sexta-feira, 4 de abril de 2014

O nariz cresceu mais um pouco














Na semana passada, em reunião do Conselho Deliberativo do Botafogo, o presidente Mauricio Assumpção foi questionado pelo grupo de oposição Mais Botafogo do porque o clube havia saído do Ato Trabalhista.

Com uma resposta vaga - e sem querer entrar em detalhes -, o mandatário alvinegro disse:

"- O ato expirou no fim do ano passado, e nos termos de então não interessava ao Botafogo continuar".

Na segunda-feira, o ex-presidente Bebeto de Freitas fez uma afirmação/acusação bem diferente do que o Mauricio havia dito aos sócios presentes em General Severiano na reunião do CD:

"- Expliquei ao Maurício toda a condição que o Botafogo estava. Toda a dívida com o Governo Federal foi renegociada. Ele chega e, como muitos clubes, abandonam a Timemania, e as dívidas voltam com juros, correção… A decisão dele foi de não pagar os 20%. Em 2009, o Botafogo saiu atrás em cerca de R$ 25 milhões, e o clube conseguiria isso com o Engenhão. Ao longo de 20 anos você teria receita para arcar com a dívida do clube. Aí aparece a reportagem da Marluci Martins, do Extra, de que o Botafogo foi excluído do Ato por sonegação. O Botafogo pagava, mas sonegou na Companhia Botafogo (criada na gestão de Bebeto de Freitas). O Botafogo foi expulso do Ato! Ninguém disse para a Marluci que era mentira. Agora ele está se lamentando que o Botafogo está penhorado. É lógico que está penhorado! O que eles fizeram no Botafogo é muito grave. Esse dinheiro que eles sonegaram de 2009 a 2013 pagava todos os encargos da dívida, o Botafogo estaria hoje com uma dívida bem menor. A dívida trabalhista poderia ter até acabado, mas ela aumentou".

Muito se discutiu nos últimos dias quem estava falando a verdade e quem estava mentido. Afinal de contas, o Botafogo não aceitou os termos e saiu do Ato Trabalhista ou foi expulso do mesmo?

O blog Bastidores FC, do site Globoesporte, entrou em contato com o TRT perguntando o que realmente aconteceu, visto que, por exemplo, Flamengo, Vasco e Unimed FC continuam incluídos normalmente no Ato.

A resposta do TRT não deixa mais dúvidas:

"- O Botafogo foi excluído do Ato Trabalhista por força de decisão da Presidência do TRT da 1ª Região, publicada no Diário Oficial no 31 de julho de 2013, ante o descumprimento das obrigações previstas nas regras vigentes quanto à matéria (Provimentos 1/2007 e 2/2008 deste Tribunal). Baseou-se a decisão na inequívoca constatação de ocultação de receitas da Companhia Botafogo, resultando em pagamento muito inferiores aos mensalmente devidos, tendo em vista a obrigação do Clube em repassar ao TRT percentual incidente sobre as receitas auferidas tanto pelo clube quanto por “todas as empresas das quais façam parte como acionistas ou por qualquer outro meio participativo” ( Art. 3º do Ato 837/2007)".

Pelo visto, só falta mais uma pergunta a ser respondida: E agora, Mauricio?


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

44 comentários:

Anônimo disse...

acabo de ler uma reportagem do globo.com citando elogios de Matthaus a Guardiola.
como pode haver essa imensidão de conhecimento tático em relação ao futebol europeu?
Penso isso pq hj temos todo acesso a informação e visibilidade dos jogos. O Duda nao ve isso? Por isso os treinadores brasileiros estao todos atrasados.
Ah, isso foi um desabafo fora de seu comentário mas serve pra isso, Bayern está onde está pq vem de anos de profissionalismo em sua gestão...

Andesilva disse...

e agora, fudeu, rodrigo!
...

Rodrigo Federman disse...

Anônimo, o pior que o EH adora posar de estudioso, tático, etc.

Andesilva, como ele sairá dessa agora?

Abs e SA!!!

Sergio Di Sabbato disse...

O omissão é... existem tantos adjetivos para esse sujeito que levaria um tempo enorme escrevendo-os. Os torcedores do Botafogo não merecem esses crápulas que se locupletam do clube a décadas. Anônimo, o futebol brasileiro só é o que é pelos seus fantásticos craques que teve, hoje nem tanto, mas ainda assim ainda, apesar dessa estrutura arcaica do nosso futebol, ainda produz bons jogadores. Técnicos de qualidade, ao longo da nossa história, conta-se nos dedos de uma mão. É só ver quantos técnicos brasileiros conseguiram exito na Europa. Eu duvido que ganharíamos alguma copa do mundo se dependêssemos de inteligência tática dos nossos "professores". Gosto do
Bebeto de Freitas, é botafoguense de verdade, mas se pensarmos bem, essa corja que continua em GS, em parte é culpa dele, pois se não fosse tão genioso, teria feito seu sucessor. O ano de 2009 era para ser o salto do crescimento e profissionalismo, mas como bem dizem os botafoguenses: "há coisas que só acontecem ao Botafogo" ou o Botafogo tem a vocação para o erro". Abs e SB!

Rodrigo Federman disse...

Sergio, a vocação do erro. Isso é um fato.
Abs e SA!!!

Alberto disse...

A torcida deveria se organizar mais, e pedir a renúncia imediata desse safado, antes que ele acabe com o Botafogo de vez. Mas como é muito difícil isso acontecer, vai sair dessa como sempre fez, com mentiras e mais mentiras. E ainda tem gente que tem coragem de elogiar esse sujeito.

Agora, uma perguntinha final. Sonegação não é crime? Cadeia nele!

Rodrigo Federman disse...

Alberto, será que ele também vai desmentir o TRT?
Abs e SA!!!

Gil disse...

Fala Rodrigão,

Esse cara é um CANALHA!
Temos inúmeros exemplos, na mídia, de suas desculpas esfarrapadas e mentiras!
Como diz o Patinhas, Jota, e os velhos de GS não fazem nada para tirar esse cara do poder!

A única certeza que tenho é que quando acabar o mandato desse calhorda muitas outras coisas descobriremos.

Abs e Sds, Botafoguenses!!!

alex disse...

Continuo perguntando;

CADE O OMISSÃO ? E AGORA TEM QUE RESPONDER ?

PEDE RENUNCIA OMISSÃO SE VOCE FOR HOMEM ....

Marcio disse...

Só para acrescentar ao post uma coisa que passou e não lembro de ter sido comentada por aqui. O BF, disse na entrevista que a criação da Cia Botafogo, proporcionava ao CLUBE participar de licitações, o que ocorreu com o Engenhão e de receber patrocínio estatal, caso Liquigás.
No caso do patrocínio, disse ainda que a quantia que entrava via Cia Botafogo, já vinha devidamente descontada do valor a ser pago referente às dívidas
Lembrei desse fato, pois já lí que a Cia havia sido criada como uma forma de driblar a obrigação de se retirar o percentual para pagamento de dívidas, o que pelo relato do BF é inverídico.
SA.

Rodrigo Federman disse...

Gil, a cada dia que passa mais me impressiono com o quão mentiroso esse cara é (ou parece ser). E justamente por não se explicar e preferir o silêncio, nos dá razão em pensar assim.

Alex, ele não é homem para isso.

Bem lembrado, Marcio.

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Quanto ao fato de ter saído por escolha própria ou ter sido expulso por sonegação, como diz o TRT, por óbvio, uma ou outra atitude foi, é e sempre será nociva.
Pois se temos $1000, desconta-se obrigatoriamente $200, correndo o risco de se não o fizer, ter retidos os $1000, conclui-se que é melhor pagar, ter os $800 em mãos e partir para buscar uma outra solução, seja amigável, judicial ou que mais possa ser feito, do que ficar zerado.
Não consigo entender qual tipo de garantias havia para se tomar uma decisão desse porte. Seria o Proforte?
Não dá para contar com o ovo antes da galinha pôr.
Muitos dizem que querem ferrar com o BOTAFOGO; mas convenhamos que motivos foram dados para isso.
E explicação que é bom, até agora nada.
SA.

Rodrigo Federman disse...

Marcio, e nem há explicação, afinal, duvido que ele vá assumir que fez uma grande cagada (sem querer ou por vontade própria).
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Sim, Rodrigo.
E como você bem lembrou, ele mesmo foi quem disse ter saído por causa dos novos termos não serem bons.
Se saiu, era óbvio que as penhoras iriam voltar e não creio que os termos seriam piores do que ter, como ele também disse, 100% retido.

Rodrigo Federman disse...

Verdade, Marcio.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Outra coisa que não entendo e acho que lí um comentário por aqui é o seguinte:
Será mesmo que estão retendo 100% do que é arrecadado?
Isso inviabiliza qualquer instituição e poderá causar uma demissão geral no decorrer do tempo e fechamento das portas.
SA.

Rodrigo Federman disse...

Ainda tem esse "detalhe".
Abs e SA!!!

Unknown disse...

Estou com tanto ódio que não estou conseguindo assistir, nem ouvir, nenhum programa esportivo. Esse cara conseguiu acabar com um dos meus maiores ´prazeres. nada mais a declarar.

Rodrigo Federman disse...

Ronau, desde quarta, após o jogo eu também não tenho assistido a nenhum programa esportivo. E eu sempre gostei de ver todos a noite. Tudo por culpa dessa Zona instalada em GS, graças ao Sr. MA.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Rodrigo se quiser, veja quanto de débitos o BOTAFOGO tem na fazenda Nacional, inscritos na Divida Ativa da União, entre previdenciários e não previdenciários.
A consulta é aberta e são mais de 170 milhões.
SA.

Rodrigo Federman disse...

Absurdo, Márcio!
Abs e SA!!!

FOGO7 disse...

PRESIDENTE CALOTEIRO, COM O TÉRMINO DO MANDATO VAI PARA A GALERIA DOS PIORES PRESIDENTES DO CLUBE JUNTO COM RIVADÁVEA CORREA, CHARLES BORER, JUCA MELO MACHADO, JOSÉ LUIS ROLIM E MAURO NEY PALMEIRO.

Rodrigo Federman disse...

Fogo7, 2015 será brabo.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Essa foto do post ninguém merece, Rodrigo. É uma cena muito grotesca.
Onde estará ele agora que o navio está à deriva?
SA

Rodrigo Federman disse...

Marcio, me arrisco a dizer que foi a cena mais patética dos últimos muitos anos do Botafogo.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Pior, Rodrigo, eh que o sistema juridico nacional, em geral, tb eh uma bosta. Pensar que judiciario busca justica eh mera ilusao. O que move o judiciario, assim como a politica, o futebol, e etc, sao os intere$$es proprios de quem tem poderes para decidir o caso. Talvez, jamais saberemos a verdade sobre tudo isso que vem acontecendo ao Botafogo, infelizmente.

Daniel Victor

Marcio disse...

Quando foi nosso último gol marcado após cobrança de escanteio ou de falta?
SA.

Anônimo disse...

Márcio,

"...Muitos dizem que querem ferrar com o BOTAFOGO; mas convenhamos que motivos foram dados para isso..."

Simples, meu caro. Assim como ocorreu no final da década de 60 e início de 70 o Botafogo cresce a olhos vistos. O clube e a torcida. Algo precisava ser feito para nos parar. Em 72 nos foi tomada a sede de General Severiano. Ou você acredita na versão furada da época que foi para pagar dívidas?

Pra quem acha "teoria da conspiração", lembro que era exatamente isso que diziam os militares e a Globo sobre as bombas do Riocentro, o assassinato do Vladimir Herzog, etc...

Aliás, durante décadas a versão do "suicídio" do Herzog foi usada para justificar a decadência do Botafogo. Diziam: "Ah, o Botafogo se suicidou ao vender General Severiano".

Pelo que sei o Botafogo já protocolou há tempos as provas de que a Cia. Botafogo não sonegou os impostos.

Assim sendo, a nota do TRT é no mínimo estranha, pois diz ter provas "inequívocas" sobre sonegação fiscal e diz que o clube foi expulso do Ato em julho de 2013.

Afinal, o Botafogo foi ou não foi expulso do Ato?

E por que após o fechamento do Engenhão o Assumpção passou a ser "ladrão" e mau gestor?

Você ainda acredita que o Engenhão fechou por ameaça à segurança dos torcedores?

Quem é mais "ameaçador" hoje? O Engenhão ou o Itaquerão?

Vão fechar o Itaquerão?

Abs
Pablo

Rodrigo Federman disse...

Daniel, tenho certeza absoluta que jamais saberemos a verdade.

Nem lembro, Márcio.

Pablo, continuo respeitando, porém, considerando indefensável qualquer tentativa de "defesa" ao Nininho e sua falta de transparência.

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Rodrigo, não dá pra ser muito transparente agora, afinal quem está bancando o Botafogo são mecenas que não podem e não querem aparecer.

Muito provavelmente os recursos para pagamento dos jogadores sequer estão passando por General Severiano.

Se mexer muito nisso o Sistema vai pra cima. O Sistema está irritado pois teoricamente o Botafogo deveria ter quebrado e virado Bangu já no ano passado.

Essa é minha percepção de fora. Não conheço o clube por dentro. Tenho alguns informantes. Apenas isso.

Abs
Pablo

Rodrigo Federman disse...

Pablo, a questão da (falta de) transparência dele não é de agora.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Bem, Pablo, respeito a sua colocação, mas quero fazer umas colocações em relação ao que escreveu.
Independente de ter razão ou não o TRT, o próprio presidente disse ter saído do Ato, o que para meu entendimento já foi um erro, pois deu a eles os motivos que queriam, segundo a sua avaliação, para nos prejudicar. E hoje reclama a penhora de 100%.
Quanto ao Engenhão, a única coisa que vi foi o silêncio de todos aqueles que deveriam se pronunciar e diga-se de passagem, quem fechou o Estádio é do mesmo partido o qual o presidente é filiado, inclusive tendo levado o Seedorf para ser apresentado junto ao referido Prefeito (vascaíno) e não na nossa SEDE.
Quanto a chamá-lo de ladrão, não fiz, não faço e não farei, pois não o conheço e não tenho prova alguma que me leve a esse entendimento e nem vivo no CLUBE.
Quanto aos militares, Globo (felizmente tenho o controle remoto a minha disposição) e até alguns daqueles que se disseram perseguidos na época, hoje se encontram condenados, uns pela história e outros pelo Judiciário. Não há perfeição e prefiro sem dúvida alguma a democracia.
Voltando ao BOTAFOGO, que é o assunto desse espaço, te digo com tranquilidade que, vendo de fora, não gosto do modo como o CLUBE tem sido conduzido, não falo em roubo, e não é de hoje.
E digo mais, o Assumpção tem todos os caminhos legais para rebater, processar, seja lá o que for e com isso "limpar" seu nome ao se sentir atacado em sua honra e em última instância, convocar a imprensa e chutar o balde.
O próprio B. de Freitas, interpelou o Márcio Guedes ao vivo na TVE, ligou uma outra vez para o Sportv, sempre em defesa daquilo que ele acreditava correto.
Ser beligerante em demasia não é bom, bem como a mansidão também não o é.
No momento que o Assumpção se pronunciar e mostrar que o erro não foi dele, refaço sem traumas o que penso de sua gestão à frente do nosso querido BOTAFOGO.
Em resumo, acredito que procurar apenas culpados externos não mudará nada se não melhorar as práticas internas, principalmente não reconhecendo nossos próprios erros.
SA.

Marcio disse...

Advogado diz que ação de funcionários pode liberar receitas do Bota.
- Como o salário é prioridade em relação a outras dívidas, os funcionários do clube podem se mobilizar e entrar na Justiça, fazendo com que parte dessa penhora seja desbloqueada para o pagamento de salários. É uma medida cabível e comum - explicou o Advogado Bichara Neto, especialista em direito desportivo.

Já o o vice-presidente do departamento jurídico do Botafogo, Alberto Macedo, disse que realmente é uma medida cabível, mas deu a entender que não é a melhor ação a ser tomada.
- Acredito que o Bichara falou em tese. O que ele disse não está errado, mas como não tem conhecimento do que acontece no dia a dia do clube, ele não sabe a melhor medida para o clube. É, sim, uma forma de resolver parcialmente a situação, mas só vivendo o dia a dia do clube para entender - comentou. fonte: LANCE!Net.

Rodrigo Federman disse...

Isso aí, Marcio. No momento em que o MA colocar tudo que é suspeito em pratos limpos (e comprovando tudo o que fala), também farei questão de refazer várias suspeitas que levantamos e discutimos.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Essa declaração do Macedo, me pareceu meio evasiva, embora eu não tenha conhecimento para opinar sobre a questão.
Disse não ser a melhor medida e que se tomada fosse, resolveria parcialmente a situação.
Penso na situação dos menos favorecidos, esperando uma atitude que tenha uma solução com maior amplitude sobre o problema. E as contas de luz, água, telefone e outras tantas chegando à porta. Hoje são 4 de abril e as concessionárias e a barriga não esperam.
SA.

Rodrigo Federman disse...

Márcio, achei bastante evasiva.
Abs e SA!!!

Newton disse...

A impressão que se tem é que existem outras coisas encobertas, que ainda não foram à tona. Sonegações, desvios de receita, falta de transparência, aumento das dívidas e política.

Por quais motivos não seria plausível a entrada dos funcionários na justiça para desbloquear parte da penhora?

Por que não pagar 20% e ficar com 80%, ao invés de perder 100%?

Por que não se pronunciar e não buscar os direitos no caso "Engenhão"?

O Botafogo é um vespeiro. Quanto mais se mexe, maior o perigo.

Duas coisas são certas:
a) No Brasil a impunidade impera.
b) Lugar de corrupto é na cadeia.

Rodrigo Federman disse...

Nada a acrescentar, Newton.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...


Tenho 65 anos de idade, trabalhei 35 anos em cia. ligada diretamente a penhoras judiciais, mormente as do TRT, e jamais tinha presenciado uma decisão que penhorasse um percentual de 100% das receitas de uma cia., fato esse que inviabiliza a sobrevivência de qualquer uma delas e vem de encontro, inclusive, ao objetivo máximo de um órgão preocupado com o saldamento de contratos trabalhistas.
Houve sonegação, tudo bem, a cia. Precisa ter sua punição, mas as verbas trabalhistas, ao menos, deveriam ser preservadas em benefício do trabalhador, do contrário, que se penhorem os bens patrimoniais visando ao suporte para saldamento das dívidas; aí está a questão que jamais ninguém esclareceu, inclusive o Bebeto.
os bens patrimoniais do Botafogo, estão liberados de penhoras? São propriedades do Botafogo?
Não nos esqueçamos que General Severiano foi tomado ao Botafogo, por penhoras existentes à época, leiloado e arrematado pela RFFSA, e não sei em que bases retornou ao Botafogo, sei apenas que César Maia, então prefeito do RJ, proporcionou a volta do Botafogo ao local, não conhecendo eu, entretanto, a forma jurídica desse retorno, se apenas concedido pela extinta RFFSA (me parece sucedida pela MRS).
O fato é que a penhora de percentual de 100 %, ao meu juízo, sem a devida preservação das verbas trabalhistas, é inteiramente inconstitucional. Caberia ao clube requerer, com amplas possibilidades de conseguir, a liberação de verbas em benefício dos pagamentos de salários.
Quanto ao Nininho e ao Bebeto, o primeiro deveria ter seu afastamento imediato, uma vez constatada a tal sonegação, o segundo efetuou manobras no mínimo estranhas para conseguir o que diz ter conseguido para o clube, sua fala no programa do RMP, não me convence pela "fantasia" contida; um artista? Um mágico? No mínimo um malabarista.
Reinaldo

Rodrigo Federman disse...

Reinaldo, pode até ser, mas então cadê o jurídico do clube?
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

O jurídico do clube, chamado a se manifestar sobre posicionamento sugerido por um advogado (Bichara Neto) especialista em direito trabalhista, segundo FOGÃONET, disse:
"- Como o salário é prioridade em relação a outras dívidas, os funcionários do clube podem se mobilizar e entrar na Justiça, fazendo com que parte dessa penhora seja desbloqueada para o pagamento de salários. É uma medida cabível e comum – explicou."

"Consultado pela reportagem, o vice-presidente do departamento jurídico do Botafogo, Alberto Macedo, disse que realmente é uma medida cabível, mas deu a entender que não é a melhor ação a ser tomada."
É o que temos
Reinaldo

Rodrigo Federman disse...

Reinaldo, ou seja, está tudo nas mãos de Deus! rs
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Sabe o que me parece, Rodrigo?
Alguém ou alguns que garantem a folha, por fora, caixa 2 de empresas ou coisa semelhante,diante de toda a problemática e visibilidade, pulou no mato e essas penhoras nada tem a ver com salários, que na carteira devem ser baixíssimos.
Não há porquê, é coisa elementar em direito trabalhista, não se requerer a liberação de verba para pagamento de folha, a não ser que não interesse aos trabalhadores.
Há muita coisas no futebol, como nas demais atividades, no mundo todo, que jamais entenderemos...
Como diz vc, só Deus (nininho até se esforça para tal) rsrs
Sabe que até bem pouco tempo me enganou, como a toda a imprensa?
Reinaldo

Rodrigo Federman disse...

Reinaldo, o chato é que jamais saberemos, pois o Nininho não tem coragem de rebater nenhuma acusação. E se tivesse razão, não haveria porque ficar calado, né?
Abs e SA!!!