segunda-feira, 29 de julho de 2019

Ciclo é o cacete





Não adianta ficar lamentando o leite já derramado...

Dito isso, assunto arbitragem, infelizmente já deu. Fomos roubados e ponto final. Mas agora vamos a análise feita pelo técnico Eduardo Barroca, a respeito da derrota de ontem e o momento do Botafogo:

"- Eu dividi o campeonato em quatro ciclos. Meu primeiro objetivo era somar resultados a curto prazo e desenvolver a equipe. Sabíamos que o início do segundo ciclo era muito difícil, porque pegávamos enfrentamentos pesados com Santos, Cruzeiro e Flamengo, além de jogos eliminatórios pela Sul-Americana. Se a gente comparar a pontuação ao primeiro ciclo, teremos que fazer uma sequência de recuperação tendo o primeiro ciclo como referência. Fizemos 15 pontos no primeiro ciclo, fizemos três jogos nesse segundo e precisamos recuperar".

Bom, noves fora a essa babaquice do Barroca de criar um novo termo (ciclo) no futebol, não sei como ele dividiu esse campeonato, mas fica o alerta: São três derrotas e um empate nos últimos quatro jogos do Brasileirão.

Eu só sei que o meu "ciclo" da paciência inicial já se esgotou. É muita termologia moderna e um trabalho que não tem feito diferença, afinal, são as mesmas insistências, mudanças, esquema tático, etc.

Se as coisas continuarem como estão, logo entraremos no "ciclo" do rebaixamento. E aí será difícil sair, hein?


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

39 comentários:

Anônimo disse...

Ricardo
Pois é. Ele dividiu em ciclos mas não tem objetivo nenhum.Infelizmente teremos que esperar a eliminação da Sula para acabar esse "ciclo" de vexames. ...

Anônimo disse...

Deve ser assim, na mente imaginosa do referido: no primeiro ciclo, eu fico pelo menos em quinto na tabela; no segundo, dá pra chegar em décimo; já no terceiro, um décimo quinto está de bom tamanho; por fim, no quarto ciclo da era de Aquário, preparo o time - ou o que dele restar - para a estreia na série b do próximo ano. Notinha à margem, a França não teve um treinador que não convocava jogadores nascidos sob um determinado signo do zodíaco?
E nem sequer se cogita na demissão do estagiário.
Salários em dia? Pergunta retórica. Já sei a resposta.
Com Seu Barroca, salários atrasados e com o Seu Nelson, o Botafogo já entra em campo semiderrotado, seja por suas próprias adversas circunstâncias, seja pela arbitragem.
Levi

Rodrigo Federman disse...

Sim, Ricardo. Dividir em ciclos sem objetivo final. Nunca vi isso.

Levi, essa de ciclo é mais uma das baboseiras para irritar torcedor! hehehe

Abs e SA!!!

Aureliano disse...

O pior é que se o Barroca cair, o Jair Everest deverá assumir o cargo com toda certeza.

Marcio disse...

Ciclo pesado porque enfrentaria Cruzeiro, Santos e Flamengo...
Já que ele fez a analise e dividiu em ciclos, deveria ter considerado também o momento dos adversário na hora de enfrentá-los.
Por que enfrentou o Cruzeiro e permaneceu abraçado ao empate se a equipe mineira estava mal colocada na tabela e jogando mal?
Por que que sabedor dos muitos desfalques do Flamengo, não buscou uma maneira de explorar uma possível dificuldade de entrosamento por parte deles?
A questão é enfrentar todos os adversários com as mesmas taticas e escalações.
Quando o Time possui craques, estes é que trazem o imprevisto, no caso do BOTAFOGO, a imprevisibilidade deve estar nas variações táticas... O jogo do BOTAFOGO é fácil para ser marcado por qualquer técnico iniciante.
Análise de uma competição é feita antes e durante a disputa.
Ciclo, mais uma conversa engana trouxa.
SA!!!


Rodrigo Federman disse...

Nem pintado de ouro, Aureliano!

Marcio, como terá sido a montagem do ciclo mais tranquilo por parte do Barroca? hehehe

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Será que a gente esquisita cogita o Mr. Everest, no lugar do cara dos ciclos?
JV nem treinador é! Caiu de paraquedas e teve um brilhareco fugaz. Outro que não tem qualificação nenhuma.
É o verdadeiro e autêntico burro com sorte de que falava o meu quase xará Levir Culpi.
Levi

Marcio disse...

Levi, o none do técnico francês é Raymond Domenech.
Convocava de acordo com a data de nascimento, signo, mandava fazer o mapa astral...
O Barroca bobeou, pois poderia ter contratado a Zora Yonara para auxiliar na determinação dos ciclos, explicar o porquê do inferno astral futebolístico de 15 em cada 10 jogadores, isso mesmo, 15 em 10.
E o problema é que o Barroca não está galgando parâmetros (Lazaroni)ao mudar de ciclo.
SA!!!

Anônimo disse...

O barroca é teimoso, se tivéssemos empatado 3 jogos fáceis em que ele errou nas mudanças, nossa situação na tabela estaria mais confortável,com 10 pontos acima da zona estamos a 3 partidas de ficarmos no z4, se continuar com esse desempenho pífio r para piorar não fizemos nenhum ponto em 3 jogos no Rio de Janeiro.
Jones

Anônimo disse...

RODRIGO e amigos do CB,no momento em que uma quadrilha infesta o nosso alvinegro,esqueçam o clube contratar um treinador que não seja "obediente".
Acreditou no BARROCA BOL quem quis,pois alertei que havia "certos interesses" em sua contratação.
Infelizmente,o mundo gira em torno de "grana",e logo no início,com a posse de bola me engana que eu gosto,parte da mídia ame$trada tecia N elogios ao GORDINHO BRINCALHÃO.
Vai repetir essas baboseiras de sempre,escalar o mesmo time,fazer as mesmas substituições,seremos eliminados da SUL A e passaremos dificuldades desnecessárias no CB por pura incompetência ou,para quebrar o galho dele,não contrariar quem lhe paga um polpudo salário para ser PAU MANDADO,simples assim.JOTA.

Assimos disse...

Salve Salve, amigos do CB!

Eu nunca apostei em EB, mas já que era para dar uma chance, OK. Juro que torci para ele "queimar minha língua". O tempo passou e realmente eu não estava errado. Já perdi a paciência com mais um protótipo de técnico falando asneiras e armando o time.

Assim como fiz com ZR: #FORAEB e todo esse elenco horroroso montado sem profissionalismo e comprometimento por amadores. #FORADIRETORIAINTEIRA

Abraços e SA!

Rodrigo Federman disse...

Assimos, eu depositei muita esperança e no início até achei interessante. Mas ele caiu em uma mesmice injustificável e cansou bastante também.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Bem lembrado, Marcio. Perdeu a final da copa para a Gloriosa Azzurra!
Deve ter sido punido pelos astros... Deveria ter convocado um do signo de Leão, sei lá, e não foi devidamente comunicado pelas estrelas que compõem o acervo das crendices que lhe orientam a vida.
Olha!, cada uma! Agora temos o do ciclo nas nossas hostes.
Há posturas e expressões de pensamentos em relação aos quais não é possível tecer qualquer comentário mais sério. Tudo o que se tem a fazer é pilhéria mesmo.
Nessas horas é que me valho do GRANDE Lima Barreto, um dos melhores prosadores pátrios:
"TROÇA, TROÇA E MAIS TROÇA, ATÉ QUE TUDO CAIA PELO RIDÍCULO!"
Levi

Sergio disse...

O Botafogo está em ciclo menstrual, e do jeito que a coisa vai, entra na menopausa. Ah Barroca! Que decepção. ABS e SB!

Rodrigo Federman disse...

Isso mesmo, Levi.

Sérgio, é a triste realidade.

Abs e SA!!!

fabio lucas disse...

Botafogo precisa contratar 1 meio campo e 1 atacante ja que o Biro Biro nao pode jogar e se aposentou com a saida da Eric ficou mais evidente ainda

Assimos disse...

TMJ, Rodrigo!

Abraços e SA!

Rodrigo Federman disse...

Fabio, muito mais gente, em minha opinião.

Valeu, Assimos.

Abs e SA!!!

Aureliano disse...

Esses dias saiu no Fogãonet que parte da diretoria deseja o retorno do Jair Everest, o que seria um absurdo, pois assim que saiu do Botafogo assumiu ser flamenguista e rio da nossa cara. Temos bons nomes no mercados, tais quais Abel, Dorival e Levir, mas o Botafogo não tem dinheiro para contratar esses caras, e outra, não sei se esses caras vão topar assumir. Abraço.

Rodrigo Federman disse...

Aureliano, se isso acontecer, eu paro com o Botafogo.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Ricardo
Se contrazerem o JV é para jogar a pá de cal no clube.

PQP

Anônimo disse...

Futebol brasileiro vive uma crise imensa,a muito tempo não vejo tantas equipes sem ganhar jogos, sem marcar gols o 7x1 continua, eu fiz uma simulação sincera, e a pontuação que o Botafogo deve chegar é nas casas do 45 com 10 vitórias contra equipes do msm nível e 17 derrotas e disputando a última vaga do descenso com fluminense Ceará Vasco Cruzeiro Fortaleza pois Chapecó csa e Avaí já estão rebaixados no meu ponto de vista
Fabim

Marcio disse...

De minha parte, nem cogito a possibilidade do J. Ventura. Dos outros citados pelo Aureliano, atualmente apenas o Dorival me parece em uma boa condição.
Claro que se as condições financeiras do BOTAFOGO fossem favoráveis.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Sim, Ricardo.

Fabim, acho muito cedo para toda essa projeção ainda.

Marcio, nem passa pela minha cabeça também.

Abs e SA!!!

Sergio Di Sabbato disse...

Nada é tão ruim que não possa piorar. Esse é o Botafogo atual. Abs e SB!

Rodrigo Federman disse...

Sérgio, é um ciclo eterno. Rs
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Dunga seria uma boa pro Botafogo .
Fabim

Fatos disse...

Aí desisto. Cancelo meu ST e premiere.

Fatos disse...

O time da minha rua marca fácil o time do Barroca

Fatos disse...

Parabéns pelo lazarônes kkk

Fatos disse...

Não podemos pagar, mas a meu ver o único nome que mudaria algo seria Abel Braga, com esse a diretoria não escala jogador. Sempre os mesmos nomes. Não vejo outra razão.
E a insistência com 3 volantes?! Um apequenamento desnecessário, e comprovadamente ineficaz. O BOTAFOGO só tem 3 jogadores ofensivos, todos os times chegam com no mínimo 4 jogadores a frente, fora os laterais, e os nossos como sabemos, mal defendem.
Reparem que Cícero, AS e JP (esses dois últimos inexplicavelmente, pois jogam numa "linha" a frente do ex-gremista) não pisam na área adversária. Normalmente, mesmo com 4 jogadores na parte ofensiva, os técnicos cobram que seu segundo volante "pise" na área. Arão no Fla, Bruno Henrique no Palmeiras, Tchê tchê no São Paulo, Bruno Guimarães no Athletico, e por aí vai, nós jogamos só com 3 na parte ofensiva e ninguém mais chega.. quando chega é sem o menor cacoete, se arrastando, com a marcação adversaria já encaixada devido a essa lentidão.

Adelson disse...

Ciclo? Que babaquice é esta? Em outros tempo seria "descendo na tábua de graxa". O cara quis bancar de intelectual e falou apenas um monte de merdas. Será que ele debate isto com os peladeiros do elenco e a "inteligência" do clube?
Alguém precisa explicar para esse voador que faltam 31 pontos e que o segundo turno é mais difícil que o primeiro.. e que nas 12 últimas rodadas o bicho pega...só tem pedreira... todo mundo correndo atrás de algo. Alguém tem que acordar esse cara.

Rodrigo Federman disse...

Fabim, não acho.

Fatos, na verdade, penso que só um técnico de fora dessa merda de pais poderia sair da mesmice.

Adelson, ciclo é o novo terço final. Hehehe

Abs e SA!!!

J. Daniel disse...

Lamentável a situação do meu querido fogão.
Se não temos plantel, para chegar entre os 11 do Brasileiro, pra que se iludir com a classificação na Sul americana?
O projeto dos irmãos Moreira Salles não dará resultados a curto prazo, mas é a única alternativa para evitar o "desaparecimento" do glorioso. Esses idiotas que estão à frente da diretoria alvinegra são uns imprestáveis. Saudações Alvinegras!!!

Rodrigo Federman disse...

J.Daniel, devemos nos agarrar na possibilidade de milagres! rs
Abs e SA!!!

Sergio disse...

Somente um técnico de fora mudaria essa mesmice. Não é prá menos que nenhum time de ponta fora do país contrata técnicos brasileiro.
Tentaram o Vanderley Luxemburgo que não durou nem um ano no Real Madri e o Felipão naquela de jogar na base da força perdeu a final da Eurocopa para a medíocre Grécia, tendo o CR7 no seu time, fora os 7 da Alemanha. Treinador brasileiro que pense, ou já morreu ou tá pra nascer. O mais grave de tudo isso é que além de imitar mal os outros ainda por cima destrói as características dos jogadores brasileiros.Abs e SB!

Rodrigo Federman disse...

Também acho isso, Sergio.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Sergio, além do CR7, Felipão ainda contava com Figo e Deco, o que torna pior a derrota.

O problema é que essa onda de globalização chegou ao futebol e o jogo parece sair de uma linha de produção industrial.
O trunfo maior do futebol brasileiro sempre foi a capacidade de improvisação dos jogadores; evoluir não significa abrir mão de uma cultura de jogo.
Hoje, por total incapacidade, ficam alardeando que este ou aquele jogador do passado não jogaria hoje em dia, como se os de hoje jogassem alguma coisa... Qual jogador brasileiro acima da média?
E a tendência é piorar ainda mais.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, é verdade. A tendência é ainda piorar.
Abs e SA!!!