sábado, 5 de janeiro de 2019

Declaração que nos agrada





O goleiro Diego Cavaliere foi oficialmente apresentado como novo jogador do Botafogo. E rasgou elogios ao novo clube:

"- Fiquei muito feliz com o convite, pesa toda a história do Botafogo, a grandeza do clube, os profissionais que aqui estão. Todos que conversei elogiaram muito o Zé Ricardo".

Óbvio que se trata de discurso padronizado e automático, mas para a torcida é sempre bom ler ou escutar quando um atleta fala bem do seu clube do coração, né? Torcer é ser, antes de qualquer coisa, 100% passional.

Ao Cavaliere, prevalece aquela máxima que sempre falamos por aqui: Gostemos ou não, vestiu a camisa do Botafogo, tem a nossa irrestrita torcida. 

Sempre!

E que ele possa confirmar a grandeza do GLORIOSO no dia a dia em General Severiano.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

26 comentários:

Cleberson disse...

Para mim foi uma otima contratação.
Goleiro experiente e bom.
Gatito terá muitas convocações e precisamos de um goleiro a altura e Diego cavaliere ira conseguir fazer isso

Rodrigo Federman disse...

Cleberson, não podemos esquecer que ele não disputa jogos oficiais há mais de um ano. O passado dele, ok. O presente, ainda veremos.
Abs e SA!!!

Tiago Almeida disse...

Rodrigo o que vc achou da saída do Igor Rabello, na minha opinião ele saiu pela porta da frente grande profissional e muito focado na carreira.

Rodrigo Federman disse...

Tiago, pelo valor e com o outro vindo emprestado, achei mal negócio do Botafogo.
Abs e SA!!!

Evison disse...

Achei muito mal negocio a venda do rabelo. ..A prova disso foi o Rodrigo caio....que foi vendido apenas 45% por praticamente o dobro disso...E os 2 ainda em fase destintas...O Rodrigo parado e o rabelo com uma temporada muito boa...O botafogo só leva prejuízo em negociações. ..

Leonardo13 Germano disse...

Se não pagássemos salário até o dia 07/01, qualquer jogador que quisesse sairia de graça, com uma simples liminar.

Inclusive, o próprio Igor poderia ter sido egoísta e ter esperado mais uma semana para sair de graça e ganhar mais dinheiro.

Nas condições ajustadas, mantendo ainda 30% sobre o Igor e quitando integralmente os salários atrasados, acho que foi o "melhor negócio possível ", diante de tantas adversidades e urgência.

Saudações alvinegras!

Rodrigo Federman disse...

Eu não acho, Leonardo. Queimamos um dos poucos potenciais para fazer muita grana. Deveriam exigir receitas dos péssimos mkt e comercial do clube, isso sim.

Fecho contigo, Evison.

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Em seus últimos jogos pelo Fluminense, achei que estava em uma curva descendente; desde 2017 não faz uma partida oficial, se não estiver enganado...
Conceitualmente, sempre o achei um goleiro regular, nada mais do que isso. E ser regular não chega a ser uma defeito.
Entretanto, nada do que eu ache sobre o Cavelieri tem importância e se for regular com a nossa CAMISA, já estará valendo.
O que me preocupa com a chegada do Cavalieri nem é tanto a forma como vai se apresentar quando chamado, pois sempre me pareceu um profissional sério, e sim a possibilidade da pavimentação do terreno para a saída do Fernandez, que é o titular incontestável; até porque, já escrevi sobre isso anteriormente, essa conversa de que o BOTAFOGO precisa de um goleiro experiente não procede, pois o Saulo jogou praticamente a metade do brasileiro e nem rumores ocorreram sobre a contratação de um novo goleiro.
Como pode o Saulo poder jogar a metade do brasileiro como titular e não poder ser o reserva do Fernandez e jogar um jogo ou outro? Não falo da qualidade do Saulo e sim da coerência do departamento de futebol.
o Saulo já está há muito no CLUBE para que não tenham conhecimento suficiente sobre a sua capacidade.
SA!!!

Eziel Junior disse...

Pra mim foi desperdício... Espero muito queimar minha língua mais pegar um goleiro que está um ano parada e um tiro no pe. Não sei como foi o termo do contrato mais se ele tá ganhando o mesmo que ganhava nos flores... A diretoria fez merda.

Eziel Junior disse...

E só complementando outro tópico... Gabriel tem deficiência em bolas altas algo que o Botafog o tem sofrido nos decorrer dos anos

Daniel Cananea disse...

Gatito Fernández (G)
Marcinho
Carli
Marcelo
Gilson
Jean (permanência está por detalhes)
João Paulo
Leo Valencia
Luís Fernando
Leandro Carvalho
Aguirre

Cavalieri (G)
Arnaldo
Gabriel
Helerson
Jonathan
Alan Santos
Lindoso
Ferrareis
Marcos Vinicius
Pimpão
Kieza

Diego (G)
André Luís (G)
Kanu (não confirmado permanência)
Yuri (não confirmado permanência)
Wenderson
Gustavo Bochecha
Rickson
Zé Gatinha
Igor Cássio


Esse é o elenco atual, e tomei a liberdade de dividí-lo de acordo como eu vejo (Guardiola rs) nesse momento titulares e reservas.

Do time titular perdemos simplesmente os dois principais destaques da última temporada: Rabello e Erik. E ganhamos dois reforços "caseiros": João Paulo e Leandro Carvalho.

Já entre os reservas prefiro essa nova formatação, digamos assim, com mais jogadores da base (Helerson, Jonathan, Rickson, Wenderson, etc) do que Yagos, João Pedros e Dudus Cearenses da vida.

Madson e Vinicius, cotados para chegarem, na minha visão, se vierem chegariam para compor elenco. Ao contrário do Erik, caso retorne viria com status de titular.


SA!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, por mais que ninguém esteja falando, diante do desespero do Botafogo, a saída do Gatito é bem possível mesmo. A diretoria deve estar louca por isso.

Eziel, parece que ele veio ganhando bem menos que na época do ECTD.

Daniel, você só cometeu um grande erro: Time titular sem Lindoso? Amigo, infelizmente é impossível.

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Rodrigo e amigos, não custa lembrar que a mesma diretoria que alegou necessidade em negociar o Igor Rabello para poder pagar os salários de jogadores/funcionários, foi a que aceitou o parcelamento do Palmeiras pela contratação do M. Fernandes.
Segundo as notícias, o Palmeiras pagou à vista 1,5 milhão de euros e os 2 milhões restantes serão pagos ao longo dessa temporada 2019.
Muitos dizem que houve a tal penhora de parte do valor, o que é correto; só que a penhora só foi possível após a confirmação da venda, ou seja, o parcelamento já havia sido acordado.
Não posso afirmar que haveria a possibilidade de driblar a penhora, pois não entendo desse assunto, mas o parcelamento aceitaram porque assim decidiram.
Sem venda parcelada do M. Fernandes, se não estiver errado, daria para fechar o pagamento de 2018 e esperar a janela de 2019 para vender o segundo jogador.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Exato, Marcio. Eles se enrolam nas próprias desculpas/mentiras.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

E o BOTAFOGO acaba de ser derrotado para o Cuiabá na Copa São Paulo...
E o pior foi em uma entrevista após o jogo, o técnico do BOTAFOGO "insatisfeito" com um jogador do Cuiabá que fez uma graça e olhou para o lado oposto ao passe dado...
Do que ví, apenas umas tentativas infrutíferas do Caio Alexandre, nada de muito elaborado; no mais, independente de estarem com um Time de geração abaixo, o fato é muito ruim.

Infelizmente, não posso estranhar a performance, até pela entrevista do próprio técnico no dia 1° de janeiro, quando analisou os adversários do grupo:

"Na primeira fase, nós enfrentaremos o Horizonte, que é o atual campeão cearense da categoria. Talvez seja um time pouco conhecido, mas é o campeão do seu estado e tem os seus méritos. O Cuiabá, do futebol do centro-oeste, que é sempre complicado de se enfrentar, acostumados com o clima seco e com o calor que vamos encontrar em Franca. Além do Francana, o time da casa, que sempre tem a torcida a favor. Então, temos que buscar avançar pensando jogo a jogo, sempre buscando as vitórias e assim, no decorrer do campeonato, vamos analisando os cruzamentos e analisando os jogos dos adversários até conquistar os nossos objetivos”

https://esporte24horas.com.br/2019/01/01/marcos-soares-sobre-a-copinha-com-muito-trabalho-nos-poderemos-realizar-uma-grande-competicao/

Obviamente que a base é para revelar jogadores para o Time principal, mas quando se joga no BOTAFOGO, é preciso desde cedo ter imposição, não pode o goleiro adversário assistir ao jogo de dentro de campo.

SA!!!

Leonardo13 Germano disse...

1,5 milhões de Euros pagariam quase dois meses dos salários atrasados, e nos traria tranquilidade para negociar melhor o Igor.

Mas houve a penhora...não dá para cobrar mágica.

Leonardo13 Germano disse...

Diego Cavalieri foi uma contratacão razoavel. Tem jovens valores e destaques que poderia somar muito mais em pesperpectivas e tecnicamente, já que o vara tá em baixa na carreira.

Mas a preocupação com a posição de goleiro foi muito importante. As ausências de Gatito e Jeferson quase fodem a gente em 2018. Precisamos de um bom reserva.

Gatito é da seleção do Paraguai e vai desfalcar em muitos jogos durante o ano.

J. Daniel disse...

Cavalieri, se readquirir condições físicas nesse primeiro trimestre, vai ajudar ao botafogo, pois com as possíveis convocações de Gatito, ele será um substituto mais experiente. Mas, o time está precisando de um atacante, um goleador que faltou na temporada passada. A.boa notícia deste final de semana, é a confirmação da permanência do Jean. Um bom reforço para 2019. Saudações Alvinegras!!!

Rodrigo Federman disse...

Leonardo, o valor foi baixo. Bem aquém do que poderíamos receber. Péssimas negociações (IR e MF).
Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, péssimo time esse da Copinha. Muito ruim mesmo.

Falta muita coisa ainda, JDaniel.

Abs e SA!!!

RICARDO ROCHA disse...

A Diretoria ,no mínimo suspeita,segue criando dificuldades pra vender facilidades.

Rodrigo Federman disse...

Sim, Ricardo.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

É bom lembrar que essas penhoras são relativas a processos trabalhistas após 2014, ano de assinatura do Ato Trabalhista, ou seja, os processos anteriores estão contidos no tal Ato.

Disse o vice Fleury em 23/12/2018.

"Quando nós assumimos o Botafogo em 2014 era um caos. O clube havia sido retirado do Ato Trabalhista na ocasião. Nós requeremos um novo Ato, que incluiu todas as dívidas até 31 de dezembro de 2014. Contudo, todas as reclamações que aparecem em forma de penhora de recursos do Botafogo é porque são reclamações ajuizadas depois desta data..."

https://www.terra.com.br/esportes/lance/com-mais-de-r-68-mi-ja-pagos-no-ato-trabalhista-vice-juridico-do-botafogo-explica-penhoras-do-mes,da95809605d5b9bad0118b2458f81abfwlo3zgo1.html

E mesmo não sendo da área jurídica, me permito questionar algumas situações.
1- O BOTAFOGO sabe quantos processos foram ajuizados após a assinatura do Ato Trabalhista até a presente data?
2- Se sabe, faz o acompanhamento dos andamentos?
3- Considerando ser a penhora é possível e legal, há uma forma de se antecipar e evitar que as mesmas ocorram?

Provavelmente a penhora deve ocorrer após esgotadas as etapas anteriores, o que não me permite achar razoável o BOTAFOGO colocar-se surpreso com o aparecimento das referidas penhoras.
É uma realidade duríssima, mas a verdade é que se o CLUBE tem de cumprir com as suas obrigações com os seus contratados atuais, também deveria ter cumprido com os anteriores. Se pagaram muito ou pouco não interessa, todos trabalharam/trabalham para o BOTAFOGO.


Dobre o Cavalieri, penso o seguinte:
Porque que o Saulo, terceiro goleiro e que na hora do sufoco foi colocado como titular, não pode ser o segundo goleiro?
Em 2016, contrataram o Sidão porque o Helton Leite, desde 2014 no CLUBE, não conseguiu se firmar e o Saulo, segundo disseram, era jovem...
Penso que o problema não é a contratação do Cavalieri e sim na falta de coerência.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, coerência não é característica dessa diretoria.
Abs e SA!!!

fabio lucas disse...

Sera que ele ainda tem os reflexos como tinha antes ?

Rodrigo Federman disse...

Fabio, obviamente perde um pouco, mas nada que o Tenius não consiga trabalhar com ele.
Abs e SA!!!