quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019

Que venha o próximo!





E o Botafogo aprontou mais uma das suas! 

Hoje, para o bem de sua torcida. Foi até a Argentina para enfrentar o ajustadinho Defensa y Justicia e acabou saindo não apenas com a classificação para a próxima fase da Sul-Americana, mas também com um expressivo - e até certo ponto, surpreendente - 3 a 0.

Se considerarmos o que foi o primeiro tempo, eu diria que o resultado foi duplamente surpreendente, pois os 45 minutos iniciais deram sono. Mesmo sem tantos sustos, o GLORIOSO era amplamente dominado, não ficava com a bola nos pés e mal chegou no gol adversário.

Após a volta do intervalo, mesmo sem ter melhorado muita coisa, o pouco já fez alguma diferença. Tanto que a posse de bola do DyJ ficou menor e conseguimos trocar alguns passes a mais. Lógico, explorando a necessidade dos argentinos buscarem um gol. 

E quando tudo parecia que seria arrastado e sem nenhuma certeza até o final, um lindo lançamento do Jean encontrou o Erik para abrir o marcador. 

Minutos depois, a expulsão do Marcinho e a obrigatória saída do Kieza. Não por coincidência, o Botafogo ficou ainda melhor. Tanto que o Erik marcou o segundo gol e nos minutos finais, o Alex Santana pintou uma obra de arte, selando a vitória e classificação.

Vitória daquelas que a gente olha, analisa com calma e afirma categoricamente: A camisa pesou.

E queiram ou não, a camisa do Botafogo ainda pesa demais!

Agora é curtir a merecida classificação, focar no clássico contra o Vasco no final de semana e já se preparar para a Copa do Brasil na outra quarta-feira. 

Dias intensos!


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

Botafogo 3 x 0 Defensa y Justicia

1- Gatito: Seguro, fez duas grandes defesas - 6,5

2- Marcinho: Esteve mal na marcação e recebeu um amarelo burro - 2,5

3- Marcelo: Não sentiu a pressão e se portou com firmeza - 6,0

4- Gabriel: Vai conquistando a torcida. Um monstro - 6,5

5- Jean: Brigou bastante na marcação - 6,0

6- Jonathan: Outra boa partida, sem dar espaços - 6,0

7- Rodrigo Pimpão: A costumeira luta sem tanto brilho - 5,5

8- Alex Santana: Nem fez a sua melhor partida pelo clube, mas marcou um golaço - 6,0

9- Kieza: Ele e nada, sou mais o nada. É um inútil - 2,0

10- Luiz Fernando: Outro que não passa de poucos brilharecos. Fraquinho - 4,0

11- Erik: O único do ataque com capacidade de decidir e fazer algo diferente. Acabou sozinho com o jogo - 7,0

12- Helerson: Entrou para dar chutões - 5,0

13- Valencia: Toques laterais - 5,0

14- Gilson: Bastou entrar em campo e logo fez duas cagadas - 4,5

Zé Ricardo: Continua escalando mal e demorando demais para mexer. Passou 45 minutos inerte do lado de fora, mesmo vendo o time atuando errado - 4,0

28 comentários:

João disse...

Bom, já que o Botafogo gosta de aprontar nessas competições sulamericanas, ouso dizer que com um lateral direito e um atacante decentes, com o time melhor escalado, acho que dá pra sonhar.

Rodrigo Federman disse...

João, difícil nisso tudo é esperar o time bem escalado pelo ZR. O histórico dele nos outros clubes mostra que ele morre abraçado com suas manias, por mais evidente que fique o erro.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Noite estrelada.

Rodrigo, hoje vamos dormir tranquilos. Senão vejamos.

Vitória com a marca Botafogo.

Quando tudo parece perdido, o sobrenatural acontece.

O time cresce com a saída do Marcinho e do Possante Kieza.

O gol do Alex Santana, foi uma obra prima que os grandes gênios assinariam.

Partida pra entrar nos anais do clube.

Patinhas.

Tiago Almeida disse...

Rodrigo quem é Rodrigo lindoso na fila do pão kk,melhor negócio que essa diretoria fez.

Rodrigo Federman disse...

Patinhas, de fato, ficamos com 9 contra 11, já que com Kieza em campo, sempre começamos com 10. Vitória maiúscula! hehehe

Tiago, será que tem gente sentindo saudade daquela mala? rs

Abs e SA!!!

Eziel Junior disse...

Luis Fernando não acho um mau jogador. Pra mim é um jogador de segundo tempo pra dar trabalho aos zagueiros nos finais da partida jogando em alguma ponto. Luis Fernando centralizado está queimando o cara. Hoje daria pra colocar João Paulo ou valência organizando no meio. Com elenco que temos da pra montar um meio campo com mais qualidade. Outro problema está na lateral direita Marcinho fez uma temporada passada regular que cheguei me animar com ele... Mais esse inicio de ano putz tá muito mau nossa ruim demais. Talvez se colocar ele no banco melhore nada com um tempo pra refletir. E sobre kieza me recurso a comentar... Só ZR vê futebol nesse bosta.

Rodrigo Federman disse...

Eziel, o que me irrita no LF é a nítida falta de ambição que ele tem. Uma chance de ouro na carreira e joga com a mesma moleza que estivesse ainda no Atlético/GO. Vive de raros lampejos. Hoje, nem sei se seria titular do meu time. Provavelmente não.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Grande resultado!
Quanto ao jogo...
O BOTAFOGO mais uma vez inicia uma partida com L. Fernando no meio campo, Pimpão, Kieza e Erik no ataque, um absurdo, pois está mais do que claro que L. Fernando pouco cria e é sem disposição, Kieza é horroroso e o Pimpão depende do dia, embora se entregue muito ao jogo.
Soma-se à escalação ruim o fato do BOTAFOGO não ser bem treinado e por isso carecer de aproximação entre os setores, jogadas de triangulações e troca de passes, em resumo, não jogou.
Os argentinos ficaram com a bola o tempo todo e para a felicidade nossa, eles não conseguiram transformar o domino em eficácia e o zero não saiu do placar. Kieza ainda deixou de chegar em uma bola cruzada pelo Pimpão,
No segundo tempo, os argentinos, por causa da necessidade de fazer um gol, no mínimo, adiantou ainda mais as suas linhas e permaneceu com a posse; entretanto em uma bola longa aos 8 minutos, Erik ( o único com poder de decisão no ataque) saiu às costas do lateral direito, invadiu a área e fez o primeiro gol.
O gol praticamente definiu o confronto e os argentinos foram ainda mais para o ataque o que proporcionou ao BOTAFOGO ter uma penalidade favorável e ampliar o placar, novamente o Erik.
Ainda sobrou tempo para o A. Santana fazer um golaço.
Além dos defeitos citados acima, ainda temos o problema na lateral esquerda, o ponto nitidamente fraco no setor defensivo; quando o Gilson entrou no lugar do Jonatham tratou de permitir aos argentinos ataques naquele setor, tanto que o gol anulado do argentino, mais uma vez se posicionou mal em um cruzamento que veio do lado esquerdo do ataque adversário.

Fernández- Partida tranquila, como sempre;
Marcinho- Péssima partida, expulsão idiota, precisa ser sacado urgentemente;
Marcelo- Deu conta do recado;
Gabriel- Mais uma boa partida, inclusive no jogo aéreo que informarem ser o seu fraco;
Jonathan- Partida praticamente perfeita. Uma tranquilidade em campo.
Jean- Como de costume, muita marcação, peca quando precisa sair para jogar;
A. Santana- Ou tra partida em excelente nivel, ajuda na recomposição e se apresenta para jogar. Mereceu o belo gol;
L. Fernando- Sem disposição, ajuda muito pouco;
Pimpão- pouca técnica e disposição de sempre;
Kieza- Horroroso!
Erik- Decisivo!

Gilson- entrou em campo e "entregou" um gol, anulado, ao adversário;
L. Valencia- Sem tempo para mostrar muita coisa;
Helerson- Entrou e não comprometeu.

Zé Ricardo- Insiste em um esquema e escalação inapropriadas.
Precisa trabalhar, mudar o esquema e encontrar variações, Será?
O Marcinho precisa ser sacado... Como fazê-lo se não há um lateral reserva, Carli está machucado e isso impede que se improvise o Marcelo na função?
Quem permitiu o empréstimo do Fernando deveria ser colocado pra fora do CLUBE.

Para terminar, o resultado, apenas como resultado, foi espetacular e para ser comemorado; quanto à ideia de jogo, precisa melhorar, pois nem sempre terá como vencer, sem uma melhor organização em campo.
Ainda bem que o futebol não anda sempre com a lógica.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Perfeito, Marcio. Principalmente sobre a observação a respeito do treinador. Aliás, acabei de escrever e já deixar programado o post de amanhã sobre isso. Não dá para ficar insistindo nos erros e nada fazendo durante boa parte das partidas. As vitórias não podem mascarar alguns vacilos que continuam recorrentes.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Pelo menos hoje a Argentina viu a camisa e o time que é (ou pode ser) o Botafogo Gostei do jogo mas não gosto da maneira que o ZR monta o time, acho ele um treinador fraco, e pior que vi recentemente uma noticia que dizia que o mesmo ganha 250 mil... Mas que outros treinadores que estão na série A e que treinam melhor seus times. Mas o importante são as Vitórias apesar de tudo. Sobre o time, colocaria o Luiz Fernando no banco e iniciaria com o Léo Valência, tiraria o Kieza e colocaria o Pimpão na frente, pelo menos é melhor que o Kieza e com a disposição que ele tem iria pelo menos se jogar nas bolas na área e de aí tem mas chance de fazer gol que o Kieza que é menos um em campo, e tbm iria marcar melhor a saida de bola do adversário com sua disposição, já que nem pra isso o nosso craque de bola K9 sabe fazer.

Felipe

Lorismario disse...

Eureka. Descobrimos. O negócio é jogar com dez mas, da seguinte forma: expulsar o Marcinho- não sabe marcar e não vai aprender nunca-. Depois de expulsar o Marcinho, tirar o Kieza. OBS sobre o Marcinho: joga nitidamente fora de sua posição. Não desconfia o que é marcar. Marca sempre muito distante. A posição deste rapaz é no meio de campo. Loris

Eduardo Samico disse...

Foi lindo, não restam dúvidas. Meu muitíssimo obrigado ao Internacional-RS.
Erik decisivo. O adversário ainda tenta desequilibrá-lo. Alguém duvida que se fosse o Kileza este não iria preferir desabar e cavar o pênalti ?
Alex Santana ótimo, não só pelo golaço.
Jonathan, outra partidaça. Observei o mesmo, bastou o traste do Gilson entrar para haver falha na marcação e sair gol, por sorte, irregular.
Zaga firme.
Tivéssemos treinador, acreditaria na possibilidade de entrarmos em uma fase de crescimento.
Vitória maiúscula, pra levantar o moral.
Abs.

Rodrigo Federman disse...

Felipe, a maneira como o ZR monta o time também me incomoda.

Loris, no caso, depois que ele foi expulso, jogamos com 9. Eis a chave do sucesso. Hahaha

Eduardo, um treinador e mais uns 2 bons jogadores. Aí eu ficaria mais tranquilo.

Abs e SA!!!

Sergio disse...

Grande vitória, porém não dá pra continuar com LF, pelo menos armando o jogo, Kiezargh, um horror e o Marcinho. O lado esquerdo com o Jonathas vai bem, mas o Gilson é triste. Por que emprestaram o Fernando?
Time mal escalado e mal treinado, como ressaltou o Márcio, na há jogadas treinadas, e isso é grave. O Pimpão respeito pela entrega, mas não pode ser titular. Meio meio seria: Jean, AS, JP e LV. Ha de se arrumar urgentemente um atacante ora jogar com o Erik e dois laterais descentes: um para a direita e um reserva para o Jonathan. Não poderia deixar de falar do gol do Alex Santana:Obra prima. Valeu Fogão. ABS e SB!

Rodrigo Federman disse...

Fecho total contigo, Sergio.
Abs e SA!!!

Unknown disse...

Pra mim, a vitória foi obra da conjunção das estrelas. O técnico, como sempre, escala mal o time. Kieza é um a menos. Acho que não há um trabalho comportamental para os atletas, pois facilmente entram na pilha dos adversários. O time recebeu vários cartões amarelos e a expulsão de Marcinho retrata bem o que digo. Faz muita falta um organizador de jogadas no meio de campo. Mas, enfim, ganhamos e por um placar maiúsculo, na casa do adversário. É hora de comemorar.

Miguel - Belém/PA

Rodrigo Federman disse...

Sim, Miguel. É inegável que ontem a sorte também sorriu bastante para o Botafogo.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Só para complementar o comentário do Lorismario sobre o Marcinho, lembro mais uma vez que ele foi colocado como lateral na metade do ano de 2015...
A questão agora é que a mudança de posição não fez o BOTAFOGO ganhar um lateral eficiente e pode ter feito perder um meia atacante aceitável.
Lembro que na última temporada, embora apresentasse as deficiências na marcação (apresentou apenas um sinal bem fraco de que melhoraria), ele tinha algumas boas chegadas à frente; hoje continua marcando mal e piorou a sua chegada ao ataque.
O Cafu, que reputo como um lateral de excelente preparo físico e tecnicamente limitado, saiu do ataque, jogava com a 11, para jogar de lateral; só que o Telê Santana trabalho muito junto com ele para ensiná-lo a ser minimamente competente na posição.
Será que esses treinadores tem a capacidade de observar e trabalhar os aspectos necessários de cada jogador em sua respectiva posição?
No mundo atualmente existe dois jogadores espetaculares. Messi e CR7; são geniais, porém de características distintas...
Um outro caso é o do L. Fernando. Preguiça à parte, quais características ele apresentou para ser escalado no meio campo?
Tem culpa dos jogadores na apresentação de um jogo ruim? Claro que tem! Mas tem muita papagaiada desses técnicos com a máscara do tal futebol moderno.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, e nunca foi trabalhado para isso. Logo, jogado para quebrar galho e por lá ficou. Nunca estudaram a melhor forma de aproveitar o seu talento na melhor posição que pode render.
Abs e SA!!!

Assimos disse...

Salve salve, amigos do CB!

Eu só queria entender o seguinte:

1) Por que o João Paulo não jogou?

2) Qual é a dívida do ZR com o Kieza?


Abraços e SA!

Rodrigo Federman disse...

Assimos, as suas dúvidas também são as minhas. ehhehe
Abs e SA!!!

Assimos disse...

Rodrigo, a sorte dele é que o time ganhou.

Abraços e SA!

Rodrigo Federman disse...

Verdade, Assimos.
Abs e SA!!!

Daniel Cananea disse...

A camisa do Botafogo enverga varal.

Fatos disse...

Segundo tempo fez o que era pra ter feito no primeiro: contra-atacar.
Logo aos 7 minutos Jean deu ótimo passe, Erik veloz como sempre e sem afobação, ajeitou o corpo e guardou. Eles tinham q fazer 3 mas tinham tempo, e a pressão no primeiro tempo tinha sido muito grande. De repente, gol deles. Foi a única hora que me preocupei mesmo, mas estava impedido e foi corretamente anulado. Um erro do bandeira ali e o jogo ficaria tenso pra nós.
Nem a expulsão do Marcinho me preocupou, sabia que entraria um zagueiro e o Marcelo faria tranquilamente a lateral, e assim foi (apesar q ZR demorou a mudar).
Quando fez o segundo, aí já era. Ainda estava na metade do segundo mas era nítido na cara dos hermanos que não dava mais. Aí, a cereja do bolo, aquele golaço.
O time apresentou os mesmos problemas de sempre, setor de meio pouco criativo e de ataque pouco efetivo. Kieza era só se jogar na bola e teria aberto o placar na única chance que criamos no primeiro tempo, mas nem isso consegue. Mas o time mostra evolução, lenta é verdade, mas alguns jogadores vão se firmando.

Rodrigo Federman disse...

Bastante, Daniel.

Sim, Fatos. Passamos os primeiros 45 minutos de maneira muito covarde.

Abs e SA!!!

PAULO FERNANDO disse...

Partida espetacular. Sofremos muito no primeiro tempo, mas que segundo tempo! O Marcinho não vinha comprometendo até sua expulsão e não foi esse um dos motivos da vitória, mas o Kieza é sim 1 a menos.
Outra questão é porque deixar o João Paulo no banco e o L. Fernando titular? Só uma explicação: a intensidade física do jogo e a maior velicidade do LF.
E quando o Cicero estiver disponível, como o ZR vai montar esse time com o Cicero?
Discordo dos que dizem sobre o time estar mal treinado! Resistir a pressão de ontem e matar o jogo como fez não é possível sem que esteja bem treinado. 4 vitórias seguidas mostram isso. Finalmente eu acho o Alex Santana um excelente reforço não por causa da obra prima de ontem, mas pelo conjunto da obra até agora. Ótimo em roubada de bolas, na geração de contra ataques, seguro, boa imposição física e o melhor é que faz o que nenhum outro jogador nos últimos times faziam, arrisca bastantes chutes a gol. Parabéns jogadores!!!

Rodrigo Federman disse...

Paulo, eu respeito, mas não vejo nada de treinamento nesse time. Até mesmo a defesa, repare como são vários espaços vazios pelo meio e lados.
Abs e SA!!!