quarta-feira, 27 de setembro de 2023

Pedir mais















Notícia retirada do GE:

"Convocações valorizam Perri, e Botafogo espera ainda mais dinheiro com eventual venda.

Goleiro é chamado duas vezes seguidas por Fernando Diniz e fica em alta dentro e fora de campo; Lyon está de olho".

Mas é lógico! Se tem alguma coisa que preste (para poucos) nessa seleção vagabunda, é a valorização de jogadores e o consequente ganho de empresários, atletas e clubes.

As duas convocações do Perri serviram para isso. E espero que o Botafogo não dê bobeira. A questão é: E se for para o Lyon? Venda "dentro de casa", do Textor para o Textor? 

O fato é que - pensando em Libertadores -, o ideal seria o Perri continuar pelo menos em 2024 no clube.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

10 comentários:

Damião disse...

Este é o problema da SAF, se o jogador se valorizar, vão
vende-lo para obter lucro, títulos vêm em segundo plano. O objetivo de toda empresa é obter lucratividade, a curto, médio ou a longo prazo, e no futebol segue a mesma lógica. Mas, se não fosse a SAF o que seria do Botafogo? Acredito que já teria fechado as portas. Logo..

Rodrigo Federman disse...

Damião, não vejo como problema. Apenas acho e acredito que o JT queira recuperar o seu investimento (e fazer mais dinheiro), mas sem esquecer que o torcedor se preocupa e quer apenas comemorar títulos. Se encontrar o equilíbrio e for transparente sempre, ótimo.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Uma convocação para a mequetrefe seleção valoriza o jogador em X; se o jogador for campeão pelo seu clube, valoriza X+1 (lembrando um certo dirigente).
E mais, o Textor naturalmente quer retorno sobre o investimento feito, mas o retorno poderá não vir somente pela negociação dos jogadores.
Um clube campeão leva vantagem até na atração de novos talentos.
Fora o faturamento direto e indireto proporcionados pela conquista.
O que "preocupa" é a possibilidade de negociação na própria holding, a forma como se dará.
Até porque valor real de negociação do jogador é a multa, a percepção do mercado é subjetiva.
Está aí o M. Nascimento como exemplo.
Que vai pagar a multa integral?
Não custa lembrar também a confusa negociação do Jeffinho...
Em resumo, o ideal seria que tivéssemos mais informações para uma melhor análise.
O Textor é o dono, nós Torcedores não somos obrigados a aplaudir todas as decisões.
SA!!!
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, sim. A minha única preocupação é para vendas "dentro da própria casa". Aí sim, terão que ser ainda mais transparentes, vide o caso Jeffinho, que não fazemos ideia ao certo do que envolveu realmente.
Abs e SA!!!

AC disse...

O que eu gostaria de saber - e aí é meio fora do tópico - é por que o Botafogo emprestou o Sauer, o Segovia (o zagueiro) e agora o Diego Hernandez e Mateus Nascimento, com o Brasileiro em pleno andamento?

AC

Rodrigo Federman disse...

AC, tudo dentro do planejamento do nobre Mazzuco. Rs
Abs e SA!!!

Keven disse...

Dependendo da fase do Lyon, talvez ele vá para outro clube,ou fique no botafogo.
Levando em consideração que o Lyon está na zona de rebaixamento e provavelmente não vai disputar competição europeia novamente..
ABS e Sá!

Rodrigo Federman disse...

Keven, mas para o Textor, dependendo, é mais interessante vender pro Lyon. Paga-se menos e lá valoriza para uma futura revenda maior.
Abs e SA!!!

Ricardo disse...

Tudo irá depender do campeonato brasileiro se formos campeão a situação e outra , pode dar um aumento de salário e estender o contrato com uma multa maior , ganhando o Brasileiro o elenco será reforçado e os atletas podem sair para clubes de maior expressão o ano de 2024 será bem diferente desse ano tem a seleção brasileira que é o sonho de qualquer jogador independente do momento que o futebol brasileiro passa , primeiro temos que levantar o caneco para depois pensar no futuro o clube tem que voltar aos momentos de glória e deixar para trás tudo de ruim que vivemos nas últimas décadas.

Ricardo

Rodrigo Federman disse...

Ricardo, eu queria acreditar nisso. Mas não creio.
Abs e SA!!!