segunda-feira, 25 de novembro de 2019

O que foi treinado?














Palavras do técnico Alberto Valentim, sobre a semana de treinamentos que resultou no triunfo sobre o Corinthians:

"- É muito importante para fazer um jogo de intensidade. Bom para recuperar os jogadores e fazer o que precisava para nos prepararmos para o Corinthians. Se pudesse escolher, ia querer sempre semanas cheias, mas agora não teremos mais. A recuperação rápida será importante".

Bom, como eu não vi o jogo, não consigo opinar. Mas pelos relatos dos amigos, o time não atuou bem. Pelo contrário, foi quase unanimidade que o Botafogo venceu mas não mostrou qualquer evolução ou sinal de que houve trabalho bem feito durante a semana. 

Para terminar logo o Brasileirão , ok. E só.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

33 comentários:

Reinaldo disse...

Foi dominado 99,9% do jogo. Só defesa e extremo sofrimento. Para encarar isso estamos treinando durante 11 meses, sem semana inteira para recuperação.

Anônimo disse...

Botafogo fez uma partida pior que aquela na vitória contra o Avaí.

Sinceramente, não sei o que foi treinado. E não da pra entender o Igor Cássio de ponta direita.

Resende

Sergio Di Sabbato disse...

O Botafogo jogou o que não foi treinado, porque se o que foi treinado foi o que o time apresentou ontem, então levantemos aos mão para o céu e agradeçamos pela sorte do time ter feito um gol ao acaso e conseguido se defender bravamente até o fim.
Vou repetir pela enésima vez: esse esquema mequetrefe de 4 3 3 com esse meio campo que não marca ninguém, erra passes em profusão, não cria nada. dois laterais fraquíssimos que mal defendem e mal apoiam, a lentidão e falta de opções de passe no momento do contra ataque, atacantes tendo que ajudar na marcação e por isso estão sempre no campo defensivo e haja pernas para correr atrás da bola, e para agravar, os extremas são incapazes de chegar ao fundo, seja pela incapacidade ou pela forte marcação, e ainda escala um centro avante para jogar nos lados do campo, não tem como dar certo, só mesmo muita sorte. Mas parece que a teimosia é uma constatante nessa montagem do time, e para que a coisa fique mais complicada, o preparo físico é muito ruim. Não podemos esse ano reclamar da sorte, pois como esse time conseguiu 12 vitórias é um mistério. Abs e SB!

Sergio Di Sabbato disse...

Acabei de ter um insight: a tática do Botafogo é aquela dos aviadores japoneses na 2ª guerra: nosso time joga como os Kamikazes, a tática suicida, e nóa é que sofremos, pois assistir o atual Botafogo é um suplício, haja coração. Abs e SB!

Anônimo disse...

Rodrigo e turma
Não vi o jogo, mas gostei muito dos três pontos. Eram essenciais. Com esse plantel, penso que se tira leite de rochedo. Treinaria muito bolas paradas. Fui ontem ao Beira Rio ver o Inter contra o Fortaleza. Impressionante como o Ceni consegue armar bem um time, com pouquíssimos recursos. Só bola no chão, saindo desde a defesa. Um bom nome para um projeto de futebol no Botafogo.
Saudações
Paulo de POA

Marcio disse...

Essa conversa de que a "semana cheia" foi boa não me convence, pois em 11 de abril foi eliminado da Copa do Brasil e em 31 de julho foram eliminados da Copa Sul-Americana.
As duas competições são jogadas praticamente por todo o ano e ainda tiveram um mês sem jogos por causa da Copa América.
Tempo não faltou, o que o BOTAFOGO apresentou de evolução?
Nem evolução tática e nem física, rigorosamente nada!
Aliás, além de não me convencer, já está materialmente comprovado de que essa filosofia dos técnicos nacionais é uma grande embromação. Poupar o time por causa de um confronto na próxima semana, poupar por causa do jogo anterior... Tudo para recuperar intensidade...
SA!!!

Anônimo disse...

RODRIGO,o AV é só papo furado,totalmente fora da realidade.
Cada um vê de uma maneira e eu vi o seguinte:
1.o time começou no estilo BARROCA BOL,que a mídia e alguns adoravam.Quase levamos alguns gols,mas os deuses do futebol alvinegros nos salvaram.Esse estilo só funciona com quem sabe e pode fazer,o que não é o nosso caso.Ainda bem que o GATITO passou a bater o tiro de meta e os riscos diminuíram.
2.temos 4 jogadores MB que jogam pelos outros,ou seja,JP,MARCELO,GABRIEL e GATITO. Cinco que não joguem nada,mas pelo menos correm e não se omitem,e dois menos ruins mas que,quase sempre,ficam alheios ao que acontece em campo.O treinador deve ser deficiente visual,pois não enxerga nada que acontece durante as partidas,escala mal e substitui de forma bisonha.
3.O AS é voluntarioso,luta,tem velocidade e chuta forte,mas como dizia o CANHOTA,a bola não gosta dele.É uma dificuldade imensa para que a redonda se ajeite aos seus pés,rsrsr.
4.O DS recebeu uma bola açucarada,após uma excelente mudança de jogo do JP e fez o gol.Ainda bem que não perdeu e vencemos,mas a sua indolência e preguiça me irritam profundamente.No segundo tempo brochou e foi substituído.Só pode jogar 30 minutos.
5.o resultado mostrou o nível atual do futebol brasileiro,onde vencemos um time que deverá ir para a LA e segundo os "entendidos" possui vários craques,rsrsrsrs.
Vamos torcer e esperar que outros milagres aconteçam.JOTA.

Rodrigo Federman disse...

Reinaldo, mais uma Vitória espírita.

Resende, então foi pior do que eu imaginei. Rs

Sérgio, na verdade, esse time é menos pior quando joga "sem treinar".

Sim, Paulo. O importante era vencer.

Marcio, é conversa para boi dormir.

Jota, a base de milagres, vamos somando pontos importantes.

Abs e SA!!!

VinnyMarques disse...

Esse fanfarrão tá de sacanagem. Foi ataque contra defesa o jogo inteiro! Marcelo, Gabriel e JP foram monstros. Nenhuma jogada ensaiada. Nenhuma sequer. Nem de bola parada. A torcida ganhou o jogo novamente.

Rodrigo Federman disse...

Vinny, e nada demonstrando o mínimo de trabalho ou treinamento.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

O Botafogo venceu ontem porque baixou um "sobrenatural de almeida", valendo-me da expressão criada por um gênio torcedor do desprezível número um.
Venceu apesar do Valentim e não por causa dele. Venceu apesar do fulano lateral direito que é bem ruim, mas que cruzou a bola para o gol.
O Botafogo venceu ontem porque a torcida (sobre a qual uns FDP tentam jogar a culpa pelos constantes desacertos do clube) jogou junto ontem. Impressionante, como o torcedor do Botafogo é diferenciado. Falo pelo que noto e por experiência própria, por ter frequentado o Maracanã nos dias ruins.
O time do Botafogo é um amontoado sem o menor padrão de jogo. Vi somente o segundo tempo, como falei ontem. Foi encurralado o tempo todo pelo time que representa o clube que deve 500 milhões a um banco estatal, mas que também não sabe atacar.
Precisamos de duas vitórias, nada mais do que isso, para escaparmos de um destino muito ruim.
Depois disso, fora com quase todos os malditos, a começar pela cúpula, passando pelo Valentim (avatar mais magro do Barroca), pelo Vitor Rangel e pelo Zé Gatinha (oops!, esse já foi, mas parece que deixou uma nhaca alí no clube).
Levi

Rodrigo Federman disse...

Levi, que ele (Sobrenatural de Almeida) baixe mais duas vezes nesse campeonato. Hehehe
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Um fato precisa ser considerado.
A defesa do BOTAFOGO pode ser considerada uma das melhores do campeonato, mesmo tendo uma média alta de gols sofridos; 60 gols em 55 jogos, média de 1,09 gol/jogo.
E esse meu comentário se dá pelo fato dela jogar sem proteção alguma, quase sempre no combate direto com os atacantes adversários, não é uma tarefa fácil.
E além disso jogamos com dois laterais, Fernando e Yuri, de pouca bagagem, já que o BOTAFOGO não fez os testes necessários quando foi possível.
Marcelo impecável na zaga e ainda tem de fazer a cobertura na lateral direita, pois sempre tem dois jogadores no setor do Fernando; o mesmo vale para o Gabriel em relação ao lateral esquerdo Yuri.
Não posso retirar o que já escrevi anteriormente sobre o fato de que uma defesa boa precisa ser bem protegida.
Para terminar, hoje praticamente "todos sabemos" quem deve permanecer para 2020, só que é preciso uma análise criteriosa em elação aos jovens, que não estão no melhor ambiente favorável para a prática do futebol.
Bem ou mal, ontem fomos com Fernando, Marcelo, Yuri, I. Cássio, Rhuan e L. Barros (segundo tempo), Tanque eu não conto; meio time.
Onde estão os "experientes" M. Vinicius, V. Rangel, A. Santos?

SA!!!

Enéias Teles Borges disse...

Nossa sorte é que o Corinthians é uma tranqueira só. Posse de bola sem efeitos. Viram os números? Botafogo e Corinthians são os que menos finalizam no gol. Quem fizesse um, venceria. Depois que fez o gol era claro que terminaria assim. Posse de bola de um time ruim contra outro time muito fraco.

Felizmente existem times piores que o nosso, caso do Fluminense, Cruzeiro, Ceará e os demais do fim da tabela. Viram o Abelão tomando 4 gols do Santos?

PAULO FERNANDO disse...

Parece a Dilma estabelecendo a meta.
Para Valentim!!
O time n joga nada porque é ruim e vc escala muito mal. Posso estar errado quanto a condição do Jean, mas tendo sido um dia um dos maiores roubadores de bola do CB 2018 não é possível deixar ele de fora em um time com laterais tão fracos. Essa de escalar o time em um 4x3x3 é piada de mal gosto e o Igor Cássio na ponta passa um enorme atestado de incompetente no técnico. Enfim....acaba logo 2019!!!!!!

Marcelo Botafogo disse...

Ganhar de 1 x 0 mostrou alguma evolução, mas, remota e tímida. o negócio, é ganhar 4f e no fds, para esquecer 2019 no que se refere a futebol !

Rodrigo Federman disse...

Verdade, Marcio. Nosso setor defensivo é muito vulnerável e a dupla de zaga precisa se desdobrar.

Enéias, menos mal.

Paulo, sim, o AV ainda piora com escolhas duvidosas demais.

Isso aí, Marcelo.

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Um outro fato importante nessa rodada é que chegamos a 12ª vitória, que é o primeiro critério de desempate.
Daqueles que não chegaram ao número mágico de 45 pontos, do Bahia com 44 pontos na 10ª colocação até o lanterna Avaí, com 18 pontos, apenas o BOTAFOGO e a Chapecoense venceram os seus jogos, contra Corinthians e Avaí, respectivamente. Falta ainda o Fluminense enfrentar o CSA.
Essa vitória foi importantíssima, já que também, em tese, coloca uma maior pressão nos adversários que provavelmente imaginaram ver o BOTAFOGO ganhando apenas um ponto.
Dependendo do que ocorra no jogo do Fluminense, teremos 3 ou 4 pontos de distância para o 17° colocado... Obviamente o BOTAFOGO ainda precisa fazer a sua parte, mas o tempo para reação está ficando exíguo.
A possibilidade de ocorrerem muitos empates até a última rodada é grande, creio.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, demos um passo importantíssimo.
Abs e SA!!!

Sergio Di Sabbato disse...

Esse campeonato mostrou o quanto o futebol brasileiro está mal. O campeão Flamengo deitou e rolou, mas veja: um técnico europeu de segunda linha que suplantou nossos "professores". Um time com vários jogadores sem mercado na Europa, vários deles devolvidos porque lá nada fizeram e aqui viraram "craques", ou seja, em terra de cego quem tem um olho continua caolho no dizer do Barão de itararé, mas aqui amigo, o nível está tão baixo que se é um pouco melhor e tem um técnico que sabe treinar, fica fácil, e isso o Flamengo soube fazer, inclusive contra o River que se utilizou da mínima vantagem e deu campo. Como dizia o Murici, "a bola pune", o o River foi punido, o que de certa forma mostra que não só o futebol brasileiro, mas o sul americano vai mal das pernas. A superioridade do futebol europeu nos últimos 20 anos é assustadora. Como chegamos a esse ponto? Simples: o sucateamento de quase 90% dos times brasileiros a partir do monopólio que beneficia um ou dois times, é a espanholização do nosso futebol, bem ao contrário do que aconteceu na Inglaterra.
Claro que não se pode omitir a implosão do clube dos 13, que curiosamente foi um dirigente do Botafogo, o nefasto dentista, que levou o projeto para frente. Sem contra da quase total incompetência dos dirigentes brasileiros. Aliás, sempre foram incompetentes ou muito sem vergonhas. O que salvava o futebol brasileiro foi a quantidade de grandes jogadores que tínhamos e que aqui permaneciam. Estes resolvia, pois se dependêssemos dos nossos "professores" e seu conhecimento técnico tático, provavelmente não teríamos feito tanto sucesso.
Não custa lembrar que Garrincha era reserva, recusado pelo Parreira, Romário foi convocado pela pressão dos torcedores.
Eu nem goto de assistir jogos dos campeonatos europeus, não que não seja bom, mas a raiva que me passe, a mim e minha geração de ter visto tantos jogadores fantásticos, hoje só poder vê-los em outro continente, inclusive nosso bons jogadores e nossos clubes falidos. O que fazia o diferencial do nosso futebol em competições era o equilíbrio. Do jeito que a coisa anda, daqui a pouco você só terá 3 ou 4 times disputando títulos, e isso é muito ruim para o nosso futebol. Mas enfim, o Brasil é assim mesmo: privilégios para poucos e mentalidade de colônia. Abs e SB!

Anônimo disse...

RODRIGO,voltei só para concordar plenamente com o texto do SÉRGIO.
Normalmente evito comentar o que postam,mas desta vez não resisti pois penso muito parecido.JOTA.

Rodrigo Federman disse...

Sérgio, disse tudo. Eternamente colônia.

Perfeito, Jota.

Abs e SA!!!

Fatos disse...

Flamídia ganhou tudo sem poupar ninguém

Fatos disse...

Em relação ao River, Gallardo deu uma aula a JJ, de compactação, marcação e saída de bola.
Um pecado a virada da mulambada, que só ocorreu por causa da questão técnica, pelo poder de decisão dos jogadores de ataque.
Porque jogar melhor, quem jogou foi o River.

Rodrigo Federman disse...

Fatos, achei um time melhor em casa tempo.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Eu só acho que não estão "espanholizando" o futebol brasileiro, estão transformando em coisa pior.
Não se discute o poderio do Real Madrid e Barcelona na Espanha, mas não se pode deixar de observar que em termos de competições europeias, dominam com 11 conquistas, sendo o Sevilla o maior vencedor com 5.
Nas últimas 10 edições da Liga Europa, os espanhóis conquistaram 6 títulos, contra 3 dos ingleses e 1 dos portugueses, essas 6 conquistas dividem-se entre A. Madrid e Sevilla, sendo que o Sevilla tem um tricampeonato verdadeiro.
Na UCL, basta falarmos de Real Madrid e não se discute mais nada; das últimas 10 venceram 6 e fizeram duas finais caseiras, Real Madrid contra A. Madrid.
O poderios da dupla Real e Barcelona faz parecer que os outros são muito mais fracos...
Talvez estejamos caminhando para uma "alemanhização".

SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Sim, Marcio. O que é ainda pior.
Abs e SA!!!

Ricardo Cristofaro disse...

Treinou chutão pra frente. De qualquer modo Marcelo e Rhuan devem ser titulares. Bochecha também deveria jogar no lugar do Cícero.

Rodrigo Federman disse...

Ricardo, na verdade, nem Cícero ou Bochecha. Deveria ser o Jean.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Rodrigo, é bom que se diga que embora Real Madrid e Barcelona ainda dominem absolutamente o cenário espanhol, a La Liga implementou mudanças com a finalidade de tornar o campeonato mais atraente, até porque há uma competição por um mercado global.
Entenderam que a força de Real e Barça não necessariamente representará a força do futebol espanhol.
Por essas bandas, não se interessam pelos "stakeholders" do negócio futebol.

Deixo o endereço de uma análise do Erich Betting, sobre o que ocorreu na Espanha.

https://maquinadoesporte.uol.com.br/artigo/analise-laliga-e-melhor-exemplo-para-o-brasil_37859.html

Vale também a leitura, do mesmo Erich Betting, sobre a La Liga ter focado no desenvolvimento do Campeonato Espanhol, como produto, para bater a NBA, Netflix e Premier League.

https://maquinadoesporte.uol.com.br/artigo/laliga-foca-em-produto-para-bater-netflix-nba-e-premier-league_37858.html

SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Sim, Marcio. Perfeito. Darei uma olhada nesse link sim.
Abs e SA!!!

PAULO FERNANDO disse...

Você tocou em um ponto importante Rodrigo, nem Cícero nem Bochecha, Jean. Não dá para entender 2 coisas nesse time - na verdade não dá para entender 500 coisas, mas vamos ficar nesse foco: porque um time que ataca com 3 é tão ruim em resultados (e foi assim o campeonato todo)? Porque um time que perde todos os jogos fora de casa mantém esse estúpido esquema 4x3x3 diante da baixa qualidade individual? Se é tão ruim na defesa e tão fraco no ataque porque não cloca o Jean para fechar melhor a cabeça da área e adianta o Cicero jogando em um 4x5x1 com o Diego mais avançado e o Rhuan no contra ataque?!? Posso estar errado, mas não dá para mudar mais ainda do que esse péssimo Velentim tem feito? Não imagino pensar que ele vai escalar o Carli e tirar o Marcelo!!! Aí é excesso de burrice!

Rodrigo Federman disse...

Sim, Paulo. O que precisamos, é de um maluco que corra, marque e brigue ali na entrada da área. Não dá para esperar isso dos lesados Cícero ou Bochecha.
Abs e SA!!!