovados para ficar no banco, mesmo não demonstrando capacidade que pode se tornar titular.
Como o BOTAFOGO não tem o Messi ou CR7, digo que os titulares dependem exclusivamente de suas respectivas fases e assim, de nada adianta ter reservas apenas para fazer número.
Hoje no BOTAFOGO é Gilson, Guilherme e Tanque...
Pergunto: Por que ter 30 jogadores no elenco se somente utilizam 3 ou 4?
SA!!!

PAULO FERNANDO disse...

Perfeito Rodrigo, 100% de acordo. O jogador é dedicado, comprometido e voluntarioso, quase um Arnaldo do lado esquerdo, mas nada além disso. Como reserva deve se sentir homenageado pelo clube, talvez até dedicar algumas horas do dia de joelhos agradecendo a Deus poder jogar no Botafogo e receber salário por isso...E na lateral! Jair Ventura, meu filho, mestre do mares, senhor do amanhã, iluminado das trevas, chega de tentativas pelo meio!

Rodrigo Federman disse...

Pois é, Marcio. Já renovaram com Tanque, querem o Dudu, dois anos com Gilson...putz, depois reclamam do pouco poder para investimento.

Perfeito, Paulo. E digo mais: O Arnaldo é infinitamente mais voluntarioso do que o Gilson. Por isso, mesmo com suas limitações, hoje eu até nem vejo problema dele no time titular (mas sei que precisamos de reforço ali na direita também). Já o Gilson, com muito boa vontade, só para compor elenco na esquerda mesmo.

Abs e SA!!!

Mauro Tavares disse...

Boa tarde, O Gilson cruza melhor que o Victor Luís, mas marca pior e é menos intenso ao longo do jogo. Cansei de ver o Gilson partir para o ataque, perder a bola e voltar trotando. Por mim, pode partir para outras aventuras. A relação custo/benefício é prejudicial ao Botafogo. Saudações a todoa.

Rodrigo Federman disse...

Mauro, além disso, até concordo que cruza "menos pior" do que o VL, mas mesmo assim, cruza mal também. Também acho que o custo/benefício acaba sendo prejudicial. Principalmente se revelarem por dois anos mesmo.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Disse o CEP:

"A nossa realidade é muito limitada. Botafogo não tem condições de fazer grandes investimentos e nem vai ter tão cedo. O que temos que fazer é saber administrar e conduzir, adequando ás nossas possibilidades. Não vamos fazer maluquices. O Gatito veio do Figueirense, Arnaldo do Ituano... Vamos errar em alguns momentos, mas faz parte. O produto final do ano, o que a equipe rende, isso é o que queremos".

https://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2017/11/01/botafogo-busca-alternativa-para-nao-perder-destaques-todo-fim-de-ano.htm

"...Não vamos fazer maluquice..."

Com relação ao futuro, pode ser que sim, já em relação ao passado...
Como explicar a contratação do contundido Canales, foi maluquice?

SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, e esse, um erro caríssimo para quem não tem dinheiro.
Abs e SA!!!

Unknown disse...

Não acho que o Gilson marque tão mal assim, assim como não acho que o Vitor cruze tão mal, são dois bons jogadores, como o Vitor vai pro palmeiras, acho que o Botafogo deveria subir o Lindemberg e colocar o Gilson como titular, até para que o Lindemberg adquira um pouco mais de experiência para assumir a função.

Rodrigo Federman disse...

Ivo, eu já acho que ele é bem ruim na marcação e também acho que Gilson não tem bola para ser titular de time grande. Ou melhor: time grande não pode ter Gilson de titular em uma temporada importante.
Abs e SA!!!

PAULO FERNANDO disse...

A subida do Lindemberg não me anima muito. O que foi demonstrado até agora na base não encheu meus olhos. Do time campeão do Brasileiro sub20 de 2016 ele foi um dos poucos que ficaram por lá e sequer foi cogitado esse ano sua subida...estranho isso. Existem outras opções no mercado que deveriam ser mais observadas..um tal de Marcelo que joga em um time Espanhol poderia ser uma opção...

Rodrigo Federman disse...

Paulo, eu sou favorável a subida do Lindemberg. Mas não com Gilson sendo titular do Botafogo.
Abs e SA!!!

Fatos disse...

Em 30 partidas , 1 muito boa, 3 boas, 6 razoáveis, e 20 fracas

Fatos disse...

Estão avaliando dentro da realidade financeira, bem ao meu ver, não podemos perder o controle financeiro para não atrasar salários. Acho sinceramente Gilson do nível do VL, e se não vier alguém indiscutível, ele efetivamente começará o ano como titular.

Fatos disse...

Avaliação dele, por enquanto

Fatos disse...

Pelo meio não dá mesmo. Mas é a falta de opções, Valencia faz outro papel, substituiria um atacante, ele não faria pelo meio a mesma recomposição que Jair exige do Gilson. Talvez Leandrinho se não estivesse lesionado. Enfim, mas Gilson como opção pro meio campo é duro de ver

Fatos disse...

Não acho mais voluntarioso, acho mais rápido mesmo, e mais forte

Fatos disse...

Também não vi nada no Victor Lindemberg, achei fraco

Fatos disse...

Eu renovaria com Gilson, porém por 1 ano. Ele começará o ano jogando, pois é provável a saída do VL e a não contratação de um lateral esquerdo, pelo menos não em nível superior. Precisamos contratar jogadores de ataque, isso que nos faltou, mas a grana tá curta, Montillo me anima, creio q volta, e em forma é diferenciado, mais ainda faltaria um cara agudo e que finaliza da entrada da área, estilo Vitinho, creio que seria um investimento válido apesar dos pesares.


Abs e SA!




ps. Renovaria também com o Roger, mas SEM esse aumento de 120 mil que ele quer

Rodrigo Federman disse...

Fatos, se não virá ninguém melhor do que o Gilson, então a situação é bastante preocupante.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

O Fernando não está treinando entre os profissionais?
Se o Gilson pode receber oportunidades até no meio campo, não seria exagero pensar na possibilidade do Fernando trocar de lado e ser trabalhado para executar a função de forma aceitável.
Lembrei do Adriano que fazia as duas laterais no Barcelona; não era um lateral espetacular, mas sempre jogou de forma aceitável.
Lembrando que não obrigatoriamente deve ser o Fernando o escolhido, pode ser o Marcinho e até outro jogador qualquer.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, se não for queridinho do JV, duvido que ele saia do trivial.
Abs e SA!!!

Ricardo Rocha disse...

Gilson, Roger, Dudu Cearense...
Indicativo de mais um ano sem título.

Rodrigo Federman disse...

Celso, realmente, não anima.
Abs e SA!!!