terça-feira, 1 de outubro de 2019

Não dá mais














Palavras do técnico Eduardo Barroca, após mais um vexame na noite de ontem:

"- Mais uma vez eu estou aqui de peito aberto para defender meus jogadores, estão se dedicando de todas as formas. A gente não está indo para a guerra, a gente já está na guerra".

O cara banalizou por completo o significado de "dedicação". Eu vejo completamente o oposto. Um time entregue, apático, desinteressado. Na verdade, o retrato fiel do seu comandante, especialista em frases prontas e palavras difíceis para posar de "estudioso".

Barroca, em respeito ao Botafogo, pede para sair! 


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

50 comentários:

Marcio disse...

Dedicação para ele deve ser somente comparecer aos treinamentos...
Esse time do Barroca não tem capacidade técnica, organização tática e preparo físico, é um verdadeiro time amador, com o máximo respeito aos times amadores, pois sei que jogam com mais disposição.
Infelizmente a derrota não causa espanto algum nessa gente que está no BOTAFOGO, tornou-se cultural.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, se é que eles treinam, né?
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

O cenário me remete ao ovo da serpente.
Alguém ou alguns no Botafogo está/estão chocando o ovo da serpente.
Já contei e peço desculpas aos amigos que já conhecem o sentido da expressão.
O ovo da serpente é transparente. Dá pra ver que o ser que sairá dali representa algo de muito ruim, com toda aquela conotação que a serpente tem de ruim.
A metáfora é óbvia: descreve um ambiente no qual se observa que o resultado de tudo o que está acontecendo será necessariamente nocivo.
Há um filme do Bergman com esse título (O ovo da serpente). Retrata a situação na Alemanha pré nazista. Tudo o que se vê na história só faz concluir que o resultado dos acontecimentos prévios descritos (o nascimento da serpente, no caso, o nazismo) será nefasto.
Ontem, como já disse, assisti a cinco minutos do jogo pela net, tempo suficiente para ver um arremedo de time vestido com o uniforme do Botafogo entrar na roda para o Barcelona (oops, Fortaleza), ao ponto de se permitir a invasão da área da maneira mais fácil que já presenciei e tomar - mais uma - bola na trave.
Desconectei quando vi a repetição do gol do adversário, feito por um dos nossos zagueiros...
Juro que começo a pensar seriamente que tudo isso está sendo feito de modo deliberado. Não é possível ver tamanha apatia, falta de iniciativa, ausência de competência e ausência dos predicados mínimos para se atuar numa profissão a cujo exercício se propõe.
Os diretores do Botafogo não detêm competência para gerir o clube.
O Barroca não reúne as qualidades mínimas necessárias para ser treinador de futebol
Os caras que vestem o uniforme do Botafogo não são jogadores profissionais.
A total falta de vontade para se trabalhar redundaria, por exemplo, na minha demissão sumária do cargo que exerço.
O Botafogo está chocando o ovo da serpente.
O mal que nascerá dali é o rebaixamento do clube, a fuga dos investidores (eu não colocaria um cêntimo numa instituição que insiste em permanecer derrotado em todos os sentidos), o desaparecimento da instituição em um prazo médio. Deverá sobrar algum para o remo e sua torcida maravilhosa, o basquete disputando um torneio de três clubes e o futebol feminino. Só não ver quem não quer ver mesmo. Ninguém pode ser tão cego assim lá nas geografias de General Severiano.
Claro que há um universo de medidas a serem tomadas. A primeira delas é a imediata demissão desse farsante que se apresenta como treinador. As outras iniciativas, todos sabemos quais são, menos o staff que brinca de gerir o clube.
Aguardo até o final do dia a notícia de que o Seu Barroca foi demitido.
Caso contrário, tiro férias até o próximo ano, caso o Botafogo sobreviva.
Tenho coisas muito mais importante para fazer.
Levi

Rodrigo Federman disse...

Levi, infelizmente eu duvido que essas coisas que você muito bem alertou aconteçam. O marasmo não tem fim em General Severiano.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

RODRIGO,com essa ANTA ABESTADA de treinador,em breve estaremos na ZR.
Não discuto a qualidade dos jogadores,mas o time bem escalado,com outro esquema de jogo e sem intervenções de A ou B,não seria tão dominado por qualquer timeco.
Tirando uns cinco ou seis times bem melhores,o resto é tudo igual e os resultados mostram claramente.Escalar um meio de campo com três jogadores que não marcam ninguém e um ataque de morrer de rir,sem quaisquer tentativas de algo novo é chamar a derrota e os dirigentes fingem não ver.
De que adianta picharem os muros com fora BARROCA? Você acredita que um treinador com certo nome na praça vai aceitar imposições de escalar ex jogadores em atividade e "perebaços" de empresários amigos?
Não tenho assistido mais os jogos,vejo a escalação e desisto,pois alguns nomes me causam séria repulsa.
Meu amigo,para mim NÃO DÁ MAIS HÁ MUITO TEMPO,pois nunca me enganei com esse TDM.
É tudo muito lamentável,boa semana para todos.JOTA.

Rodrigo Federman disse...

Jota, e se esse time (com esse comando omisso e diretoria que não honra compromisso) entrar na Z4, amigo, não sairá mais.
Abs e SA!!!

Assimos disse...

Salve Salve, amigos do CB!

Eu avisei lá atrás que não queria um cara em início de carreira nesse time do Botafogo. Precisávamos de alguém com personalidade e não mais um "pau-mandado" que para garantir seu salário, defende o que é indefensável falando um monte de merda.

Em algum post anterior eu disse que trazer um novo técnico poderia não resolver a situação atual, mas depois de mais um vexame seguido dessa falácia na coletiva, eu volto atrás e endosso a campanha #FORABARROCA — o Botafogo é muito maior do que seus interesses.

Abraços e SA!

Rodrigo Federman disse...

Assimos, nesse momento é preciso dar uma chacoalhada. E com o Barroca não vai dar mais para levar.
Abs e SA!!!

VinnyMarques disse...

Não consigo assistir mais que 10' desse lixo de time. Não dá. Sem paciência. Zero. Só esperando acabar o ano. Nada muda. Mesmos erros. Irritante. Nojento...

Anônimo disse...

Técnicos e aprendizes de técnico no Brasil se especializaram e discursos vazios pra mascarar suas incompetências. São uns enrolões. Fora Barroca.

Miguel

Assimos disse...

Sem dúvida, Rodrigo, o problema é que o AB garantiu a permanência dele.

Abraços e SA!

Rodrigo Federman disse...

Vinny, dá um mix de raiva com sono!

Miguel, são todos metidos a professores, intelectuais. Todos, fracos.

Assimos, e o NM garante o AB e GN. Ou seja, estamos na merda.

Abs e SA!!!

Assimos disse...

Ali é "uma mão lava a outra e as duas lavam a bunda".

Abraços e SA!

Rodrigo Federman disse...

Com certeza, Assimos.
Abs e SA!!!

RICARDO SOUZA disse...

Não que ache ele ruim ou que a culpa da fase atual seja dele, mas Marcelo Benevenuto como zagueiro daria um ótimo lateral direito.
Bola aérea defensiva fraquíssima, aliás não tem nem altura de zagueiro.

Rodrigo Federman disse...

Ricardo, gosto muito do Marcelo. Inclusive como zagueiro.
Abs e SA!!!

PAULO FERNANDO disse...

Durante algum tempo defendi o Barroca e alguns jogadores, mas não dá mais para manter um padrão tão baixo de qualidade técnica e o pior, da falta de vontade, de determinação, de garra para se superar. Se a capacidade dele em tirar isso já foi uma qualidade desse time, morreu e quando a vontade morre só uma nova mentalidade para mudar o rumo das coisas. Claro que ele não é o único culpado, a baixa qualidade do elenco, a diretoria omissa e desqualificada, a crise financeira aumentam a pressão sobre ele. Mas é inadmissível sua impassividade na busca de soluções que estão na cara de todo mundo, como por exemplo afastar de vez jogadores sem compromisso e que "andam" em campo. Do jeito que ele comenta, parece que estão todos se sacrificando em campo e a derrota é um acidente. Não é! Difícil motivar que está de salário atrasado? Sim, mas o time de 95 foi campeão brasileiro aos trancos e barrancos. Falta pulso de todos os envolvidos e mais ainda, confiança. Ninguém mais confia na capacidade dele em sacudir esse time. Pra finalizar: Alex Santana volta logo. O time com você é outro!!!

PAULO FERNANDO disse...

Pergunta: quem poderia entrar no lugar dele? Na boa...não duvidem que Mr. Everest volte!!! Do jeito que essa diretoria é burra....

Rodrigo Federman disse...

Paulo, é isso mesmo. No momento, a única coisa que pode ser feita, é a troca do técnico. E ele já perdeu a mão total. Fora as insistências e erros. São muitos e não têm fim.
Abs e SA!!!

PAULO FERNANDO disse...

Não entendo porque não escala o Jean (um dos maiores cães de guarda do CB 2018), libera mais um pouco o JP? Porque não tenta o Marcelo Benevenuto na direita? Porque insiste com o péssimo L.Fernando, Marcos Vinicius? Cade o Yuri com jogou uma vez na lateral esquerda e foi tão bem? Porque não dispensam logo o Valencia e liberam um pouco mais a folha? Enfim pode ser que alguém concorde ou discorde de cada uma das sugestões acima, mas dá pra melhorar com um pouco mais de criatividade, mas o cara tá vendo a casa cair e não faz nada de novo?!? E quando faz é a mesma bosta que já não deu certo!!!

Rodrigo Federman disse...

Paulo, é porque ele é paneleiro! E não sabe pensar em um time de outra maneira que não seja a engessada. É limitadíssimo como treinador.
Abs e SA!!!

Sergio Di Sabbato disse...

Fiquei amargamente arrependido de ter visto o jogo ontem. Tinha dito para mim que não veria mais o Botafogo esse ano, mesmo depois da milagrosa vitória sobre o CAM, e não vi os vexames contra o Ceará e SP. É o tal negócio: o coração não sente aquilo que não vê. Perdeu, mas não tinha a menor noção do que foram as partidas contra Ceará e SP. Perder faz parte, mas o que esse time faz em campo foi bem definido pelo Márcio ontem: esse time não faz nada, em todos os sentidos.
O Barroca ou seria Burroca já deu. O time não tem padrão mínimo de um time de futebol, tá no nível do Íbis; vergonhoso. Porém, esse time e seu comando técnico são apenas um retrato fiel do comando geral do clube.
Infelizmente o pessimismo tomou conta de mim depois daquela exibição esdrúxula de ontem, fiquei deprimido, pois esse time é deprimente e nós leva a uma profunda depressão.
Prá mim esse ano já deu, e se não cair, agradeça aos céus, pois será milagre. Abs e SB!

Marcio disse...

Os discursos do Barroca não se relacionam com as suas decisões:

Eu entendo que o Botafogo ficou um pouco espaçado, mas para o segundo tempo, quando a gente precisou fazer um jogo mais direto, que não é muito a nossa característica, eu coloquei o Victor com o Diego, já que a gente estava com dificuldade de fazer a transição do meio para a frente. "

"A equipe do Fortaleza, como estratégia, usa uma bola longa direcionada nos laterais e nos pontas, uma bola treinada, o Tinga e o Carlinhos fazem isso muito bem e, quando a gente pressiona, eles conseguem sair dessa pressão com essa bola longa. São agressivos e acabam ganhando essa segunda bola no nosso campo de defesa, mas acho que no primeiro tempo o Botafogo se comportou bem, criou chances."

https://globoesporte.globo.com/futebol/times/botafogo/noticia/apos-derrota-em-fortaleza-eduardo-barroca-resume-momento-do-botafogo-a-gente-esta-na-guerra.ghtml


Ele colocou o V. Rangem em campo somente aos 36 do segundo tempo, o cara ficou somente 16 minutos em campo... Aos 36 que observou tal dificuldade?
E observou que o Fortaleza tem a bola longa para os pontas ou laterais e ganham a segunda bola no campo de ataque.... E não tomou providência alguma para sanar o problema ou criar mais dificuldades para o adversário.
Eu que não sou técnico de futebol e entendo rigorosamente nada, comentei aqui no Blog, durante o jogo o seguinte:

"Marcação deficiente nas laterais, um vazio na intermediária defensiva e L. Fernando fazendo o de sempre; rigorosamente nada! E o Gatito já segurando as saídas de bola ainda no primeiro tempo.
E assim vai o Barroca e a sua convicção..."

Nesse momento o jogo estava empatado, por sorte, mas empatado e o Barroca voltou para o segundo tempo sem alteração alguma e procedeu a primeira substituição somente aos 20 do segundo tempo, 5 minutos após o gol do Fortaleza.
E para terminar, uma fala do Barroca em uma entrevista:

"Trabalho muito com o jogo das substituições. Fui muito educado como treinador de base a fazer isso. Me apego muito se o treinador rival já fez a primeira. Gosto sempre de ter a última substituição para ter a última carta na manga."

https://globoesporte.globo.com/futebol/times/botafogo/noticia/do-porrete-ao-estilingue-barroca-detalha-primeiro-turno-do-botafogo-entre-erros-e-acertos.ghtml

Futebol não é medicamento para ter bula, Barroca.

SA!!!

Sergio Di Sabbato disse...

Não é possível que o Barroca insista com um meio campo que não marca ninguém, deixa em campo dois laterais fraquíssimos que estão sempre no mano a mano e sempre se dão mal. Todos os times já perceberam isso, menos aquele que é pago para isso. Fora a deficiência na marcação, esse meio campo é muito lento, estático e nunca acerta um passe nem a média distância, o que dirá a longa distância. Então a defesa fica exposta, e o ataque, se é que pode se chamar isso de ataque, nunca recebe uma bola para concluir.
Criticar o Marcelo pela falha de ontem é esquecer as muitas coisas boas que tem feito em diversos jogos. Falhou, mas quem não falha, vi grandes craques falharem, faz parte. Abs e SB!

Eduardo Samico disse...

Hoje o Barrouca cai. Não dá mais. Nem para essa diretoria de futebol cuja competência é sabida.

E prosseguindo nas minhas apostas, acho que o Paulo tem razão, sai o Barrouca, volta mr. Everest. Desempregado, a diretoria não tem lá muita imaginação, juntando lé com cré...

Tá osso.

Minha torcida limita-se a termos êxito em ficar no G16. E é tudo a que podemos almejar.

abs

Rodrigo Federman disse...

Sérgio, infelizmente a gente só sofre com esse Botafogo. E a tendência é continuar assim, afinal, já passou um dia e nada mudou lá no Reino encantado de GS.

Marcio, o Barroca nem sabe mais o que fala. É um poço de burrice e incoerência.

Eduardo, pior que não caiu. Hehehe

Abs e SA!!!

Fatos disse...

1. Pouca (quase nenhuma) aproximação dos jogadores nos momentos em que tem a bola
2. Demora – e poucos jogadores – para levar a bola do meio-campo para o ataque
3. Pouco (quase nenhum) incômodo na saída de bola do time adversário.


Esse é o Botafogo do Eduardo Barroca. Tem quem defenda, e até entendo que seja difícil ele cobrar jogadores insatisfeitos com os atrasos de salário, mas taticamente o time montado por ele é horroroso. Assisto no premiere todos os jogos que consigo, e afirmo sem dúvida, atualmente só o Avaí está jogando pior que o Botafogo, e ainda sim, pau a pau.

Rodrigo Federman disse...

Fatos, concordo totalmente contigo! Praticamos o futebol caranguejo!
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Não podemos nos esquecer que durante a parada para a disputa da Copa América o BOTAFOGO ficou somente nos seus treininhos, não pode ser coincidência ter sido aquele que voltou pior ao campeonato.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Sim, Marcio. Enquanto outros times estavam disputando amistosos e treinando direto, tivemos quase 15 dias de férias e depois aqueles treinos ridículos de 1h por dia.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

O Barroca tem razão quando disse "A gente não está indo para a guerra, a gente já está na guerra".
Em guerra com a bola, em guerra com a organização tética, em guerra com a boa técnica... Em guerra com o futebol.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, e perdendo essa guerra.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Uma boa dica é assistir River e Boca.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Sim, Marcio. Ligado.
Abs e SA!!!

Adelson disse...

Há muito eu já havia jogado a toalha. Imaginei que o segundo turno seria um terror. O pior nos aguarda. Esse elenco medíocre e frouxo, junto com esse técnico de jopo de botão e essa diretoria de merda vão afundar o Botafogo na segundona. O clube está sendo destruído. O projeto dos irmãos MS é natimorto, quem vai investir em algo assim?

Rodrigo Federman disse...

Adelson, precisamos terminar o ano na série A. Só isso interessa agora.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Joel Carli e A. Santana podem retornar para o jogo contra o Fluminense.
O Carli só tem 32 anos, mas o que fica fora de jogo é uma festa, se fez presente apenas em 21 jogos de um total de 43 que o BOTAFOGO fez em 2019.
SA!!!

Adelson disse...

Rodrigo, por vezes ouvi pessoas falando para mim que a situação não era tão ruim como eu dizia. Mas sempre mantive meu desalento total com o clube. Lembro que em 2018 o Atlético-PR figurou na Z4... eu sempre dizia que ele não cairia. Lá tem diretoria, tem competentes gerindo. E veja, o time não só não caiu, como faturou a sulamericana e este ano a Copa do Brasil. O Botafogo está desgovernado e caminhando para o brejo, infelizmente.

Rodrigo Federman disse...

Possa crer, Adelson.
Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, cabe também ao DM explicar o que tanto acontece por lá.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

É para rir?

Insatisfeito com contrato, Botafogo pode 'bater de frente' com a Rede Globo

Com contrato com a Rede Globo até 2024, o Botafogo pode rever o vínculo com a emissora. De acordo com o portal "UOL", o Glorioso não estaria satisfeito com os atuais valores que recebe como receita da televisão.
O sentimento de injustiça no clube carioca teria crescido com o projeto encomendado pelos Moreira Salles para atrair investidores com o objetivo de fazer o Glorioso virar empresa.
A ideia do Botafogo seria de negociar um novo modelo para o vínculo atual e assegurar à emissora que a parceria seguirá no futuro. Caso não aconteça o acerto, o portal afirma que a guerra poderá aumentar nos próximos anos

https://odia.ig.com.br/esporte/botafogo/2019/10/5713042-insatisfeito-com-contrato--botafogo-pode--bater-de-frente--com-a-rede-globo.html

Em 20 DE OUTUBRO DE 2016

O Conselho Deliberativo do Botafogo aprovou o contrato do clube com a Globo referente ao período até 2024. Por causa da assinatura, o clube passou a ter direito a R$ 60 milhões de luvas, sendo R$ 20 milhões já recebidos em 2016 e R$ 40 milhões ficando para 2017...

http://blogs.lance.com.br/deprima/2016/10/20/conselho-do-botafogo-aprova-contrato-com-globo-que-rende-luvas-de-r-60-milhoes/

Como pode dizer que vai reclamar se concordou com o que foi oferecido pela tal rede de televisão?
Quem assinou esse contrato no foi outra gestão, foram os mesmos que estão no comando atualmente.
São uns brincalhões!
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, não bastasse eles nos irritarem diariamente, ainda se dão ao direito de serem piadistas! hehehe
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Rodrigo, essa noticia tem a aparência de ser uma luta para defender os direitos do BOTAFOGO, só que uma análise histórica faz cair a máscara.
E o interessante é que ela surge em um momento de queda vertiginosa da equipe, pelo menos no que diz respeito aos resultados, já que futebol bem jogado "jamais" se fez presente.
Uma tentativa patética de jogar a culpa de tudo na crise econômica/financeira do CLUBE... Alguém acredita que com situação financeira melhor, teríamos um time melhor?
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, conversa para boi dormir e enganar trouxas! E pior que eles realmente conseguem levar alguns nessa lábia.
Abs e SA!!!

Unknown disse...

Coitadas das serpentes.

Rodrigo Federman disse...

Verdade, Unknown.
Abs e SA!!!

Adelson disse...

Brigar com a RedeBosta é o mínimo que um clube decente faz. Aquele esgoto manipulador também age no futebol. Ela tenta fazer do campeonato brasileiro um campeonato espanhol. Diretorias decentes, como a do Atlético-PR e Palmeiras, reagiram duro contra ela e venceram. Mas, um clube que está na beira do precipício, sem patrocinador master, atolado em dívidas e conduzido por um bando de palermas, não consegue encarar nem um bêbado cego descendo uma montanha em noite de tempestade.

Rodrigo Federman disse...

Adelson, eles jamais farão isso! Mais fácil acreditar em Papai Noel.
Abs e SA!!!

Lorismario disse...

Barroca e sua posse de bola ineficiente. O Botafogo precisa de um técnico e não de um incompetente metido a filósofo, que você também não é. "Estou aqui de peito aberto" = Precisamos de forma diferente de atuar e não de "peito aberto". "Estamos no meio de uma guerra". Engano seu, estamos no meio da Tabela indo para o Z4. E outras baboseiras que você fala. Não queremos tais falas evasivas. Queremos padrão de jogo, toques para frente, chutes a gol, gols, domínio do adversário e não pseudos domínios de bola com maior tempo de posse. Todas frases evasivas. Se manda daí seu incompetente. Loris

Rodrigo Federman disse...

Loris, ele é o rei do futebol caranguejo.
Abs e SA!!!