quarta-feira, 31 de julho de 2019

Outra eliminação





Na semana passada, no Niltão, derrota por 0 a 1.

Hoje, em Belo Horizonte, novo revés. Só que desta vez, por 0 a 2, selando a eliminação do Botafogo na Sul-Americana de 2019.

Uma pena, pois diferente do jogo realizado no RJ, hoje o GLORIOSO até que fez uma partida razoável. Principalmente na primeira etapa, quando dominamos, mas esbarramos na nítida falta de talento e jogadores diferenciados do meio para frente. Perdemos alguns gols e não soubemos aproveitar a partida fraca do Atlético.

A classificação incrivelmente parecia ser possível.

Eis que veio o segundo tempo...
...e aí, o Botafogo simplesmente morreu em campo. Física e tecnicamente. Não conseguimos concluir uma bola sequer. 

Para piorar, o tempo passando e quando o Barroca resolveu mexer, parece que quis aparecer e cagou por completo o que - naquela altura - estava ruim.

Resultado: Um pênalti burro para o Galo. 

Com o placar adverso, aí acabou. O time se perdeu por completo em uma zona com vários jogadores com gravatas vermelhas (línguas para fora). 

Minutos antes do fim, o gol derradeiro e a confirmação de que a temporada realmente será para permanecermos na primeira divisão. Nada além disso!


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

Botafogo 0 x 2 Atlético/MG

1- Gatito: Livrou o time de uma derrota maior no final - 7,5

2- Marcinho: Errou muitos cruzamentos - 5,0

3- Marcelo: Uma falha no primeiro tempo. De resto, não comprometeu - 5,0

4- Cícero: Justiça seja feita, mesmo improvisado, foi bem - 7,0

5- Bochecha: É lento e burocrático demais - 4,5

6- Gilson: Partida ok - 5,5

7- Luiz Fernando: Não produziu nada - 4,5

8- João Paulo: Não estava tão bem, mas ao menos se apresentava par ao jogo - 5,0

9- Diego Souza: Errou praticamente tudo que tentou - 4,0

10- Alex Santana: Começou bem, mas segurando demais a bola - 5,5

11- Pimpão: Decisões equivocadas em todos os lances - 4,0

12- Alan Santos: Sua entrada matou o time - 3,0

13- Igor Cássio: Entrou com a vaca já no brejo - 4,0

14- Valencia: Visivelmente sem ritmo e vontade - 3,5

Eduardo Barroca: Demorou para mexer. Quando o fez, errou e piorou o time - 4,0

28 comentários:

Marcio disse...

Se no primeiro tempo faltou qualidade técnica para aproveitar o bom jogo feito, no segundo o ritmo baixou e as substituições feitas pelo Barroca nada ajudaram.
Além disso, mais uma vez o Barroca deixa o Diego Souza em campo sem produzir praticamente nada.
A. Santos que quase nunca é utilizado hoje foi e apareceu para fazer uma penalidade bizarra..
Infelizmente mais uma eliminação na conta da completa e absoluta falta de planejamento desse departamento de futebol do BOTAFOGO.
Agora só resta vencer no brasileiro e permanecer na primeira divisão.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

De pleno acordo, Marcio.
Abs e SA!!!

Adelson disse...

Resultado mais que esperado. Nem quis assistir, não aguento mais ver um time horroroso, perdedor e que não faz gols. Estou desanimado.
Temia por uma sequência de derrotas que jogasse esse elenco horroroso para o buraco... e a sequência se consolidou. Ou algo novo acontece ou vamos estar na Z4 em 2 ou 3 rodadas. O Botafogo se apequenou de vez, se o projeto dos MS não for frente, será o fim.

Anônimo disse...

Time sem culhões incapaz de fazer gols e parece que a qualquer momento vai levar um gol falta qualidade e velocidade mesmo jogando bem no 1 tempo ficou devendo
Fabim

Rodrigo Federman disse...

Adelson, hoje se tivéssemos 2 caras diferenciados, a gente vencia. O time é muito ruim.

Fabim, deveu na segunda etapa. No primeiro tempo eu até gostei.

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Como diz o Kohelet, "Nasce sol, e o sol se põe, e apressa-se e volta ao seu lugar de onde nasceu... E não há nada de novo sob o sol..."
NADA DE NOVO SOB O SOL do Botafogo...
Essas vicissitudes do Botafogo já encheram o meu saco!, com todo o respeito ao Kohelet...
Ganhei os últimos cinquenta cêntimos dos dois dólares que apostei comigo mesmo de que perderíamos para o Fl... e seríamos eliminados na SA.
Na boa? Quero que essa ralé que se apresenta em nome do meu Botafogo da minha infância se FODA!
O ano - MAIS UM! - acabou!
Espero somente -OUTRA VEZ! - os malditos 46 pontos.
Levi

Marcio disse...

Fui conferir e o Alan Santos completou hoje o 8º jogo e 312 minutos em campo.
Sua última partida foi contra o Vasco em 2 de junho, entrou aos 23 minutos do segundo tempo; antes dessa partida, entrou em campo, também contra o Vasco, em 23 de fevereiro iniciou a partida e ficou em campo por 60 minutos.
Se o jogador está no elenco, deve ser utilizado; o que questiono são os momentos que "resolvem" lançar mão de determinados nomes.
Por que Alan Santos em um jogo decisivo se em jogos de menor importância não é utilizado?
SA!!!

Salomon disse...

Com um minuto do segundo tempo já deu para imaginar o que ia acontecer.
O time entrou com a mesma postura de outros jogos e o Atletico sentiu que podia dominar o jogo.E foi o que aconteceu.Uma pena,porque o primeiro tempo nos deu a expectativa de que podíamos conquistar algo melhor.
Salomon

Anônimo disse...

Não sei como o Botafogo consegue contratar e manter por tanto tempo tantos jogadores de categoria mediana a ruim. O mais impressionante é a falta de preparo físico adequado e de vontade desses jogadores que, se fossem bem condicionados e empenhados, poderiam ser mais produtivos contra equipes tecnicamente mais preparadas. É de lamentável ver um ex-jogador ainda em atividade com preparo físico precário, como Diego Sousa, sendo considerado titular e cérebro do time.

Miguel

Assimos disse...

Salve Salve, amigos do CB!

Serei bem sincero: eu tinha 1% de esperança que o Botafogo se classificaria, sabe por quê? Desde 2018 o BFR se tornou totalmente previsível em TUDO, e quando digo TUDO, não é só com a bola rolando não.

Time que não tem poder de reação, quando não perde para o adversário, perde para si mesmo. Ver o Botafogo jogar se tornou cansativo.

Agora é torcer para não ser rebaixado.

Abraços e SA!

Carlos David disse...

Que noite, hein? Ver o Botafogo ser eliminado e de quebra aturar o urubu se classicando aos trancos e barrancos. Que dureza! CRVG

Rodrigo Federman disse...

É, Levi. Mais um ano que acaba no mês de agosto para o Botafogo.

Marcio, isso só comprova (para mim) que o EB é fraco e está perdido.

Exatamente, Salomon .

Miguel, é simples: essas contratações esdrúxulas prejudicam o clube, mas dão lucro para algumas pessoas.

Assimos, voltamos à realidade. Hehehe

Carlos, eu nem ligo para os outros times, juro.

Abs e SA!!!

Aureliano disse...

Rodrigo, agora é lutar para não cair, pois até os reforços pretendidos pela diretoria não poderão mais vir.

Rodrigo Federman disse...

Aureliano, sim. É a única coisa que nos resta em 2019.
Abs e SA!!!

keven disse...

Fala Rodrigo!, saudações galera alvinegra.
O time até tentou,mas esbarrou nas limitações,agora o time só tem o brasileiro pela frente, lutar pela nossa sobrevivência e quem sabe algo a mais.
Acho que o barroca tem que fazer uns novos testes, não tem novidade nenhuma no futebol apresentado,mas, eu gostei de Cícero como zagueiro ,achei bem melhor do que ele jogando como volante.agora o que mais me impressiona é essa diretoria, o pessoal deixa para tentar trazer reforço, no último dia,seriam dois jogadores bons que ia ajudar eu acho,mas não tem o que fazer , é esperar uma reação no brasileiro para lutar contra o rebaixamento.

Rodrigo Federman disse...

Keven, nas limitações, inclusive, do seu treinador.
Abs e SA!!!

Sergio disse...

Não vi o jogo, mas prévia a derrota pelo simples fato de que com o mesmo time que nada fez nos últimos jogos, sem tentar mudanças nada iria acontecer. ABS e SB!

Rodrigo Federman disse...

Sergio, o pior é que o primeiro tempo foi bom e até deu esperança. Já a segunda etapa...
Abs e SA!!!

Marcio disse...

O passado ajuda a entender o presente e projetar o futuro, se nada for feito. O problema do BOTAFOGO está além do financeiro e das quatro linhas.

Jéfferson sobre o Seedorf:

"O Seedorf chegou aqui no Botafogo e revolucionou. Pela postura, profissionalismo dele. Claro que a cobrança dele em certos momentos era muito forte. Mas é um cara chato para o bem. É que às vezes ele tentou mudar as coisas muito rápido. Acho que em três, quatro meses ele tentou mudar coisas que duraria talvez anos. Então acho que nisso que ele pecou. Mas com certeza ele acrescentou muito pro Botafogo, o Botafogo cresceu muito com a chegada dele. Claro que a gente peneirava muita coisa, mas ele acrescentou bastante."

http://globoesporte.globo.com/futebol/times/botafogo/noticia/2014/04/jefferson-critica-exageros-de-seedorf-tentou-mudar-coisas-muito-rapido.html

Será que o Seedorf tentou modificar as coisas no Real Madrid, Milan e Ajax, clubes onde conquistou a Champions League?
E por que ele tentou modificar as coisas no BOTAFOGO e fazia cobranças fortes?

SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, e ele foi taxado de chato, exigente e tal. Isso explica muita coisa.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Rodrigo, observe que o BOTAFOGO não se preocupa em contratar quem possa liderar verdadeiramente o Time.
Lá em 1989, mesmo antes, a situação era mais do que ruim, bastou uma centelha e o Time se transformou. Esse time de hoje não sofre nem 1/4 da pressão daquele...
E se transformou porque tínhamos jogadores como Gottardo e Mauro Galvão, lideres e campeões por onde passaram.
Não podemos nos esquecer que Mauro Galvão aos 18 anos era titular naquele Internacional campeão brasileiro invicto de 1979, sempre soube o que é vencer...
Depois em 1990, chegou o Gonçalves...
Observe que de 1989 até 1998, exceto o titulo de 1993, todos os outros títulos tiveram as as participações de Mauro Galvão e/ou Gottardo e/ou Gonçalves.
1989 (Carioca)- Gottardo e Mauro Galvão;
1990 (Carioca)- Gottardo e Mauro Galvão, mais o Gonçalves na lateral em alguns jogos. Com a saída do Galvão, Gonçalves voltou à zaga;
1995 (Brasileiro)- Gottardo e Mauro Galvão;
1996 (Taça Cidade Maravilhosa)- Marcio Theodoro e Gonçalves;
1997 (Carioca)- Jorge Luiz e Gonçalves;
1998 (Rio-São Paulo)- Jorge Luiz e Gonçalves.

Quando o BOTAFOGO procurava um técnico, escrevi aqui que achava uma boa tentar o Rogério Ceni. Além de acreditar que tinha e tem capacidade de fazer um bom trabalho, é um cara vencedor, e já conquistou três no Fortaleza, um estadual, um brasileiro série B e a inédita Copa do Nordeste.

Eu gostaria muito de ter a oportunidade de perguntar ao presidente, diretor e gerente de futebol, quais as premissas se baseiam as contratações.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, eu te garanto que a resposta que lhe dariam seria um sono "cri cri cri" (barulho de grilo). rs
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Pois é, Rodrigo.

E as "contratações" Blandi e Dario Aimar não foram efetuadas.

"A direção alvinegra havia encaminhado o empréstimo de Blandi, de 29 anos, até o final de 2020 e de Aimar, de 24 anos, em definitivo até 2022. Entretanto, conforme pessoas ligadas à diretoria do time carioca e envolvidas nas tratativas, tanto o San Lorenzo quanto o Barcelona não cumpriram com o combinado a tempo. Desta forma, a questão burocrática impediu a concretização das contratações."

https://globoesporte.globo.com/futebol/times/botafogo/noticia/janela-fecha-e-botafogo-nao-consegue-concretizar-contratacoes-de-blandi-e-aimar.ghtml


Já no Santos...

"O Santos acertou a contratação de dois reforços para a temporada na noite desta quarta-feira, horas antes do fechamento da janela internacional de transferências no Brasil: o zagueiro Luan Peres, que estava no Brugge, da Bélgica, e o atacante Lucas Venuto, do Vancouver Whitecaps, do Canadá, clube que joga a Major League Soccer nos EUA. O Santos registrou a dupla na CBF antes mesmo da realização de exames médicos, para que o prazo da janela fosse respeitado."

https://globoesporte.globo.com/sp/santos-e-regiao/futebol/times/santos/noticia/santos-contrata-zagueiro-atacante-luan-peres-lucas-venuto.ghtml

Não sei como o Santos procedeu para se proteger, pois fez a inscrição dos jogadores antes dos exames médicos necessários.
Entretanto, isso não interessa muito.
Terá sido um factoide da diretoria do BOTAFOGO?

SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, a diferença é gritante!
Abs e SA!!!

Jones disse...

Meio de campo lento, pontas que não sabem dominar uma bola ,camisa 9 sumido, e treinador fazendo substituição errada, saudades do Cuca De Robert o Dodo Jorge Henrique aí temos que ler que querem renovar com pimpão .

Rodrigo Federman disse...

Verdade, Jones.
Abs e SA!!!

Marcelo Botafogo disse...

Não vi o jogo, mais pelo que li a respeito do Léo falência, noto que o Botafogo atual é o espelho dele, perdido no ano de 2019, sem saber pra onde ir .

Rodrigo Federman disse...

Marcelo, mas o exemplo maior não é o LV. Deve ser o presidente NM.
Abs e SA!!!