domingo, 22 de novembro de 2020

Caímos e ponto final

















Botafogo 1 x 2 Fortaleza.

Mais uma derrota dentro de casa e penúltima colocação cada vez mais consolidada no campeonato brasileiro.

Já entramos naquela fase de precisar de mais do que duas rodadas para buscarmos a saída da Z4. E para piorar, os próximos jogos são contra os quatro melhores times da competição, sendo três fora de casa e apenas o clássico com o Flamengo no Niltão.

Série B é mais do que realidade.

É fato consumado.

Sobre o jogo de hoje, não vi. E assim continuarei até 2021. 

Algum amigo quer comentar?


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

31 comentários:

JorgeFS disse...

Como ver um jogo de um time que entra em campo para perder?
Só pra quem é masoquista, esse grupo está orientado para isto

Unknown disse...

Time de bosta. Não tem técnico que dê jeito. Só jogador mulambo. Nem time pequeno tem tantos jogadores ruins. A meta agora é ser ultrapassado pelo Goiás e acabar na lanterna.O último que sair apague a luz.

Sergio Di Sabbato disse...

Caímos, e hoje acabou o ano do Botafogo para mim. Mas não só o ano, acabou o Botafogo. Esse é provavelmente um dos piores elencos que o Botafogo montou em toda a sua história. Não só ruim, sem vibração, sem ânimo, sem nada, a cara dos que dirigem o clube representado pelo presidente. Triste fim do Botafogo.
Pode contratar a comissão técnica mais vencedora do planeta que com esse elenco nunca conseguirá nada. Desisto. Abs e SB!

Anônimo disse...

Dica de filme: Trip to Bountiful, com Geraldine Page. Uma pequena obra prima.
Levi

Rodrigo Federman disse...

Jorge, por isso não mais assisto.

É isso, Unknown.

Infelizmente é isso mesmo, Sergio: O Botafogo acabou.

Bem melhor, Levi. Rs

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Um dia de sol aqui em Poa.
Amanhã, parece que vai esfriar.
Teve jogo hoje?
Paulo de POA

Rodrigo Federman disse...

Paulo, eu só mantenho o CB por vocês, pois a vontade é parar até por aqui também.
Abs e SA!!!

Amaro disse...

Quando vi que o primeiro tempo acabou sem gols, quis assistir o segundo. Resultado? Mais uma derrota pra conta, mas nada que me surpreenda, pois já era esperada. E eu digo mais, eu não assisto mais jogo desse time neste campeonato. Nunca pensei que falaria isso, mas é o melhor pra mim.

Adelson disse...

A gestão do Botafogo em 2016/2017 parecia promissora... mas os imbecis começaram a agir como moleques e desmiolados, perdendo jogadores de graça e desmontando o time nas fases decisivas da Copa do Brasil e Libertadores... depois dali entramos num buraco sem fim. O Botafogo de grande só tem sua história, nada mais, pois seu patrimônio está mais negativo que a temperatura do inverno na Sibéria.

James disse...

Talvez tenha que colocar os times sub20 e sub17 pra jogar, porque esse daí além da ruindade natural, já não tem mais animo pra nada.

Rodrigo Federman disse...

Amaro, faz bem. É o que tenho feito.

Sim, Adelson.

James, ao menos para cair com dignidade.

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

O Fortaleza não tem nada de mais como time, mas tem um conjunto razoavelmente organizado, fruto do trabalho de Ceni, e jogadores motivados que sabem o que estão fazendo em campo. Com a saída de Ceni, foi buscar o Chamusca, com currículo em que consta bons trabalhos em equipes medianas. Chamusca era o técnico do Cuiabá, que desclassificou o Botafogo da Copa do Brasil, e não precisa dizer mais nada. A história recente de técnicos do Botafogo é de aprendizes, com exceção de Autuori, em fim de carreira e que dava a entender que estava fazendo um favor em treinar o time. Enfim, contrata um técnico de verdade, que adoece antes de assumir, e deixa o time na mão de seu filho, mais um aprendiz. Como um clube desse pode ser levado a sério?

Hoje o time só mostrou ânimo quando o parasita Honda, o dos passinhos para o lado e pra trás, foi sacado. Ele e outros são incapazes de fazer uma jogada de infiltração, ousada. Chutes da meia-lua são raríssimos. Num deles, saiu o gol do Botafogo. O time tem dois centroavantes altos, mas não tem jogadas pra aproveitar esses potencial. Os cruzamentos para a área são tortos, dados de qualquer jeito, pra se livrar da bola. Com o placar adverso, tentou partir pra cima de qualquer jeito, abrindo a retaguarda. Levou o segundo gol e sucumbiu.

Miguel

Marcio disse...

Assisti ao jogo, mas não vou gastar tinta à toa para dizer o que já sabemos há muito tempo.
Esse time não pode nem ser chamado de pelada, pois será um desrespeito a todos que jogam as conhecidas peladas, já que são infinitamente mais organizados e dispostos do que esse botafogo, com minúsculas mesmo, dos "donos" do clube.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Miguel, no Fortaleza os dirigentes contratam reforços dentro da realidade deles. Aqui, apenas roubam para benefício próprio. E fodasse o Botafogo.
Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, esse time é um dos mais fracassados da nossa história. Um arremedo.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

RODRIGO, hoje joguei a toalha, também acho que cairemos e se bobear seremos os últimos.
O grupo é fraco, mas depois de duas semanas treinando essa Comissão Argentina, made em Paraguai, está ajudando. É inadmissível que escalem sempre os mesmos e façam substituições absurdas. Será proibido utilizar os garotos do Sub 20?
Alguns comentários que fazemos aqui e os TDM ainda não enxergaram ou o contrato assinado não permite ver o óbvio:
1.HONDA é o titular e o BN reserva, juntos não dá.
2.MB e PR são horríveis fora da área e só podem jogar com laterais que saibam cruzar, o que não temos. Entretanto, estão sempre entre os titulares.
3.Escalar de início o velocíssimo ataque com MB,KALOU e BN é não querer fazer gol.
4.Por que não tentar o esquema 4x4x2,com o HONDA mais a frente e KALOU e um jogador mais rápido de atacantes?
5.Substituir o CA e o HONDA, deixando em campo o BN até o final é inadmissível.
A partir de agora pretendo não assistir mais as partidas, pois não entendo os motivos que impedem usarem os laterais do Sub 20 e até os atacantes que têm jogado bem.
O pior é ver o MARCINHO entrar e conseguir ser pior defensivamente do que o KEVIN.
Desculpe o desabafo, sabemos que errar é humano, faz parte, mas persistir no erro é burrice, cegueira ou os hermanos também são P MANDADOS.JOTA.

Rodrigo Federman disse...

Jota, concordo total com o amigo. Apenas com uma diferença: Eu joguei a toalha há 4 rodadas. Hoje foi apenas a confirmação.
Abs e SA!!!

Sergio disse...

Desde o início do ano estava desenhado o fracasso: mantiveram um técnico só porque o time não caiu, contrataram um técnico que não queria mais treinar, se desfizeram dos jogadores razoáveis e contrataram um monte de perebas e alguns inexperientes em detrimento aos da base. Quando o filósofo foi embora demoraram a encontrar um substituto, e este quando chega sai por motivos de saúde, aí amigo, desse jeito não dá.
Pelo desempenho no Carioca com o filósofo já dava para ver que esse time não iria muito longe, mas não satisfeitos conseguiram piorar o que já era ruim colocando 2 treinadores sem experiência em 4 jogos. Como dar certo.
Até hoje o time não tem padrão de jogo e essa insistência nesse pseudo 4 3 3 com esse elenco não vai dar certo nunca.
Eu de minha parte desisti. Hoje a segunda divisão foi sacramentada e acho que isso foi a pá de cal no Botafogo. Não vejo como o clube pode se recuperar com os mesmos que destroçaram o clube. Enfim, pelo menos parando de acompanhar esses perebas terei menos dissabor. Cansei, desisto. Abs e SB!

Rodrigo Federman disse...

Sergio, compartilho dos mesmos sentimentos e impressões. É um triste fim do Botafogo.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Fala Rodrigo e amigos! Não há nada a se falar do jogo. Time muito fraco e sem vontade nenhuma. O que mais me incomoda é a falta de vontade do grupo. Pra todos eles, está bom perder o 2 jogo em casa. Nada tira os caras do sério. Estamos entregues.

Se não houver mudança de postura nada acontecerá. Matematicamente é possível sair, mas não creio que tenhamos força pra tal coisa. Ninguém está inconformado com a situação. Sobre o jogo, o que fazem Victor Luís, kalou e principalmente o Honda?! Os caras se escondem no jogo.

Triste sina essa nossa. Série b é uma realidade muito forte!

SA...André

Anônimo disse...

Botafogo, não está caindo hoje; já caiu a algum tempo e nós torcedores com nossos corações apaixonados, não enxergavam.
Carlos Eduardo Pereira, com o veterano Antonio Lopes no comando do futebol, faziam um trabalho aceitável, chegando até a libertadores.
Começou a recaída, em um acordo Carlos Eduardo Pereira e Mufarrej para inverter a chapa e os sócios apesar de outras opções, não perceberam a manobra sinistra,que culminou com a falência moral no clube,com esse banana na presidência.
Anderson Barros de novo de volta e Lopes fora, com vários contratados, amarrados no contrato via Cicero e Companhia e sem explicação, em tais investimentos duvidosos.
Aos troncos e barrancos, os caras ainda entregaram o clube na primeira divisão, graças a uma liderança de Joel Carli um argentino,raçudo que honrava nossa camisa.
Vem uma pergunta, como você vai para um campeonato brasileiro, uma guerra e manda o general Joel Carli experiente e raçudo embora, inexplicavelmente, porque o rapaz reclamava sempre de dividas atrasadas.
Hoje, pode acreditar, o elenco atual tem quase 50 jogadores é coisa para o presidente do clube responder a torcida, mais o cara é calado e está destruindo o clube.
Trazer José Welison para quê,qual a difrença desse cara, para o Cicero,Barraram Foster porque o mesmo falou a um torcedor que o time não está com salário em dia.
Mandaram Danilo Barcelo embora para ficar com Vitor Luis.
Liberaram Luis Fernando, titular absoluto do grande time do Grêmio e do Luis Henrique atrás de algumas migalhas.
Perdemos João Paulo e mandaram Joel Carli embora, nossas principais referências da equipe e a suspeita contusão do Gatito Fernandez, que chutou até o Var, revoltado.
Hoje não comento mais, terminou os caras se abraçando e batendo papinho no meio campo,amanhã estará em outra equipe e a vida segue; porque não tenho mais saco para isso.
Todo time uma grande porcaria, com jogadores covarde e diretoria omissa.
Ataque do Grêmio Luis Fernando e Diego Souza todos dois ex-Botafogo creditem quantas vezes nós pedimos a saída desses dois.

Marcos

keven disse...

Fala Rodrigo e galera alvinegra!
Não faço ideia de como foi o jogo, mas é isso ai estamos na série B. Vão ser quatro derrotas nós próximos 4 jogos.
Espero que tenham a decência de fechar as portas do clube, porque se cairmos para a série B a gente não sobe de volta
Abs e SA!

Anônimo disse...

Comentário de um torcedor revoltado.

"O MARCELO BENEVENUTO NÃO DEVE JOGAR MAIS, ELE ENTREGOU EM TODOS OS JOGOS, NO PRIMEIRO GOL ELE FALHOU BIZONHAMENTE DE NOVO, O CARA E FRACO DA CABEÇA, KEVIN ADEUS! VITOR LUIZ E UM VELHO DOENTE E O HONDA DEVE IR PARA O BANCO, TIME RUIM TEM QUE TER DOIS VOLANTES MARCADORES, COLOCA O RENTEIRIA E FECHA NO MEIO".

Mamá

Anônimo disse...

Diga uma novidade por favor nas atuações da equipe.

MARCELO BENEVENUTO: 3,5
Em mais um jogo falhou de forma decisiva. Abriu espaços generosos nos dois gols e perdeu duas boas chances no ataque

KANU: 5,5
Melhor da zaga, mas uma andorinha só não faz verão

Marcos

Anônimo disse...

KEVIN: 3,0
Abusou dos erros nos cruzamentos e jogadas ofensivas

MARCELO BENEVENUTO: 3,5
Em mais um jogo falhou de forma decisiva. Abriu espaços generosos nos dois gols e perdeu duas boas chances no ataque

KANU: 5,5
Melhor da zaga, mas uma andorinha só não faz verão

VICTOR LUIS: 4,0
Mais uma atuação ruim. Foi regular na defesa e pouco útil no ataque. Um chute perigoso só

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
JOSÉ WELISON: 5,0
Muita luta, vontade e disposição. Ao menos marcou. Com a bola pouco fez

CAIO ALEXANDRE: 4,5
Atuação apática e sem brilho. Em seu melhor lance, quase fez um gol girando

HONDA: 4,0
Ficou devendo, com jogo burocrático e muitos passes laterais. Uma cobrança de falta e um chute perigoso só

KALOU: 5,5
Enquanto teve pernas, no primeiro tempo, foi o único a arriscar jogadas, forçar ataques e buscar o gol. Cansou no segundo tempo e sumiu

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
BRUNO NAZÁRIO: 3,5
Não justifica a titularidade há tempos. Não cria jogadas, não dá sequência e não produz

MATHEUS BABI: 4,0
Muita briga, pouca efetividade. Nada fez de positivo no ataque

MARCINHO: 4,5
Foi melhor que Kevin no ataque, levando perigo em cruzamentos, mas ofereceu espaços generosos na defesa. Está sem ritmo

PEDRO RAUL: 5,0
Muita luta e jogo de pivô, mas está devendo gol

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
ÉBER BESSA: 5,5
Entrou chamando o jogo, querendo a bola e tentando jogadas ofensivas. Pode ser mais útil

WARLEY: 6,0
Outro que entrou com disposição e querendo, fez o gol do Botafogo

EMILIANO DÍAZ: 5,0
Novamente o Botafogo foi um time pouco incisivo e morno no primeiro tempo, cansou e deu espaços no segundo tempo. Não se justifica a insistência com Bruno Nazário. Quando tentou ser mais ofensivo, abriu a equipe e perdeu o jogo.

já que Rodrigo não assistiu o jogo estou colocando as atuações de outro blog.

Mamá

Jacob disse...

Essa derrota sela de forma categórica a série B em 21. Apenas um desabafo: 66 anos de vida. Vi ao vivo diversos Botafogo. Do melhor ao pior passando por uma entressafra. Vi ídolos e ,uivos pernas de pau. Faz parte da minha vida e da minha história. Eu escolhi ser Botafogo desde criança e vou permanecer até minha morte, ou, a morte de quem vier primeiro, a minha ou a do Botafogo. É amor e paixão. Sou sócio torcedor desde 2002 (Botafogo no coração) e continuarei.
Tudo na vida passa. Tem sido uma caminhada rica essa ao lado do Botafogo e, em nenhum.momento me arrependi da escolha, pois, foi do coração. Assisti jogos ao vivo (pouco, é verdade) ainda quando existia General Severiano e lembro ainda pequeno ter visto os 2 maiores ídolos da história gloriosa: Garrincha e Nilton Santos. Tá marcado na me,iria que, espero, o Alzheimer não me apague da lembrança.
Não se abandona quem se ama.
Pelo resto desse ano se 2020 não mais assistirei aos jogos e evitarei até mesmo acompanhar resultados de jogos de futebol. Assumo minha fraqueza. É muito forte num ano tão triste pro mundo inteiro acumular mais essa do Botafogo no mesmo ano e período.
Aceito com tristeza e resignação assistir o sofrimento de quem amo.
Não me envergonho de ontem, hoje e amanhã continuar a usar a camisa da Estrela Solitária com orgulho, seja onde for.
Esse ano fecho aqui o futebol mas sem deixar de estar ao lado do BOTAFOGO na 1°, 2°, 3° ou até quando for. Até fechar a página do livro da história da minha vida.

Jacob

Rodrigo Federman disse...

André, não acredito mais em mudança de postura desse bando.

Marcos, desculpe, mas não sinto falta de Lopes, CEP e Luiz Fernando. Desculpe, mas isso é demais para mim.

Keven, o Botafogo só continuará existindo em nossas memórias. O clube acabou.

Mamá, não sei que blog é esse, mas prefiro as opiniões de vocês mesmo. Rs

Pai, eu já cansei. Tava me fazendo mal assistir. Cansei em definitivo.

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Alguém aí falou do Luiz Fernando, que no Botafogo não jogou nada.
O problema não é o Luiz Fernando. O problema verdadeiro é o Botafogo.
Qualquer um que chegar irá nos matar de raiva e, quando sair, não sentiremos saudades dele. Se Firmino, Salah e Mané compuseram o ataque do Botafogo, não produzirão nada, sairão e não sentiremos falta dos três. Não estou comparando os referidos com o Luiz Fernando, mas sim afirmando que o Botafogo envenena qualquer um que veste a camisa alvinegra. Dizem que Kalou é ex-jogador. Duvido que se o mesmo Kalou atuar no Grêmio, por exemplo, não retoma o futebol que fez dele o...Kalou.
Seedorf não vale como exemplo, pois tudo o que fez foi ganhar um estadualzinho integrando um time um pouco melhor que o de hoje.
Tiago Galhardo é artilheiro do campeonato. Se por aqui estivesse, apagado e apático estaria.
Quem hoje finge que atua pelo Botafogo sabe que o clube é aquele cujo diretor participa de reunião telepresencial deitado na cama... É o clube que exalta o maior podólogo do Brasil.
Os jogadores sabem que estão ali somente de passagem. Ano que vem, com o clube na série B e falido, e morto, eles, jogadores, estarão num Grêmio ou Atletico-PR da vida, nos quais as chances de ganhar pelo menos uma Copa do Brasil são reais, mas não nesse clubinho menor em que se tornou o Botafogo.
Coloquem o Honda no Palmeiras, onde os compromissos são cobrados e o time Esmeraldino ganha uma Sul-americana, no mínimo.
O Botafogo é o clube gerido pelo Mufarrej e lacaios que o acompanham, incluindo o diretor que participa de reunião na cama e o melhor podólogo do Brasil.
Levi

Rodrigo Federman disse...

Levi, sim...e outra: Falam do LF esquecendo do pouco que ele jogou em quase 3 anos no clube. O botafoguense (muitos deles) tem pouco amor próprio e se conformou com a mediocridade. Isso me assusta ainda mais.
Abs e SA!!!

Eduardo Samico disse...

Pungente o depoimento do Jacob. Como estou a menos de 2 meses de completar 61 anos, identifico-me muito com esse sentimento, também expressado pelo Sérgio. Não me lembro de ter visto Garrincha e Nilton Santos, mas iniciei-me no finado Maracanã com as conquistas do timaço de 67/68. É uma vida...

Sobre o jogo... o Botafogo pratica o coitus interruptus no futebol. Toca a bola, roda, gira, chega ao ataque e... retorna a bola para os zagueiros, para começar tudo de novo ! Desisti, sem me estressar, ainda no 1º tempo. Era claro e evidente que, jogando aquela bolinha e com aquele (ausente) ímpeto, nem em 1 semana sairia um gol.

Tivesse comando, algum comando, qualquer comando, com VERGONHA NA CARA, entraria chutando as portas do vestiário, berraria com aqueles vagabundos descompromissados. Mas, claro, se comando houvesse o clube não estaria nessa situação: largado, endividado, fracassado, caindo aos pedaços...

Sobre o LF, mas não só sobre ele, o Levi disse acima algo que recorrentemente tratamos aqui: esse Botafogo sem gestão algum é um solo árido para o bom desempenho de jogadores que precisam de cobrança para render algo. (assim como se derem o orçamento do Paris St.Germain, os caras vão torrar o dinheiro, endividarão o clube e conquistarão 2 ou 3 carioquinhas em dias anos, sem nada deixar para o futuro). Olhem o LH espantado com a intensidade dos treinamentos na França. Olhem o Diego Souza, balofo por aqui, bem mais magro no Sul. Por outro lado, o fato de o LF estar longe de ser alguma sumidade não invalida a péssima transação que fizeram com o Grêmio. O cara é bem fraco, mas, na atual conjuntura, seria titular. Mas que fique bem claro, novamente, trata-se de jogador mediano, nada além disso.

Enfim, tudo na vida passa, os maiores impérios passaram, instituições têm sua vida encerrada... É muito triste ver o Botafogo de FR agonizante, moribundo, tornando-se um América, um Bangu, uma Portuguesa de Desportos.

Sei lá. Fico ainda mais triste pelas novas gerações, como a de minha filha de 17 anos, que vai acabar deixando o Botafogo de lado e acompanhando um Barcelona da vida. Até trocá-lo pelo Liverpool ou pelo Bayern de Munique.

Por outro lado, talvez seja isto mesmo, melhor acostumarmo-nos a ver o futebol sem o olhar insano da paixão.
Abs

Rodrigo Federman disse...

Exato, Eduardo. É por eles (nossos filhos) que fico triste com o futuro do Botafogo, pois para mim, sofro, mas já liguei o fodasse e estou aprendendo a não mais passar mal. Chega, basta! Relacionamento que atualmente não é saudável.
Abs e SA!!!