quinta-feira, 14 de junho de 2018

O lado direito




O técnico Alberto Valentim surpreendeu na escalação inicial do time na noite de ontem. E falou sobre a mudança na lateral direita:

"- Marcinho vinha num desgaste muito grande, e o Luís vinha muito bem nos treinos".

Vamos aos fatos:

1- Não precisa ter frescura e alegar desgaste. Primeiro, porque o time é dos que menos atuou na temporada. E segundo, porque o Marcinho tem 20 aninhos. Nessa idade, não há desgaste porra nenhuma. Poderia simplesmente dizer que ex-titular não atravessava bom momento técnico. Ao menos seria verdadeiro.

2- Considerando o tempo todo que sequer entrava em campo, o Luis Ricardo me surpreendeu na parte física. Agora depende apenas dele para provar se vai aproveitar o mês da Copa para ganhar ainda mais condicionamento e manter a titularidade ou continuar fazendo o que já estava claro: Ficar acomodado sem a obrigação de entrar em campo, suar e mesmo assim continuar recebendo um salário pra lá de polpudo.

Por ontem, eu pensaria em manter o LR na lateral. Mas confesso que sempre fico com um pé atrás em relação a ele. E diga-se de passagem, ele que alimentou essa desconfiança de parte da torcida.

E sobre o Marcinho, depois de mais uma partida ridícula do sonolento Luis Fernando, pegaria o hiato da Copa para fazer alguns testes com ele atuando como meia e fazendo uma dupla com o próprio LR no lado direito.

Por fim, Luis Ricardo, Marcinho...
...só torço para que os boatos (que rolaram ontem) de um suposto interesse do Botafogo no lateral do Juventude sejam mentirosos. Já até perdi as contas de quantos laterais direitos foram contratados de maneira irresponsável e saíram sem deixar saudade nos últimos (poucos) anos.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

26 comentários:

Anônimo disse...

Ricardo
O Marcinho parece mais acomodado do que em fase ruim.Acho que se sentiu absoluto e não precisava mais mostrar nada.
Apesar da folga ainda teremos muito tempo pra treinar e melhorar, mas vai depender muito do técnico e da preparação física.Só espero que não voltemos pior, como normalmente acontece com o Botafogo depois de longo período só de treinos...
Uma pergunta :
- Será que o Valentim quer ressuscitar o Dudu Cearense ? Entrou ontem só pra tomar um cartão.

Eziel Junior disse...

Rodrigo não assistir o jogo mais ouvi pelo rádio e segundo narrador Luís Ricardo fez uma partida surpreendente digno de um 7. Bom na minha opinião ainda é cedo pra garanti lo como titular mais se pensarmos bem Marcinho não vinha numa constante.... Acho que Valentim finalmente acertou nas suas trocas e barracões é como sempre falei se tá mau vai pro banco e vida que segue.

E sobre a desculpa achei legal da parte do tecnico pois ele tem que blindar o elenco mais sabemos o real motivo pela barracão de Marcinho.

Marcio disse...

Se o Marcinho está mal, não é preciso arrumar desculpas para que saia do Time; o técnico não pode ter melindre para fazer o seu trabalho, considerando um parâmetro justo.
E já que o Marcinho começou a ser lateral em 2015, cabe um pouco de "paciência", pois as exigências desta função são grandes e, portanto, deverá trabalhar mais do que aquele que é lateral por formação. O Cafú é um bom exemplo.
Contudo, mesmo quando a sua fase era mais favorável, já pensava que poderia ser utilizado mais adiantado, ainda mais quando observamos as atuações de outros que jogam por lá e ainda somos "obrigados" a ver o Aguirre fora de posição.
E sobre os elogios do técnico ao L. Ricardo, lembro que após o jogo contra o vasco as noticias davam contas de que ele lamentou não poder utilizar o Marcelo (zagueiro), "treinava bem" por causa da boa fase do Carli e do Rabello... E quando o Carli se contundiu, ele colocou o Yago no lugar. São declarações protocolares e nada mais.
SA!!!

Anônimo disse...

RODRIGO,esqueci de dizer,na Msg anterior,que o YAGO tem se apresentado bem.Entra firme nas jogadas e é rápido,parece não ser o refugo que alguns pensavam.
De zagueiros estamos bem,pois os que andam por aí são bem fraquinhos.
Para encerrar,havia necessidade do AV escalar o animador de vestiário?????.JOTA.

Celso Ricardo disse...

O Marcinho não é ruim tecnicamente. Ele é pipoqueiro,tira o pé nas divididas. Não serve pra jogar no Botafogo.

Rodrigo Federman disse...

Ricardo, mas o LR estava mais acomodado ainda. Isso que me preocupava.

Eziel, não achei tudo isso. Vi como uma partida correta, sem maiores observações relevantes, mas também sem comprometer.

Concordo plenamente contigo, Marcio.

Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Jota, mas calma...dois jogos. Nem ao céu e nem ao inferno. Se veio emprestado pelo Corinthians - sem que esse fizesse qualquer esforço para mantê-lo -, eu considero como refugo. Mas tomara que ele prove o contrário.

Possa crer, Celso. Eu ainda tentaria ele mais adiantado.

Abs e SA!!!

Sergio disse...

O LF é bom lateral, mas a séria contusão que teve foi determinante para a baixa qualidade do futebol que vinha apresentando desde a volta. Lembrando, e é o caso da maioria dos torcedores que se esquecem com muito facilidade das virtudes de um jogador, que o LR antes da fatídica contusão era um dos melhores jogadores do time, sendo inclusive o responsável pela assistência dos 2 gols do Botafogo naquele Botafogo 2X1 Gremio, com o golaço do Camilo.
Ontem achei que fez uma partida correta, nada demais, mas creio que a falta de ritmo de jogo e confiança ainda pesam muito.
Quanto a questão de ser ou não refugo isso é muito relativo. Às vezes o cara não acerta em um time é vai acertar em outro. No Botafogo mesmo quando o flamengo propôs a troca do Zélio pelo Zequinha, este era considerado refugo do flamengo, mas o refugo na verdade acabou sendo o Zélio. O futebol tá cheio de casos assim é, o pouco que vi do Yago não me pareceu mal jogador, nenhuma sumidade, mas melhor que muitos titulares desse cb.
Achei interessante a proposta de colocar o Marcinho jogando avançado pela direita com o LR, pois não aguento mais ver o LF em campo, acho que ele vive daquele gol contra os mulambos, mas nunca da sequência as jogadas e perde gols incríveis.
Tomara que essa parada sirva para corrigir muitas falhas do time, principalmente as finalizações, cai perfer gols assim lá na China. Mas cá pra nós, vai ser uma pena perder o MF e mais pena é saber que essa diretoria não vai trazer nada que se aproveite. ABS e SB!

Rodrigo Federman disse...

Sérgio, a questão é se ele quer ou não jogar sério e como profissional. Vindo dele, sempre paira uma dúvida.
Abs e SA!!!

Sergio Di Sabbato disse...

Eu gosto tanto do LF que no início do comentário troquei o LR pelo LF. Mentirinha, o LF me irrita. Abs e SB!

Rodrigo Federman disse...

Hahahaha. Valeu, Sérgio.
Abs e SA!!!

Celso Ricardo disse...

Ainda acredito que pipoqueiro não tem vaga nem no banco de reservas.

Rodrigo Federman disse...

Celso, também não gosto de jogador pipoqueiro, mas acho que isso pede uma avaliação bastante ampla.
Abs e SA!!!

J PRATTI disse...

Esse treinador tem por habito nao revelar a escalacao antes dos jogos.
Resolvi não assistir o jogo.
MOTIVO pensei que iria ver o Marcinho em campo .
SDS.

Rodrigo Federman disse...

Possa crer, J.Pratti. Eu não consigo fazer isso, por mais que deteste um determinado jogador (no meu caso, o Lindoso).
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Carli e BOTAFOGO acertaram a renovação de contrato até dezembro de 2020.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Eu vi, Marcio. Ia escrever sobre isso amanhã mesmo. Rs
Abs e SA!!!

Lorismario disse...

Caro Rodrigo. Mantemos a mesma posição a respeito do LR e Marcinho armando pela direita. Dois a três treinos são suficientes para saber se dará certo. Pontos indicativos que dará certo: 1- O Marcinho se desgasta inutilmente em correrias ao ataque quando o time ataca pela esquerda, quando deveria se manter no meio de campo para pegar rebotes. 2- Marca mal e só entra na bola para tentar marcar com o pé direito. Não rouba uma bola com o esquerdo. 3- Marca a distância. 4- Não disputa fortemente bolas no corpo a corpo - como faz o Moisés-,5- Com a bola dominada sabe subir ao ataque (meia), 6- Cruza relativamente bem. 7- Pode chutar de fora da área pois tem boa pontaria.(meia), 8- Vai relativamente bem à linha de fundo, 9-Para meia, recompõe bem até o meio de campo, 9- Dribla para dentro com a mesma facilidade que dribla para o lado de fora.10- Passa bem quando não está no "terço final do Jair Aventura" e já cansado pois veio de trás e como dizia o Saldanha, parecia a formiguinha que dava um beijo na boca da girafa e corria para a bunda e quando chegava lá o rabo já estava abaixado. Voltava correndo para beijar a boca e voltava... . Rodrigo, vou lá ensinar aquele PORRAS de Departamento de Avaliação de desempenho todas as funções de cada jogador. O Departamento de Desempenho não sabe definir, junto com o técnico, quais as funções de cada posição. MEDEM COISAS RIDÍCULAS TAIS COMO chutes a gol CONTANDO CHUTES FORA DO GOL COMO SE FOSSEM CHUTES A GOL. Você já viu alguma bola chutada fora do gol ser entrar no gol? Outra medida idiota deles: ROUBADAS DE BOLA. Que idiotice. Tem que ter na definição onde roubou a bola -ataque, meio de campo ou defesa.De qual jogador adversário roubou (nome do adversário, já que é mais fácil roubar de um jogador chamado MILITÃO (SP) do que roubar do Nenê (SP). E olha que mandei para o Departamento um texto que escrevi, exemplificando definições ou funções para o Departamento pelo Dr. E. Cilio, Psicólogo que era do Botafogo e meu amigo e que disse ter entregue. Havia exemplos de definições operacionais, como a do goleiro, zagueiro central, meia armador (meio de campo), e centro avante. Havia inclusive uma fórmula matemática para calculo do ID (Índice de Desempenho). Provavelmente eles não sabem utilizar. Rodrigo, você é testemunha pois mandei uma cópia para você. Lembra? BANDO DE INCOMPETENTES QUE NÃO SABEM NEM MESMO O QUE SÃO DEFINIÇÕES OPERACIONAIS FUNCIONAIS.

Rodrigo Federman disse...

Perfeito, Loris. Em questão de poucos treinos já dá para saber se a tentativa é/será válida ou não. É hora de aproveitar essa pausa.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Concordo com o Lorismario e ainda questiono mais uma situação.
No tal futebol moderno os treinos coletivos foram abolidos, utilizam muito os treinos em campos reduzidos, onde dizem simular as várias situações de jogo, sejam a posse de bola, o ataque contra defesa, toques, entre outras situações como a intensidade.
Entretanto penso que se perde a noção de amplitude e não por acaso, creio, uma das causas dos muitos passes errados; os passes saem fracos, curtos, longos ou fortes.
O Gérson Canhota, um Mestre na arte do lançamento, já disse várias vezes que treinava muito esse tipo de jogada e quando a chance surgia, já sabia como proceder, ou seja, não basta saber bater na bola, é preciso treinar e aperfeiçoar.
Uma outra situação é o tal do GPS... Outro dia o Djalminha falava sobre isso, que ao final dos jogos é mostrado o quanto cada jogador correu... Questionava, o Djalminha, com muita propriedade, que o fato de determinado jogador ser o que mais correu não significa que correu certo; disse que um jogador pode se movimentar menos e de forma inteligente para poder ser decisivo.
Alegam que o treinamento em campo reduzido é o que há de melhor, mas no tempo do "atraso" se praticava um futebol de qualidade infinitamente superior, hoje nem um bom cobrador de faltas não há, o último, pasmem, foi um goleiro, Rogério Ceni.
Obviamente não se pode frear o desenvolvimento, mas isso não significa que o aprendido no passado deve ser descartado de forma absoluta.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, esses professores cheios de teorias modernas...não aguento mais. Me cansam.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Rodrigo, por essas teorias somos obrigados a ter a maior contratação, Aguirre, ser escalado para correr atrás de lateral adversário, mesmo preferindo jogar de centroavante.
Onde está a vantagem em perder a possibilidade de ter um goleador e ganhar um mal marcador?
Estão montando as equipes olhando somente para o próprio gol. Isso é ridículo!
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, e isso, mesmo após o próprio atleta falar abertamente em que posição se sente mais confortável para desempenhar a sua função.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Botafogo tem que pedir para o Corinthians estipular o passe do Iago, acompanhei também era titular do Corinthians e sofreu uma grave contusão, depois foi emprestado a Ponte Preta, voltou e o Corinthians estipulou o passe do Moisés e do Jean, falta o Iago.
Botafogo tem que ficar de olho para não ser novamente barriga de aluguel,mesmo o Corinthians pagando o seu salário tem que estipular o passe.

Antonio

Anônimo disse...

Luis Ricardo era meio campo aqui na Portuguesa e o Guto Ferreira colocou de lateral direito o cara jogou demais, sendo contratado pelo São Paulo.
Acredito com uma sequência de jogos como titular, mole mole Luis Ricardo será o lateral direito e tenho observado o Marcinho acho que tem futuro em outra posição.


Antonio

Rodrigo Federman disse...

Antonio, o problema do LR é a máscara. Já Yago, Jean...prefiro ainda aguardar um pouco.
Abs e SA!!!