quarta-feira, 19 de dezembro de 2018

Buscar receitas

















Figurinha conhecida de General Severiano, o Ricardo Rotenberg foi anunciado como novo vice-presidente comercial do Botafogo.

E chegou falando sobre patrocínios:

"- O contrato (com a CEF) vai até 28 de fevereiro. A Caixa Econômica Federal está muito satisfeita com o retorno dado pelo Botafogo e nós também. Não sabemos como o novo Governo Federal vai proceder e estamos tentando ver um patrocínio na área privada, que eventualmente possa complementar a Caixa ou até substituí-la".

"- Espero que não tenha espaço no uniforme do Botafogo para patrocínio pontual em 2019. Patrocínio pontual não é o ideal. Queremos parceiros permanentes que possam remunerar melhor o Botafogo".

"- Tem o naming rights do Estádio Nilton Santos que pode ser um grande outdoor de grande visibilidade na Linha Amarela com 600 mil carros aproximadamente por dia. Existem outros pontos de associação de imagem que podemos explorar. Vamos buscar esses tipos de parcerias, que possam trazer dinheiro para fortalecer o futebol do Botafogo".

Perfeito. Em teoria, perfeito.

Agora, vamos aguardar a prática. Se acontecer 50% de tudo isso que o Rotenberg falou, já estará ótimo. Até porque, o comercial só trouxe parcerias pequenas e/ou sem qualquer retorno financeiro prático. É muito "oba-oba" e pouco retorno.

Passou da hora de mudar.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

27 comentários:

Nelson Luiz Renna Jr disse...

Acho no mínimo estranho comparar os naming rigths com um outdoor na linha amarela. É claro que a exposição da marca seria muito maior na mídia com audiência no Brasil inteiro conseguida através de shows e eventos esportivos (é para isso que o estádio existe, não?). Todo mundo sabe que é possível anunciar em outdoors na linha amarela a um preço que não é nem próximo do valor que nós imaginamos receber pelo nome do Niltão. Fico pensando se esses caras não vão vender os direitos pelo preço de plaquinha de beira de estrada e ainda se vangloriar de ter conseguido "novas receitas"...

Rodrigo Federman disse...

Nelson, eu só espero que eles negociem como o Botafogo merece. Ou seja, pensando grande. Chega desses patrocínios e parcerias que nada trazem de retorno financeiro efetivo.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Ricardo
Pois é. Os patrocinadores querem times que almejam títulos que não é o caso do Botafogo.Eles querem visibilidade de suas marcas.Ou seja, não vejo nada de diferente na parte comercial e marketing para 2019.

Anônimo disse...

RODRIGO,só para cumprimentar o amigo hoje,rsrsrsr.
O "ROLANDO LERO" é do mesmo time da maioria dos políticos brasileiros.
Captou a minha MSG meu dileto amigo ?
SA,JOTA.

Rodrigo Federman disse...

Tem isso, Ricardo.

Com certeza captei, Jota! rs

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Espero que, caso arrumem um contrato de patrocínio, não anunciem 50 milhões e depois expliquem que é de 3 milhões/século...
E "naming rights que pode ser um grande outdoor"... Sei não!
SA!!!

Anônimo disse...

Ricardo
Mudando um pouco de assunto, vale a pena ver a matéria sobre o Alan Santos no Fogaonet

Rodrigo Federman disse...

Marcio, Padilha´s feelings!

Ricardo, post de amanhã!

Abs e SA!!!

Adelson disse...

A Caixa deve cortar o patrocínio. O recado já foi dado a todos os clubes. Entenda quem quiser. E está certo. A Caixa não pode torrar bilhões anuais em marketing, enquanto toma os imóveis de quem atrasa mais de 3 prestações. É inconsistente para um banco público.
E digo mais: Ele está blefando! Ninguém vai querer gastar muito para patrocinar um time que apenas vai lutar para não cair. É o mesmo de sempre.

Rodrigo Federman disse...

Adelson, sou favorável ao fim desses patrocínios para todos os clubes mesmo!
Abs e SA!!!

Marcio disse...

A última "noticia" dá conta de que nessa ida do Caio Alexandre para o Corinthians, haverá por parte dos paulistas o perdão de uma dívida do BOTAFOGO no valor de 1 milhão de reais; divida esta referente aos salários do Jean e do Moisés em 2018.
Se demorar mais um pouco a negociação, periga o Caio Alexandre ir para o Corinthians e Jean e Moisés tomarem um outro rumo...
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, serei repetitivo: E viva o amadorismo. E culpa é de vocês, cornetas.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

O Palmeiras pagará 1,5 milhões de euros à vista e o restante em parcelas em 2019.

https://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2018/12/17/matheus-fernandes-trocara-botafogo-pelo-palmeiras-nesta-quarta-feira.htm

SA!!

Rodrigo Federman disse...

Possa crer, Marcio.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Rodrigo, essa gestão é muito ruim; não apresentou nada de novo.
Pelo menos somos campeões no remo...
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Concordo contigo, Marcio.
Abs e SA!!!

Eduardo Samico disse...

Rodrigo, daqui a pouco expira a cessão do Nilton Santos ao Botafogo e nós a falar em "naming rights". Isto vem desde a desastrosa, e incensada, gestão moderno-praiana.

Nosso marketing é bom em promover feijões nos fogões. Apesar de nunca ter ido a nenhuma dessas feijoadas. Logo, não sei se o cozinheiro é bom mesmo.

Márcio, também fomos campeões no vôlei masculino juvenil. Nosso polo aquático vem bombando. Acho que dominamos também a natação master na cidade do Rio de Janeiro.

Deixo claro que fico feliz em saber que o Botafogo vem se saindo bem em alguns outros esportes. Lembro-me, com 9 ou 10 anos (há muiiiito tempo portanto) de ir assistir com meus pais Troféu Brasil de natação. E jogos de vôlei e polo aquático. E também me recordo do orgulho do meu pai com o time de vôlei em que jogavam Bebeto, Nuzman, Suíço, entre outros, que ganhou, sei lá, mais de 10 campeonatos seguidos.

Só que o carro-chefe é, e tem que ser, o futebol. Farinha pouca, o pirão do futebol primeiro.

E agradeço-lhe, Márcio, pela informação precisa na postagem anterior. Impressiona constatar que só tivemos saldo de gols positivo na Sul-Americana. E ter sofrido o mesmo número de gols marcados no Carioquinha é deplorável.

Abs.

Sergio disse...

Li um comentário de quem acompanha a base dizendo que essa "jóia" do Caio vive de um gol que fez na copinha num chute de longe, e que não joga nem a metade do que joga o MF. Esse sim foi um erro da diretoria em não aproveita-lo, mas dessa diretoria pode se esperar qualquer coisa, menos inteligência.
Sobre o Rotemberg, papo pra boi dormir, que o diga o Escalada. ABS e SB!

Rodrigo Federman disse...

Pois é, Eduardo. Sem esquecer das parcerias que nada agregam. Nisso, somos mestres.

Sérgio, eu realmente não conheço o tal Caio.

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Ricardo
E teremos o dinheiro do Mateus e do Bras 2018 penhorados por causa dos medíocres Oswaldora de Oliveira e do craque André Bahia.

Isso prova que os dirigentes levam vantagem nessas indenizações.


Rodrigo Federman disse...

Sim, Ricardo.
Abs e SA!!!

VinnyMarques disse...

De novo o Roscamole? O Botafogo é realmente a dança da cadeira dos FDPs... São sempre os mesmos. E nada muda pra melhor. Só f... o clube em revezamento.

Neto disse...

O que acham do rafael sobis e copete no mercado ?
O Botafogo não tem nenhum no ataque melhor do que os dois ...
Com certeza iria buscar um dos dois !
Nesse elenco de merdas, ser apenas ruim já é um diferencial ....

Marcio disse...

Isso mesmo, Eduardo Samico, saldo zero no carioca é dose...

No BOTAFOGO os dirigentes amplificam o cenário desastroso na tentativa de fazer parecer que poucos resultados são magníficos; transformar mediocridade em excelência é o lema.

Sobre o Caio Alexandre, ainda, não custa lembrar o seguinte:
Em 07/11/2018, o Globoesporte publicou que o Corinthians já tinha interesse no jogador além disso, também falava que os paulistas não cobraram a multa para que o BOTAFOGO pudesse escalar o Jean, justamente para facilitar a negociação.
Escreveu o presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, em documento interno:

"Como estamos em negociação para a contratação de um atleta do clube carioca, aceitamos liberar o atleta Jean para disputar a partida em questão, sendo a multa contratual estabelecida em favor do Corinthians utilizada para facilitar a contratação por nós pretendida"

https://globoesporte.globo.com/futebol/times/botafogo/noticia/corinthians-negocia-com-botafogo-contratacao-do-volante-caio-alexandre.ghtml

Fora o fato de noticias mais recentes darem conta de que o Corinthians irá perdoar uma dívida referentes a salários do Jean e do Moisés no valor de 1 milhão de reais, como escrevi anteriormente.

Todo e qualquer jogador sai do BOTAFOGO com uma facilidade impressionante e sempre encontram alguma justificativa.
O Corinthians não está querendo o jogador por acaso, pois ele poderia, em tese, pedir qualquer outro em troca pelo Jean e Moisés.

SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Sempre os mesmos, Vinny. Por isso nunca saímos da merda.

Neto, não são nada demais, mas melhores do que os que temos, com certeza.

Marcio, a culpa nunca é da diretoria. Impressionante.

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Se por hipótese tivesse de escolher entre o Sóbis e o Copete, escolheria o Copete, pois o Sóbis me pareceu estar em em piores condições.
Todavia, segundo as especulações, parece que o Sóbis fechou com o Goiás.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, entre um e outro eu ainda iria no Sóbis.
Abs e SA!!!